Jornalismo 2.0
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Like this? Share it with your network

Share

Jornalismo 2.0

on

  • 1,988 views

Apresentação de palestra ministrada por Daniela Marques (@danimie) sobre Jornalismo 2.0 ministrada durante aula no curso de pós graduação do Senac São Paulo - Gestão em Mídias Sociais.

Apresentação de palestra ministrada por Daniela Marques (@danimie) sobre Jornalismo 2.0 ministrada durante aula no curso de pós graduação do Senac São Paulo - Gestão em Mídias Sociais.

Statistics

Views

Total Views
1,988
Views on SlideShare
1,988
Embed Views
0

Actions

Likes
1
Downloads
39
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment
  • São 6 pontos de atenção no diagnóstico As mudanças no processo de avaliação dos funcionários deverá ser comunicado de forma a ressaltar a contribuição que sua postura, conhecimento, habilidades e atitudes dão para o desenvolvimento das micro e pequenas empresas no Estado. Deve reforçar, mais do que nunca, o papel do colaborador como protagonista da entidade.

Jornalismo 2.0 Presentation Transcript

  • 1. Jornalismo 2.0 Curso de Pós em Gestão em Mídias Sociais Senac Lapa Scipião 30.04.11
  • 2. Imprensa “moderna”
    • Johannes Gutenberg ou João Gutenberg foi um inventor e gráfico alemão que criou a forma moderna de impressão que permitiu a divulgação e cópia muito mais rápida de livros e jornais;
    • A invenção deu início à Revolução da Imprensa que é considerada um dos eventos mais importantes do período moderno e teve papel fundamental no desenvolvimento da sociedade e da Ciência ;
    • A prensa de Gutenberg foi criada em 1439, mas foi marcada mesmo pela Bíblia de Gutenberg (também conhecida como a Bíblia de 42 linhas), identificada pela estética e qualidade técnica ;
    • A produção da Bíblia começou em 1450 e...
    • ... calcula-se que tenha sido concluída em 1455 !
  • 3. Mudam as plataformas... ... O conteúdo, nem sempre. ;)
  • 4. Fala que eu te escuto... A web 2.0 e o diálogo
  • 5. O que faz a web ser “2.0”?
    • A Internet NÃO é uma entidade mística;
    • “ Ela não existe em si. É criada de uma forma própria por cada povo , a partir de suas motivações”*; *antropólogo britânico Daniel Miller
    • As Redes Sociais são as mensagens , é aquilo que se comunica;
    • As Redes Sociais são as PESSOAS .
    • PESSOAS
  • 6. Imprensa realmente moderna
    • Jornalismo como contação de histórias ;
    • Pressupõe diálogo , favorece as conversas ;
    • Web 2.0 permitiu a interação ;
    • Até então, jornalismo era unilateral ;
    • Mídias sociais transformaram leitores em publicadores ;
    • Modelo permite que o leigo em “técnicas de imprensa” possa se expressar ;
    • Busca de pautas e personagens - perfis como @ajudeumreporter , sites e redes sociais.
  • 7. Jornalistas “celebridades”
    • Mídias sociais aproximam ainda mais o jornalista do seu público;
    • Facilidade de acesso aos “ídolos” e, dentre eles, podem estar jornalistas;
    • Fetiche que o jornalismo ainda provoca em algumas pessoas - bastidores das redações ;
    • Jornalismo ainda mais transparente e humanizado .
  • 8. “ Na busca por oferecer esse lado de bastidor inusitado, muita gente se rendeu ao baile social. O apresentador do Jornal Nacional, da Rede Globo, William Bonner, tuita entre um bloco e outro do jornal. Quando erra, pede desculpas na mídia social.” Ivan Guevara “ William Bonner posta tweets “simpáticos”, mostrando um pouco de seu cotidiano fora do jornalismo e não cria polêmicas. Qual outra celebridade consegue postar fotos de um pijama de forma mais adorável e inusitada que o @realwbonner?” Ana Brambilla em “Para Entender as Mídias Sociais”. Jornalistas “celebridades”
