Apresentação 2T12
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Apresentação 2T12

on

  • 2,429 views

 

Statistics

Views

Total Views
2,429
Views on SlideShare
556
Embed Views
1,873

Actions

Likes
0
Downloads
0
Comments
0

4 Embeds 1,873

http://ccr.riweb.com.br 1857
http://ri.ccr.com.br 8
http://www.mzweb.com.br 5
http://ccr.web01.riweb.com.br 3

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Apresentação 2T12 Apresentação 2T12 Presentation Transcript

  • Resultados 2T12
  • AvisoEsta apresentação poderá conter certas projeções e tendências que não são resultadosfinanceiros realizados, nem informação histórica.Estas projeções e tendências estão sujeitas a riscos e incertezas, sendo que osresultados futuros poderão diferir materialmente daqueles projetados. Muitos destesriscos e incertezas relacionam-se a fatores que estão além da capacidade da CCR emcontrolar ou estimar, como as condições de mercado, as flutuações de moeda, ocomportamento de outros participantes do mercado, as ações de órgãos reguladores, ahabilidade da companhia de continuar a obter financiamentos, as mudanças no contextopolítico e social em que a CCR opera ou em tendências ou condições econômicas,incluindo-se as flutuações de inflação e as alterações na confiança do consumidor, embases global, nacional ou regional.Os leitores são advertidos a não confiarem plenamente nestas projeções e tendências. ACCR não tem obrigação de publicar qualquer revisão destas projeções e tendências quedevam refletir novos eventos ou circunstâncias após a realização desta apresentação. 2
  • Agenda Destaques Análise dos Resultados Perspectivas 3
  • Destaques do 2T12RECEITA LÍQUIDA:Crescimento de 11,0% em relação ao 2T11.EBITDA e MARGEM EBITDA:Expansão de +13,4% de EBITDA, com margem atingindo 62,5%, um acréscimo de 1,3p.p. em comparação ao 2T11.LUCRO LÍQUIDO:Atingiu R$ 224,3 milhões, +37,7%, beneficiado por maior geração de caixa, redução decustos operacionais e despesas financeiras.ARRECADAÇÂO ELETRONICA:A arrecadação eletrônica de pedágio atingiu 67,4% do total da receita de pedágio,sendo que o número de usuários da STP expandiu-se em 21,1%, em relação a junho de2011, atingindo 3.478 mil tag’s ativos. 4
  • Eventos Subsequentes No dia 2 de julho de 2012, a CCR finalizou as etapas previstas no Contrato de Compra e Venda de Ações e outras Avenças, passando a deter, por meio de sua controlada CPC, 80,00% (oitenta por cento) das ações representativas do capital social da Barcas S.A. A diretoria da Companhia propôs a distribuição de dividendos intermediários de R$ 0,54 por ação, como antecipação do exercício de 2012, totalizando R$ 953,4 milhões. 5
  • Destaques dos Resultados Expansão de margem EBITDA como resultado...Indicadores Financeiros (R$ MM) 2T11 2T12 Var % 1S11 1S12 Var %Receita Líquida* 1.080,2 1.198,6 11,0% 2.123,6 2.393,3 12,7%EBIT 481,6 563,2 16,9% 965,0 1.170,8 21,3%Mg. EBIT 44,6% 47,0% +2,4 p.p 45,4% 48,9% +3,5 p.pEBITDA 661,0 749,4 13,4% 1.323,0 1.529,9 15,6%Mg. EBITDA 61,2% 62,5% +1,3 p.p 62,3% 63,9% +1,6 p.pLucro Líquido 162,9 224,3 37,7% 338,1 512,9 51,7%Div. Liq./ EBITDA últ. 12m. 2,2 x 2,0 x - 2,2 x 2,0 x -EBITDA / Investimentos Realizados 3,7 x 5,1 x - 3,8 x 6,0 x -EBITDA / Juros e Variações Monetárias 2,7 x 4,6 x - 3,1 x 4,5 x -* A Receita Operacional Líquida exclui a Receita de Construção. ...de maior geração de caixa e redução de custos. 6
