Método Radial de Geração de Insights para Inovação

360 views
258 views

Published on

O Método Radial de Geração de Insights para Inovação foi criado com o intuito de aumentar a eficiência na geração de novas ideias para produtos e serviços, aumentando o potencial de aceitação e interesse pelas ideias geradas através do emprego deste método.

The Radial Method for Generating Insights for Innovation was created in order to increase efficiency in the generation of new ideas for products and services, increasing the potential for acceptance and interest in the ideas generated through the use of this method.

Published in: Marketing
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
360
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
5
Actions
Shares
0
Downloads
5
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Método Radial de Geração de Insights para Inovação

  1. 1. MÉTODO RADIAL DE GERAÇÃO DE INSIGHTS PARA INOVAÇÃO Bruno Baptistão Neto Fundação Instituto de Administração – FIA brunobaptistao@gmail.com http://www.slideshare.net/BrunoNeto
  2. 2. O Método radial de Geração de Insights para Inovação nasceu da necessidade de geração de um grupo maior de ideias inovadoras com alto potencial de aceitação e viável tecnológica e economicamente. Métodos tradicionais de coleta e geração de ideias para inovação tendem a gerar grande número de ideias que polarizam o interesse e aceitação do público, restando sempre um grupo pequeno de ideias com potencial para se transformar em produto/ serviço. Neste caso, o Método Radial de Geração de Insights para inovação consegue impulsionar a criação de um grupo maior de ideias com alto potencial de aceitação e interesse. Isso porque o método baseia-se em analisar as ideia dentro de cenários e tendências durante o seu desenvolvimento, permitindo o aprimoramento de cada ideia durante o processo. O Método radial de Geração de Insights para Inovação baseia-se no cruzamento de variáveis de 3 pilares fundamentais: • Problema do ambiente/ do produto atual (listar todos os problemas observados e que pretende-se resolver) • Valores humanos (Quais as principais tendências de valores humanos positivos e negativos que estão emergindo entre o público pretendido) • Tendências da indústria (Quais as principais tendências da Indústria/ sociedade que devem impactar positiva ou negativamente o comportamento de consumo e convívio social) Método Radial de Geração de Insights para Inovação
  3. 3. Como utilizar o Método Radial de Geração de Insights para Inovação? 1. Listar separadamente os principais problemas, valores humanos e tendências da indústria que podem ou não ter relação com o seu ambiente de negócio. 2. O cruzamento entre as variáveis “problemas”, “valores humanos”, e “tendências da indústria” ajudará a despertar a criatividade para o desenvolvimento de novas ideias. Ex: “alto consumo de combustível” x “emissão zero de poluentes” x “preocupação com ambiente e sustentabilidade” = Carro Elétrico. Mas o problema de alto consumo de combustível poderia também ser associado a outras tendências e valores. Exemplo: “Alto consumo de combustível” x “Equipamentos inteligentes” x “Conectividade”. A análise desses novos elementos poderia gerar uma tecnologia mais inteligente para o controle do consumo de combustível dos veículos, aumentando a autonomia do veículo com o mesmo litro de combustível. Essa tecnologia poderia ainda estar conectada ao equipamento móvel do motorista para avisá-lo quando seria o melhor momento para abastecimento, o posto de combustíveis mais próximos a um preço mais competitivo. Seguindo o exemplo acima, se jogarmos novamente a ideia no ciclo do Método, pode-se criar novas associações à ideia gerada. Por exemplo, o veículo com tecnologia inteligente e recursos de conectividade poderia alertar o motorista sobre o desgaste de pneus e o período ideal para a troca de óleo. Esse recurso poderia estar associado a uma rede de oficinas e disponível por meio de um aplicativo móvel voltado para mulheres, que poderiam gerenciar melhor esses indicadores através do aplicativo. Neste novo exemplo incorporam-se outros dois problemas do produto (desgaste de pneus e necessidade de troca de óleo), a tendência de indústria que aponta o aumento do poder das mulheres no mercado, e a valores de qualidade de vida uma vez que a facilidade de gerenciamento das informações do veículo poderia contribuir para a redução das preocupações do motorista quanto à manutenção, e quanto menor suas preocupações, melhor a qualidade de vida.
  4. 4. Benefício do Método Radial de Geração de Insights para Inovação Em pesquisa realizada onde o método foi aplicado pela primeira vez, o resultado mostrou que o método contribuiu de forma eficiente no desenvolvimento de ideias atraentes e inovadoras para o público final. Mas chama a atenção nessa análise outros indicadores testados junto ao público em prova final para o teste das ideias. Quando perguntado aos entrevistados sobre sua intenção de compra, sobre a atratividade dos conceitos apresentados e sobre sua originalidade, a avaliação para todos os conceitos foi positiva para mais de 70% dos entrevistados em quase todos os casos. Isso significa que embora o ranking revele uma preferência geral por dois ou três conceitos (dependendo do perfil de público analisado), de forma geral todos os conceitos desenvolvidos e apresentados para avaliação registraram alto potencial de aceitação do público alvo. O resultado revela que a condução do processo de geração de insight para inovação com o Método Radial para Geração de Insights produziu um conjunto de ideias alinhadas às necessidades e expectativas do público alvo, visto que todas as ideias levadas para avaliação final foram eficientes em gerar o interesse do público alvo. Bibliografia: HERSTATT, C.; VERWORN, B. The “Fuzzy Front End” of Innovation. Working Paper, 2001. HOWE, Jeff. O Poder das Multidões. Rio de Janeiro: Elsevier Editora Ltda, 2009. KOTLER, Philip. A Bíblia da Inovação. São Paulo: Texto Editores Ltda, 2011 SANTO, Rui. Técnicas de Criatividade. Disponível em: <http://galaxiacriativa.com.br>. Acesso em: 20 de Março de 2013. SANTO, Rui. IDEIAS PARA INOVAÇÃO - como escolher. “Menos é mais, mas nada é tudo”. 20 f. Artigo disponível em <http://galaxiacriativa.com.br>. Acesso em 10 de Setembro 2013. SCHERER, Felipe Ost; CARLOMAGNO, Maximiliano. Gestão da Inovação na Prática. Sâo Paulo: Editora Atlas, 2009. TERRA, José Claudio. 10 Dimensões da Gestão da Inovação. São Paulo: Elsevier Editora Ltda, 2012. TERRA, José Claudio. Inovação – Quebrando Paradigmas para vencer. São Paulo: Editora Saraiva, 2007. http://www.slideshare.net/BrunoNeto Mais informações no Slideshare

×