• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Relações Públicas 2.0: Um olhar sobre o Twitter Corporativo
 

Relações Públicas 2.0: Um olhar sobre o Twitter Corporativo

on

  • 957 views

Trabalho de conclusão de curso de Camila Curaçá para bacharel de Relações Públicas na UNESP Bauru -SP.

Trabalho de conclusão de curso de Camila Curaçá para bacharel de Relações Públicas na UNESP Bauru -SP.

Statistics

Views

Total Views
957
Views on SlideShare
956
Embed Views
1

Actions

Likes
0
Downloads
12
Comments
0

1 Embed 1

http://paper.li 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Relações Públicas 2.0: Um olhar sobre o Twitter Corporativo Relações Públicas 2.0: Um olhar sobre o Twitter Corporativo Presentation Transcript

    • Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – UNESP campus de Bauru Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação (FAAC) Relações Públicas 2.0: Um olhar sobre o Twitter Corporativo Camila Barrada Curaçá Professor orientador: Danilo Rothberg
    • Justificativa Este trabalho é fruto do anseio em pesquisar sobre as novas tecnologias e revelar um caráter teórico em um projeto, a maioria das pesquisas são práticas, como manuais desta temática. O projeto teve um enfoque teórico na trajetória das transformações na sociedade, ressalta as consequências que ocorreram nos relacionamentos ao longo do tempo, por meio do surgimento da Internet às atuais mídias sociais, com destaque para o Twitter corporativo. Essas nuances são vistas como pioneiras em trabalhos acadêmicos e foi a principal motivação deste trabalho.
    • Objetivos O principal objetivo é investigar as possibilidades do Twitter como ferramenta de relacionamento no contexto da comunicação corporativa nas organizações contemporâneas da atualidade. O projeto também tem como objetivo apresentar o profissional de relações públicas, com novas teorias, novas percepções e perspectivas na comunicação organizacional, com a denominação; Relações Públicas 2.0 . A pesquisa da literatura científica especializada na temática das transformações que a sociedade sofreu no século XXI, abordou as novas relações de consumo, as inter-relações com a comunicação corporativa digital e entrelaça com as mídias sociais, a priori o seu impacto no Twitter. Uma oportunidade como ferramenta de comunicação da organização com seus públicos de interesse
    • Metodologia O projeto analisou as causas, os motivos e as consequências dos relacionamentos da organização com o seu consumidor, mediados pela internet. As teorias analisadas são de autores, profissionais e pesquisadores da área, estudam a nova cultura que se engendrou na atualidade; a cibercultura, as transformações do modo de vida da sociedade; a sociedade da informação e a geração Y como o foco da análise, pois são os indivíduos dessa que predominam no ambiente virtual. A ênfase das teorias abordadas é a comunicação digital nas organizações, que se apropriaram das novas tecnologias para alcançar o público, com o objetivo de fidelizar e manter os relacionamentos.
    • Teorias abordadas Capítulo 1 – Sociedade da Informação A internet foi abordada como a tecnologia da transformação, pois modificou seus hábitos e prosseguiu para nova realidade. A Cibercultura, como a nova cultura social, atrelada a nova percepção e atuação dos indivíduos perante a sociedade contemporânea e as organizações atuais. Constitui-se em um novo espaço de sociabilidade, gerando formas distintas de relacionamentos, com novas regras e normas individuais às características do modelo de cultura tradicional. A característica essencial do ciberespaço é a liberdade de expressão existente. Acredita-se que esse aprendizado adicione-se aos relacionamentos tradicionais, de forma satisfatória. Autores: Levy, Castells, Nicola, Lemos, Oliveira.
    • Capítulo 2 – Consumo na Internet A geração dominante na internet é a geração Y, formada por aqueles que nasceram de 1980 à 1999, são os indivíduos em conexão e contribuem maciçamente para a evolução da internet e da comunicação digital. Os modelos de gestão preestabelecidas estão se tornando arcaicos, perdendo sua eficácia, pelas profundas mudanças nessa geração, que reage de maneira inovadora às premissas sedimentadas nos padrões tradicionais. O novo modelo atua de maneira mais arrogante, irreverente e imedita, promovendo habilidades diferentes, atitudes inéditas e uma facilidade em se adaptar a novas situações que não se observava em gerações anteriores. Autores: Oliveira, Nicola, Castells, Bauman, Canclini, Chanlat, Anderson e Scott.
    • Capítulo 3 – Comunicação Digital Corporativa A comunicação traz consigo os alicerces do novo modelo de consumidores e as novas tecnologias, e desse modo sofre uma grande influência nos processos de planejamento estratégico da organização e sua atuação nas mídias. O modelo ressaltado como adequado para o ambiente da comunicação digital, no contexto organizacional, envolve duas etapas; o posicionamento estratégico e a constituição dos espaços- informação. Autores: Terra, Kunsch, Corrêa, Scott, Costa, Anderson, Grunig, Ferrari, França e Recuero.
    • Capítulo 4 – Twitter Corporativo: A Ferramenta de Comunicação nas Organizações A partir da revolução da informação, as inovações tecnológicas surtiram profundos efeitos na sociedade e nas ferramentas de comunicação. Por meio das transformações que ocorreram na comunicação corporativa utilizando plataformas digitais, que possui como essência os relacionamentos e as trocas de informações A mídia social que se destaca e inova cada vez mais a fim de agregar conteúdos é o Twitter. Nessa perspectiva utiliza essa ferramenta com o objetivo de fidelizar o relacionamento entre as partes envolvidas por meio da troca de informações multimídias. O modelo de caso de sucesso atual de organização que inseriu as estratégias de comunicação digital nas mídias sociais, é a Camiseteria. Autores: Ferrari, Terra, Recuero e Corrêa
    • Proposta Espera-se com este projeto que os novos pesquisadores e os profissionais da atualidade reflitam sobre essas transformações que a sociedade sofreu, resultando em um novo modelo de comunicação, principalmente no contexto organizacional, ressaltando as percepções para o Twitter como plataforma digital para estreitar o relacionamento do consumidor com o posicionamento da comunicação da organização, por intermédio do Relações Públicas 2.0 .
    • Considerações finais No contexto da comunicação organizacional, a característica de destaque deste trabalho é o relacionamento direto com o consumidor. O Twitter como ferramenta de comunicação digital proporciona uma relação em tempo real, e a interface promove uma relação com o mercado de nicho. A interatividade como o cerne destas inovações no processo comunicacional nas organizações. O profissional detentor do conhecimento e das ferramentas necessárias para gerir a comunicação entre os públicos e trabalhar com conceitos de relacionamentos e suas nuances é o profissional de Relações Públicas 2.0, baseado em novas regras, novos modelos de comunicação voltados para o ambiente digital.
    • Muito obrigada! Camila Barrada Curaçá