  • Tráfego – Variação TrimestralConsolidado - VEQ 237.859 238.811 211.840 172.561 146.143 133.574 2T07 2T08 2T09 2T10 2T11 2T12Receita e tráfego 2T12 X 2T11 (%) 12,0 11,5 9,8 10,3 9,8 12,0 11,5 8,2 10,3 8,8 9,8 9,8 7,0 8,8 8,2 5,4 7,0 3,0 2,9 5,4 1,1 1,6 1,4 3,0 2,9 -0,8 -0,5 0,1 -0,5 1,1 1,6 1,4 0,1 -0,5 -0,8 -0,5 AutoBAn NovaDutra Rodonorte Ponte ViaLagos ViaOeste Renovias Rodoanel SPVias AutoBAn NovaDutra Rodonorte Ponte ViaLagos ViaOeste Renovias Rodoanel SPVias Tráfego Receita de Pedágio 7
  • Análise da Receita Receita Operacional Bruta Breakdown de Receita ViaLagos Controlar Ponte Renovias 1,4% 1,1% 2,7% 2,3% Outros 0,3% 5% ViaQuatro 8% 7% 10% 3,0% RodoAnel 3,4% AutoBan STP 30,4% 3,6% SPVias 95% 92% 93% 90% 8,1% RodoNorte 9,5% NovaDutra ViaOeste 19,3% 2T09 2T10 2T11 2T12 14,9% Pedágio OutrasIndexador da Receita Meios de Pagamento 40% 35% 33% 44% IPCA 40% IGPM 60% 60% 65% 67% 56% 2T09 2T10 2T11 2T12 Meios eletrônicos À vista 8
  • EBITDA e Custos (2T11 X 2T12) Contribuição aprox. no Fonte Cresc. % cresc. do EBITDA (R$ MM)EBITDA cresceu 13,4% +3 Tráfego 0,4% + R$ 88 MM + 46 Tarifa e rec. acessórias 7,5% + 22 Outras receitas 56,6% + 16 Aumento da margem Ebitda + 1,3 p.p. Custos Totais (R$ milhões) 5% 11% 34% Redução 16% 9 (7) total de 14% (47) 22 custos 16 20% 1% 8% 736 (9) 6 726 2T11 Depreciação Serviços de Custo de Custo com Custo de Provisão de Outros 2T12 e Terceiros Outorga e Pessoal Construção Manutenção Custos Amortização Desp. Antecipadas Demora na Manutenção Revisão do Energia + Tráfego aprov. LA e e consultoria ciclo de ViaQuatro e proj. eng. manutenção provisões cíveis 9
  • Destaques do Resultado Financeiro Melhora no resultado financeiro reflete...Resultado Financeiro Líquido (R$ MM) 2T11 2T12 Var % 1S11 1S12 Var %Resultado Financeiro Líquido (209,4) (202,9) -3,1% (415,2) (372,0) -10,4%- Resultado com Operação de Hedge 10,7 22,8 113,9% (32,8) 16,2 -149,5%- Variação Monetária (6,6) (7,4) 12,8% (20,9) (12,1) -42,0%- Variação Cambial sobre Empréstimos, Financiamentos e Debêntures 16,5 (52,6) -418,3% 41,7 (36,7) -188,2%- Ajuste a Valor Presente da Provisão de Manutenção (18,4) (13,6) -25,9% (38,0) (28,3) -25,6%- Juros Empréstimos, Financiamentos e Debêntures (234,2) (164,3) -29,9% (410,5) (340,6) -17,0%- Rendimento sobre Aplicações e Outras Receitas 46,4 32,5 -30,1% 89,8 65,7 -26,8%- Outros¹ (23,8) (20,2) -15,3% (44,5) (36,1) -18,8%¹ Comissões, taxas, impostos, multas e juros sobre impostos ...a queda da taxa Selic, apesar da desvalorização do real frente ao dólar . 10
  • Endividamento em 30 de junho de 2012Endividamento bruto por indexador IPCA IGP-M TJLP 2,4% 1,4% • Dívida bruta total : R$ 8,0 bi 3,9% USD • Dív. Líquida / EBITDA: 2,0X 11,1% • Aumento de 7,1% em USD (1T12) para 11,1% no mix de dívida deve- se à consolidação do aeroporto de CDI Quito 81,2%Cronograma de amortização (R$ mil) 2.394 1.673 258 1.195 1.094 1.063 486 17 2.065 73 76 80 1.513 949 956 926 381 88 2012 2013 2014 2015 2016 2017 a 2023 11 CDI USD Outros
