Crescer Infantil,juvenil;os que praticam balé a pouca energia determina todos os aspectos puberal
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Crescer Infantil,juvenil;os que praticam balé a pouca energia determina todos os aspectos puberal

on

  • 265 views

É o aparecimento e a quantidade de déficit de energia que determina o grau de envolvimento de todos os aspectos do desenvolvimento puberal. De fato, bailarinos com pubarca normais iniciam seu ...

É o aparecimento e a quantidade de déficit de energia que determina o grau de envolvimento de todos os aspectos do desenvolvimento puberal. De fato, bailarinos com pubarca normais iniciam seu treinamento com a idade de 8 a 9 anos de idade, com apenas 3,5-7,3 hs/sem, enquanto a nossa examinada ginasta rítmica e a ginasta olímpica começaram seu treinamento com a idade de 6,4 a 7,7 anos de idade com mais de 30 hs/sem

Statistics

Views

Total Views
265
Views on SlideShare
248
Embed Views
17

Actions

Likes
0
Downloads
0
Comments
0

1 Embed 17

http://crescersim.wordpress.com 17

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft Word

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Crescer Infantil,juvenil;os que praticam balé a pouca energia determina todos os aspectos puberal Crescer Infantil,juvenil;os que praticam balé a pouca energia determina todos os aspectos puberal Document Transcript