  • 9.
    • Mídias sociais transformaram leitores em publicadores ;
    • Modelo permite que o leigo em “técnicas de imprensa” possa se expressar .
    Você é o meio "Eu disse que, a longo prazo, o meio é a mensagem (...) O meio impresso superou as principais formas de educação oral (...) Em poucas décadas, o impresso acabou com um padrão de 2500 anos. Hoje, a monarquia do impresso acabou e a oligarquia da nova mídia usurpou quase todo o poder desta monarquia de 500 anos.” Marshall McLuhann 1959
  • 10. Jornalismo colaborativo a figura do “cidadão-repórter”
  • 11.
    • Mundo árabe se mobilizando pelas redes sociais;
    • Governo cortando o acesso à web e telefonia celular;
    • Com a “vitória” do regime, rebeldes digitais , estão sendo
    • caçados;
    Protagonismo e busca pela democracia
    • Wikileaks - “vaza” documentos confidenciais comprometedores;
    • Criador da ferramenta, Julian Assange , foi preso por crime sexual na Suécia;
    • Operações financeiras da organização foram bloqueadas;
    • Atuação marcante (e questionável?) do grupo Anonymous .
  • 12.
    • Cidadão-repórter informa porque quer mudança - bairro mais limpo, escola de qualidade, melhor atendimento etc;
    • Beneficia a narrativa local, jornalismo hiperlocal ;
    • Editor profissional faz a curadoria, refina a informação para, então, publicar;
    Modelos de colaboração - grandes portais
    • Atenção aos meios se fragmenta - pessoas dividem seu tempo entre ler o jornal, ver o noticiário na TV, acompanhar blogs, Youtube e redes sociais;
    • A grande imprensa pauta a web . O inverso, só acontece raramente (#NaoFoiAcidente);
    • Blogs indexados a portais de veículos como forma de equilibrar o discurso e aumentar a audiência ;
    • Lógica do “você pode ser um dos nossos” - sensação de inclusão, pertencimento.
  • 13. O Cidadonos é o site de um concurso que vai premiar as melhores ideias e propostas para transformar Jundiaí na cidade dos sonhos dos seus moradores. Cidadãos, ONGs, Escolas, Empresas e Governantes interessados podem participar, apresentar ideias, votar nas melhores e apoiar sua implementação. O site foi criado para estimular a participação e ajudar na criação de uma "Agenda Cidadã" para a cidade. http://www.cidadonos.com.br/ Modelos de colaboração - comunidades hiperlocais
  • 14. A OhmyNews é uma agência de notícias da Coreia do Sul, criada em 2000. Funciona como uma cooperativa de "propriedade" de jornais e estações de televisão e conta com a participação de colaboradores remunerados "simbolicamente". Seu lema é "Cada cidadão é um repórter" e o veículo é considerado o primeiro no mundo a aceitar, editar e publicar artigos dos seus leitores, num estilo de jornalismo aberto e participativo. http://international.ohmynews.com/ Modelos de colaboração - sites independentes
  • 15. AgoraVox é um site francês com conteúdo 100% produzido por cidadãos voluntários. Foi criado pela fundação de mesmo nome, que é reconhecida no país como uma organização de utilidade pública. A missão da entidade bem como do portal é garantir um espaço de manifestação pública, em benefício do bem comum, e defender a liberdade de expressão. O site é mantido por meio de doações. http://www.agoravox.fr/ Modelos de colaboração - sites independentes
  • 16. O Wikinews é da "família" Wikipedia. A ideia de produção colaborativa se mantém, mas, neste caso, o objeto são artigos e notícias em formato jornalístico, enquanto a Wikipedia agrupa textos mais "acadêmicos". As regras do site sugerem que se evite emitir opinião. "Se você quer dizer ao mundo o que pensa, tente blogs", orientam. ;) Segundo eles, essa determinação visa a manter a neutralidade do canal. Também aqui, os textos podem ser editados pela comunidade. http://www.wikinews.org/ Modelos de colaboração - sites independentes