  • Endividamento Redução dos índices de alavancagem...Div. Líquida / EBITDA LTM 2,5 2,3 2,3 2,2 2,1 2,0 1,9 1,9 2,5 2,3 2,3 1,6 2,2 6.186 6.152 2,1 6.330 5.893 5.633 1,9 5.565 5.630 1,9 1,5 1,6 4.169 6.186 6.152 5.633 5.565 5.630 5.893 3.456 4.169 3.067 3.456 2T10 1T10 3T10 2T10 4T10 3T10 1T11 4T10 2T11 1T11 3T11 4T11 1T12 2T12 2T11 3T11 4T11 1T12 Dívida Líquida (R$ MM) Dívida Líquida (R$ MM) Dívida Líquida/EBITDA (x) ...em decorrência da forte geração de caixa, e maturação de projetos recentes. 12
  • Estrutura e Amortização da Dívida Após estes refinanciamentos, o novo cronograma de amortizações refletirá... Amortização 2012 - 2013 Cronograma após refinanciamentos esperados Amortização 2012 2013 Em R$ MM 2.500 AutoBan 1.197 71 SPVias 19 1.195 2.000 ViaOeste 33 176 1.500 NovaDutra 218 145 1.000 TOTAL 1.466 1.587 500 0 Projetos performados e com contratos em andamento 2012 2013 2014 2015 2016 A partir de Financiamentos mandatados 2017 Atual Meta 90% em 2012 e 65% em 2013 ... a ampliação da capacidade financeira para novos negócios.* O total de dívida descrito no cronograma de amortizações apresentado acima não considera os custos de transação. 13
  • Dividendos (Caixa)Compromisso de pagar um mínimo de 50% do lucro líquido como dividendos aos acionistas 13,0% 200% 11,0% 150% 127% 92% 90% 9,0% 85% 85% 100% 58% 61% 65% 7,0% 50% 16% 5,0% 0% 4,8% 5,0% 4,6% 4,7% 4,2% 3,8% 3,9% 3,9% 3,0% -50% 899 2,2% 1,0% -100% 1 2 3 4 5 6 7 8 9 714 709 127% 672 130% 7% 580 547 92% 500 85% 85% 90% 6% 80% 61% 65% 58% 263 5% 5% 5% 5% 5% 16% 183 30% 4% 4% 4% 4% 4% -20% 3% 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2% Lucro Líquido Div. Yield * Payout 2% -70% 1 2 3 4 5 6 7 8 9* Considera cotação média da ação no ano 14
  • HistóricoHistórico da CCR: diversificação e novos negócios Marco Concessão Aquisição Extensão de concessão Histórico IPO STP Extensões de (2002) Follow-on (2003) concessões: ViaOeste (Abril 2004) AutoBAn + RodoNorte (Outubro 2004) ViaQuatro ViaOeste (2005) (2006) (2006) USA (2007) Extensão de concessão: Via Lagos RenoVias (2011) (2008) RodoAnel (2008) SP VIAS 2012: Controlar (2010) • Aeroportos de Quito, San (2009) Jose e Curaçao, Follow-on • Barcas (2009) • Transolímpica 15
  • Programa socioeducacional Estrada para a Cidadania
  • Estrada para a Cidadania 1,5 milhão de alunos11 milhões desde o início do programade participantes indiretos2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 201210.000 15.000 45.000 45.000 112.000 132.000 135.000 140.000 140.000 145.000 350.000 450.000 400 500 2.200 2.600 3.800 4.000 4.500 6.000 6.000 6.500 13.300 14.000 600.000 Alunos Professores Motoristas
  • Programa social e de saúde Estrada para a Saúde
  • Estrada para a saúdeEm nossas estruturas, são realizados mais de 1600 atendimentos por mês. 260m² de área de descanso 190m² de área de descanso do caminhoneiro. do caminhoneiro. atendimentos/mês atendimentos/mês
  • Obrigado