Causas da Obesidade - Endocrinologia
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Causas da Obesidade - Endocrinologia

on

  • 268 views

As causas que podem levar à obesidade são variadas. O que parece claro é que se são consumidas mais calorias do que se queima na vida diária, eventualmente, haverá excesso de peso. Todas essas ...

As causas que podem levar à obesidade são variadas. O que parece claro é que se são consumidas mais calorias do que se queima na vida diária, eventualmente, haverá excesso de peso. Todas essas calorias não utilizadas são armazenadas no corpo em forma de gordura.Outro fator que contribui para a obesidade é o álcool, por causa de sua enorme contribuição calórica. A falta de exercício também ajuda a aumentar o peso.Algumas condições médicas, tais como hipotireoidismo, podem causar ganho de peso.

Statistics

Views

Total Views
268
Views on SlideShare
267
Embed Views
1

Actions

Likes
0
Downloads
0
Comments
0

1 Embed 1

https://twitter.com 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft Word

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Causas da Obesidade - Endocrinologia Causas da Obesidade - Endocrinologia Document Transcript

    • CAUSAS DA OBESIDADE - ELAS TAMBÉM OCORREM EM CRIANÇAS E ADOLESCENTES, MAS ADULTOS NÃO ESCAPAM;DR.J.S.CAIO JR. ET DRA.CAIO. INDEPENDENTE DO COMPROMETIMENTO E ASSOCIAÇÃO COM AS ALTERAÇÕES DE COLESTEROL TOTAL, BOM COLESTEROL – HDL, MAL COLESTEROL – LDL, MGMIN COLESTEROL AGRESSIVO (PRINCIPALMENTE EM CRIANÇAS, INFANTIL, JUVENIL, E ADOLESCENTES COM DIABETES MELLITUS. ENDOCRINOLOGIA – NEUROENDOCRINOLOGIA - DR. JOÃO SANTOS CAIO JR. ET DRA. HENRIQUETA V. CAIO. O que nos tem preocupado como profissionais endocrinologistas e o aumento gradativo de crianças com obesidade e diabetes tipo 2 assim como pressão alta a partir de 8 anos. Embora raro na maioria dos adolescentes com peso normal, a pressão arterial alta, ou hipertensão, é mais comum em adolescentes com sobrepeso ou obesos; colesterol elevado: muito antes de ficarem doente, os adolescentes obesos podem ter níveis anormais de lipídios no sangue, incluindo colesterol total alto, diminuição do bom colesterol HDL e altos níveis de mau colesterol LDL, de triglicérides e do Mgmin colesterol agressivo. Estes aumentam o risco de ataque cardíaco e acidente vascular cerebral quando uma pessoa fica mais velha; fígado gorduroso: esta condição é chamada de esteatose hepática, onde parte dos hepatócitos (células do fígado) são substituídas
    • por adipócitos (células de gordura) é um processo que aumenta gradativamente se não forem tomadas providências sérias a curto prazo, porque o funcionamento do fígado fica comprometido; pseudo tumor cerebral: esta é uma causa rara em que ocorre dor de cabeça severa em adolescentes e adultos obesos (sobrepeso, obesidade, obesidade abdominal, intra-abdominal, central, visceral). Não há nenhum tumor, mas a pressão aumenta no cérebro. Além de dores de cabeça, sintomas podem incluir vômitos, andar instável, e problemas de visão que pode se tornar permanente se não for tratada; síndrome dos ovários policísticos (SOP): as meninas que estão acima do peso podem apresentar alterações da regularidade dos ciclos menstruais, podendo até haver amenorréia (falta da menstruação) e podem apresentar níveis elevados de testosterona (hormônio masculino) no sangue. Embora seja normal a mulher apresentar um nível de testosterona no sangue, quando ocorre o excesso de testosterona pode não ocorrer a ovulação (liberação do folículo) e este ficando retido aumenta a produção de testosterona que pode causar crescimento de pêlos em excesso, piora da acne, e queda acentuada dos cabelos, com oleosidade de pele e cabelos. A síndrome de ovário policístico está associada com a resistência à insulina, um precursor para o desenvolvimento de diabetes mellitus tipo 2. Mulheres com sobrepeso também podem ter problemas de fertilidade; resistência à insulina e diabetes: Quando há excesso de gordura corporal,