  • 17. O Overmundo é um site colaborativo voltado para a cultura brasileira e suas manifestações dentro e fora do País. Destacam-se as práticas, manifestações e a produção cultural que não têm a devida expressão nos meios de comunicação tradicionais . O Overmundo é feito por sua própria comunidade que participa publicando e/ou comentando e debatendo os textos, dicas e obras divulgadas por meio do site. O site convida a todos a se inscreverem e é mantido pela iniciativa privada e com apoio do governo. http://www.overmundo.com.br/ Modelos de colaboração - sites independentes
  • 18. The Huffington Post é um portal de notícias e agregador de blogs americano lançado por Arianna Huffington e Kenneth Lerer em 9 de maio de 2005. Desde então, o site cresceu (tendo mais acessos até mesmo que o NYT) e ganhou cada vez mais respeito e relevância especialmente por sua independência. Entretanto, em fevereiro de 2011, foi anunciada a venda do portal à AOL por US$ 315 milhões e começaram as críticas. Por parte de leitores e jornalistas insatisfeitos e preocupados com a manutenção da isenção do discurso e por parte de colaboradores voluntários que se sentem no direito de receber parte da fortuna. http://www.huffingtonpost.com/ Modelos de colaboração - benchmark Integração com Redes Sociais
  • 19. O jornal Voz da Comunidade foi criado por Renê Silva, na época com 11 anos. A ideia era retratar a comunidade onde vive, o Complexo do Alemão no Rio de Janeiro. O projeto, que teve início com um jornalzinho feito de forma rudimentar pelo jovem e alguns amigos, gerou um site (em WordPress) que trata de acontecimentos do bairro e reproduz o que é publicado no jornal. Do twitter, vem um dos capítulos mais interessantes desta história: no dia anterior aos conflitos de novembro passado no Rio de Janeiro, o perfil @VozDaComunidade tinha 180 seguidores. O jovem e seus amigos começaram a narrar o que acontecia lá dentro. Com o grande interesse pelo assunto, o jovem conseguiu quase 18 mil seguidores já no dia seguinte. http://www.jornalvozdacomunidade.com.br/ Modelos de colaboração - independente e hiperlocal
  • 20. As empresas e a web 2.0 #comofaz
  • 21. Marcas na web e redes sociais Se a sua marca é relevante, ela já está na web, em blogs e redes sociais. Posicionar-se é uma escolha e uma decisão importante. 1 Contrate um especialista. A ideia de que “escrever qualquer um sabe” nem sempre é verdadeira. 2 Inspire-se em Justin Bieber. Oi? 3
  • 22. Ele até fala!
    • Tem menos seguidores que Lady Gaga, mas ela tem 480 mil menções mês, enquanto ele, 34 milhões ;
    • A diferença fundamental é que ele responde a alguns de seus fãs;
    • Propagar é importante, mas responder ajuda a criar uma relação de confiança e o torna ainda mais relevante .
  • 23. Tendências o que vem por aí
  • 24. Cada vez mais brasileiros conectados por banda larga e Smartphones Aumento dos sites que privilegiam o jornalismo hiperlocal Tendências - próximos anos
  • 25. ... Era uma vez e continuará sendo
  • 26. O que a gente quer é contar uma história
    • Depois dos terremotos e tsunamis no Japão, um jornal local foi escrito à mão por 06 dias e entregue nos abrigos.
    • É muito amor. <3 .
  • 27. Referências bibliográficas
    • Modelos de Colaboração nos Meios Sociais da Internet
    • Organizado por Henrique Antoun
    • 2008
    • Para Entender as Mídias Sociais
    • Organizado por Ana Brambilla
    • 2011
    • Estratégias 2.0 Para a Mídia Digital
    • Beth Saad
    • 2008
  • 28. Obrigada Daniela Marques [email_address] @danimie