    • Dr. João Santos Caio Jr - CRM 20.611 Neuro-Endocrinologista Clínico Dra. Henriqueta V Caio - CRM 28.960 Endocrinologista Clínico CRESCER INFANTIL, JUVENIL: AS ATLETAS ENVOLVIDAS EM GRANDE VARIEDADE DE ESPORTES, INCLUINDO CORRIDAS, NATAÇÃO, TÊNIS, BALÉ E GINASTA APRESENTAM UM BEM DOCUMENTADO ATRASO DA MENARCA; DR. JOÃO SANTOS CAIO JR. ET DRA. HENRIQUETA V. CAIO; ENDOCRINOLOGIA- NEUROENDOCRINOLOGIA-FISIOLOGIA. Em bailarinos sujeitos a alto gasto de energia e baixa ingestão calórica, a telarca (desenvolvimento das mamas) atrasada e uma pubarca (pêlos pubianos e axilares) normal foi notada. Isto implica que os mecanismos centrais independentes estão envolvidos no desencadeamento desses dois aspectos do desenvolvimento puberal. De fato, o desenvolvimento da mama e menarca subsequente está relacionado com os níveis de estrogênio, enquanto a pubarca está relacionado principalmente à produção do andrógeno adrenal. Em condições de déficit de energia e consequente redução do tecido adiposo, a produção de estrógeno diminui e o desenvolvimento da mama e a menarca ficam atrasadas. É o aparecimento e a quantidade de déficit de energia que determina o grau de envolvimento de todos os aspectos do desenvolvimento puberal. De fato, bailarinos com pubarca normais iniciam seu treinamento com a idade de 8 a 9 anos de idade, com apenas 3,5-7,3 hs/sem, enquanto a nossa examinada ginasta rítmica e a ginasta olímpica começaram seu treinamento com a idade de 6,4 a 7,7 anos de idade com mais de 30 hs/sem. As atletas envolvidas em uma grande variedade de esportes, incluindo corridas, natação, tênis, balé e ginasta apresentam um bem
    • Dr. João Santos Caio Jr - CRM 20.611 Neuro-Endocrinologista Clínico Dra. Henriqueta V Caio - CRM 28.960 Endocrinologista Clínico documentado atraso da menarca. “Em ginástica rítmica, a menarca foi significativamente atrasada em comparação com suas mães e irmãs que não fizeram treinamento”, uma constatação luta contra uma predisposição genética para a menarca tardia. É bem sabido que um peso mínimo para a altura e uma inclinação crítica em relação à massa de gordura é necessária para a menarca. De acordo com a teoria Frisch, o armazenamento de uma percentagem crítica da gordura corporal reduz a taxa metabólica e induz a uma sensibilização do hipotálamo para esteróidegonadal. Na verdade, a produção de leptina e do estrogênio pelo tecido adiposo desempenham um papel crucial no desencadeamento da menarca. Estas modulações refletem uma adaptação natural do corpo para as exigências elevadas de energia. Na ginástica olímpica e na ginástica rítmica, baixo teor de gordura corporal, peso corporal baixo (entrada de baixa energia) e treinamento físico intensivo (saída de alta energia ) são os principais fatores que influenciam a menarca. Baixo peso corporal, no entanto, manteve-se o
    • Dr. João Santos Caio Jr - CRM 20.611 Neuro-Endocrinologista Clínico Dra. Henriqueta V Caio - CRM 28.960 Endocrinologista Clínico fator mais significativo em retardar o início da puberdade. É de notar que, em ambas a ginástica rítmica e a ginástica olímpica, os atletas mais velhos sem menarca apresentaram menor altura, menor peso e menor IMC do que seus contemporâneos com menarca. Em conclusão, o treinamento físico intensivo da ginástica rítmica e da ginástica olímpica e balanço energético negativo, modulando o set point hipotalâmico hipofisário na puberdade prolongam a fase pré-púbere e atrasam o desenvolvimento puberal, sem afetar a duração do processo puberal. Dr. João Santos Caio Jr. Endocrinologia – Neuroendocrinologista CRM 20611 Dra. Henriqueta V. Caio Endocrinologista – Medicina Interna CRM 28930 Como saber mais: 1. Em estudo prospectivo, a evidência de uma redução do potencial de crescimento e uma diminuição nas previsões da altura média ao longo do tempo foi fornecida em um grupo menor de ginastas olímpicos... http://hormoniocrescimentoadultos.blogspot.com. 2. Nós, portanto, avaliamos comparativamente tanto ginasta olímpico masculino e feminino... http://longevidadefutura.blogspot.com 3. a ginasta olímpica feminina apresentou maior desvio de altura do que a população relacionada com a média de idade, com um maior atraso na sua maturação esquelética... http://imcobesidade.blogspot.com AUTORIZADO O USO DOS DIREITOS AUTORAIS COM CITAÇÃO DOS AUTORES PROSPECTIVOS ET REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA. Referências Bibliográficas: Caio Jr, João Santos, Dr.; Endocrinologista, Neuroendocrinologista, Caio,H.V., Dra. Endocrinologista, MedicinaInterna – Van Der Häägen Brazil, São Paulo, Brasil; Tanner JM, 1989 Fetus into Man: Physical growth from conception to maturity. Cambridge, MA: Harvard University Press; Sinclair D, 1978 Human
    • Dr. João Santos Caio Jr - CRM 20.611 Neuro-Endocrinologista Clínico Dra. Henriqueta V Caio - CRM 28.960 Endocrinologista Clínico growth after birth. London: Oxford University Press, pp, 140-159; Rogol AD, Roemmich JN, Clark PA, 2002 Growth at puberty. J Adol Health 31: 192-200; Smith DW, 1977 Growth and its disorders. Philadelphia: WB Saunders Co; Tanner JM, (ed) 1962 Growth at adolescence, 2nd Ed. Oxford: Blackwell; Tanner JM, 1986 Growth as a target-seeking function: catch up and catch down growth in man. In: Human growth. Falkner F, Tanner JM, (eds), vol 1. New York: Plenum Press, pp,167-179; Claessens A, Lefevre J, Beunen G, Malina RM. 1999 The contribution of anthropometric characteristics to performance scores in elite female gymnasts. J Sports Med Phys Fitness 39: 355-360; Buckler J, Brodie D, 1977 Growth and maturity characteristics of schoolboy gymnasts. Annals Hum Biol 4: 455-463; Caldarone G, Leglise M, Giampietro M, Berlutti G, 1986 Anthropometric measurements, body composition, biological maturation and growth predictions in young female gymnasts of high agonistic level. J Sports Med 26: 263-273; Claessens AL, Malina RM, LefevreJ,Beunen G, Stijnen V, Maes H, Veer FM, 1992 Growth and menarcheal status of elite female gymnasts. Med Sci Sports Exercise 24: 755-763; Jost-Relyveld A, Sempe M, 1982 Analyse de la croissance et de la maturation squelettique de 80 jeunes gymnasts internationaux. Pediatrie 37: 247-262; Smit PJ, 1973 Anthropometric observations on South African gymnasts. Afr Med J 47: 480-485; Theintz GE, Howald H, Weiss U, Sizonenko PC, 1993 Evidence for a reduction of growth potential in adolescent female gymnasts. J Pediatr 122: 306-313; Theintz GE, Howald H, Allemann Y, Sizonenko PC, 1989 Growth and pubertal development of young female gymnasts and swimmers: a correlation with parental data. Int J Sports Med 10: 87_91. Site Van Der Häägen Brazil www.vanderhaagenbrazil.com.br www.clinicavanderhaagen.com.br www.crescimentoinfoco.com www.obesidadeinfoco.com.br http://drcaiojr.site.med.br http://dracaio.site.med.br Joao Santos Caio Jr http://google.com/+JoaoSantosCaioJr Video http://youtu.be/woonaiFJQwY Google Maps: http://maps.google.com.br/maps/place?cid=5099901339000351730&q=Van+Der+Haagen+Brasil&hl=pt &sll=-23.578256,46.645653&sspn=0.005074,0.009645&ie =UTF8&ll=-23.575591,-46.650481&spn=0,0&t = h&z=17