    • a insulina é menos eficaz na obtenção de glicose, principal fonte do corpo de energia para as células. É necessário mais insulina para manter o nível de glicemia normal. Para alguns adolescentes com sobrepeso (sobrepeso, obesidade, obesidade abdominal, intra-abdominal, central, visceral) ou obesidade a resistência à insulina pode progredir para o diabetes mellitus tipo 2; além das complicações médicas, a obesidade na adolescência tem sérias conseqüências psicológicas. Adolescentes obesos têm baixa autoestima, e acompanhamento de pacientes que eram obesos quando adolescentes mostra diferenças em resultados de longo prazo na vida adulta destes adolescentes, tais como: níveis mais baixos de educação; menor incidência de casamento; menor renda familiar; taxas mais elevadas de pobreza; depressão: as pessoas que são obesas são mais propensas à depressão e têm baixa auto-estima. Felizmente, nunca é tarde demais para fazer alterações que podem efetivamente controlar o peso e as complicações que ela causa. Dr. João Santos Caio Jr. Endocrinologia – Neuroendocrinologista CRM 20611 Dra. Henriqueta V. Caio Endocrinologista – Medicina Interna CRM 28930 Como Saber Mais: 1. Embora raro na maioria dos adolescentes com peso normal, a pressão arterial alta, ou hipertensão, é mais comum em adolescentes com sobrepeso ou obesos... http://obesidadeinfantojuvenil2.blogspot.com/
    • 2. A síndrome dos ovários policísticos (SOP): as meninas que estão acima do peso podem apresentar alterações da regularidade dos ciclos menstruais, podendo até haver amenorréia (falta da menstruação) e podem apresentar níveis elevados de testosterona (hormônio masculino) no sangue.... http://obesidademeninos.blogspot.com/ 3. Quando há excesso de gordura corporal, a insulina é menos eficaz na obtenção de glicose, principal fonte do corpo de energia para as células. É necessário mais insulina para manter o nível de glicemia normal... http://queroemagrecermais.blogspot.com AUTORIZADO O USO DOS DIREITOS AUTORAIS COM CITAÇÃO DOS AUTORES PROSPECTIVOS ET REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA. Referências Bibliográficas: Avaliado por: Mary L. Gavin, MD; Din-Dzietham R, Y Liu, Bielo MV, Shamsa F. tendências de alta pressão arterial em crianças e adolescentes em inquéritos nacionais de 1963 a 2002. Circulation 116 (13), 14881496 (2007); Feber J, Ahmed M. Hipertensão em crianças: novas tendências e desafios. Clin. Sci. (Lond.) 119 (4), 151-161 (2010); Falkner B. Hipertensão em crianças e adolescentes: epidemiologia e história natural. Pediatr. Nephrol. 25 (7), 1219-1224 (2010); Stabouli S, Kotsis V, Rizos Z, Toumanidis S, Karagianni C, Constantopoulos A. Massa ventricular esquerda em normotensos, as crianças préhipertensos e hipertensos e adolescentes. Pediatr. Nephrol. 24 (8), 1545-1551 (2009); Stabouli S, Kotsis V, Rizos Z, Toumanidis S, Karagianni C, Constantopoulos A. Massa ventricular esquerda em normotensos, as crianças pré-hipertensos e hipertensos e adolescentes. Pediatr. Nephrol. 24 (8), 1545-1551 (2009). Site Van Der Häägen Brazil www.vanderhaagenbrazil.com.br www.clinicavanderhaagen.com.br www.crescimentoinfoco.com www.obesidadeinfoco.com.br http://drcaiojr.site.med.br http://dracaio.site.med.br Joao Santos Caio Jr
    • http://google.com/+JoaoSantosCaioJr Video http://youtu.be/woonaiFJQwY Google Maps: http://maps.google.com.br/maps/place?cid=5099901339000351730&q=Van+Der+Haagen+Brasil&hl=pt &sll=-23.578256,46.645653&sspn=0.005074,0.009645&ie =UTF8&ll=-23.575591,-46.650481&spn=0,0&t = h&z=17