Apresentação Dr. Abelardo G. Pinto
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Apresentação Dr. Abelardo G. Pinto

on

  • 731 views

Apresentação do Dr. Abelardo G. Pinto, Turismo Rural e Povos Tradicionais.

Apresentação do Dr. Abelardo G. Pinto, Turismo Rural e Povos Tradicionais.

Statistics

Views

Total Views
731
Views on SlideShare
730
Embed Views
1

Actions

Likes
0
Downloads
0
Comments
0

1 Embed 1

http://www.slideshare.net 1

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Apresentação Dr. Abelardo G. Pinto Apresentação Dr. Abelardo G. Pinto Presentation Transcript

  • Turismo Rural e Povos Tradicionais Campinas - SP 09 de abril de 2010 Abelardo Gonçalves Pinto Divisão de Extensão Rural
  • Povos Indígenas
    • Entre 1500 e 1600 a população indígena era de aprox. 5 milhões, em cerca de 1000 etnias.
    • Hoje: 550 mil indígenas, de 225 povos, em 24 estados, falando 185 linguas.
    • 65% em seus territórios e 35% em centros urbanos.
    • Estima-se que 900 pertençam a povos não contatados.
  • Povos Indígenas em SP
    • 38 Aldeias em seis regiões.
    • Guaranis Nhandeva e M’bya, Kaingang, Terena e Krenak.
    • Cerca de 6 mil indígenas vivendo no meio rural.
  • Contribuição indígena para a agricultura e o meio ambiente
    • Cultivos de Mandioca, milho, feijões, banana e outros.
    • Conhecimento sobre plantas nativas, especialmente medicinais.
    • Lógica economica comunitária, onde a maior riqueza é a preservação da natureza e o bom relacionamento humano.
  • Pontos fortes para o Turismo nas Aldeias
    • Cultura e língua preservadas.
    • Artesanato.
    • Meio ambiente e arquitetura das Aldeias.
    • Comércio de frutas nativas e plantas ornamentais.
    • Feiras de troca de sementes e grãos.
    • Produção literária e musical.
  • Benefícios que o Turismo nas Aldeias pode proporcionar
    • Contribuir para a redução da pobreza.
    • Contribuir para a preservação da identidade cultural.
    • Contribuir para a preservação ambiental.
    • Contribuir para a geração de renda.
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  • Povos Quilombolas
    • A maioria dos negros foi trazida da costa ocidental africana.
    • Trabalharam nos canaviais do Nordeste, na extração do ouro em MG e nos cafezais em SP.
    • O processo da escravidão gerou também um processo de resistência individual e coletiva.
    • Os quilombos são a sua forma mais conhecida.
  • Quilombos
    • Originalmente foram comunidades formadas por escravos fugidos, em regiões de difícil acesso.
    • Hoje abrange comunidades que possuam: identidade étnica de preponderância negra; relação hereditária com as gerações fundadoras; trabalho familiar e convivência harmônica com os recursos naturais.
  • Contribuição dos negros para a agricultura e o meio ambiente
    • Viabilizaram a expansão cafeeira e, consequentemente, a criação das centenas de cidades geradas pela “marcha do café”.
    • Conhecimento tradicional e estratégico para a sobrevivência baseada numa forma familiar de agricultura.
    • Lógica econômica comunitária, onde a maior riqueza é a preservação da natureza e o bom relacionamento humano.
    • Artesanato com raízes africanas.
  • Pontos fortes para o Turismo nos Quilombos
    • Riqueza cultural, especialmente festas tradicionais.
    • Artesanato.
    • Natureza exuberante na maioria dos quilombos.
    • Comércio de frutas nativas e plantas ornamentais.
    • Feiras de troca de sementes e grãos.
    • Produção literária e musical
  •  
  •  
  •  
  • Algumas Comunidades Quilombolas no Vale do Ribeira
    • Ivaporunduva: 80 famílias
    • Maria Rosa: 20
    • Pedro Cubas: 40
    • Pilões: 51
    • São Pedro: 39
    • André Lopez: 76
    • Nhunguara: 91
    • Sapatú: 82
    • Galvão: 29
    • Praia Grande 26  
    • http ://www. quilombosdoribeira . org . br
    •  
  • Políticas Públicas
    • Pronaf – Crédito.
    • Nova Lei de Ater.
    • Rede temática de Ater Indígena.
    • Alimentação Escolar.
    • Convênio MDA/SAA-CATI.
    • Programa Microbacias II – “Acesso ao Mercado”
  • Obrigado a vocês pela atenção e pela oportunidade. [email_address]