Your SlideShare is downloading. ×
0
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Frank Lloyd Wright
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Frank Lloyd Wright

25,954

Published on

Apresentação sobre a vida e obra de Frank Lloyd Wright, arquiteto moderno dos EUA.

Apresentação sobre a vida e obra de Frank Lloyd Wright, arquiteto moderno dos EUA.

Published in: Education
1 Comment
10 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total Views
25,954
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
888
Comments
1
Likes
10
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. “O edifício bom não é o que fere a paisagem, mas sim aquele que a torna mais bonita do que era antes dele ser construído”. F.L.W. Seminário de História da Arte, da Arquitetura e do Urbanismo 3Frca. Bruna Cavalcante | Jefferson Bruno Lima | Nara Gabriela Mesquita | Rafaela Costa | Úrsula Priscyla Nóbrega
  • 2. Biografia• Frank Lloyd Wright foi um arquiteto, escritor e educador estadunidense;•Nasceu em 8/6/1867 em Richland Center, EUA.•O arquiteto relata em sua biografia que sua mãe declarou, quando esperava seuprimeiro filho, que este iria construir belos edifícios. E decorou seu quarto comgravuras de catedrais para incentivar a ambição da criança.•Aos 15 anos entra para a Universidade de Wisconsin como aluno especial paraestudar Engenharia Civil, frequentando as aulas durante dois semestres.• Em 1955, Wright deixou a escola sem que tivesse concluído o curso, pois haviarecebido da Universidade um "Doutorado Honorário" em Artes.•Mudou-se para Chicago, que ainda estava sendo reconstruída do Grande Incêndiode Chicago, e juntou-se ao escritório de Arquitetura de Adler e Sullivan, comoaprendiz.•Em 1889, casou-se com sua primeira esposa, filha de um rico homem de negócios,o que aumentou seu status social, e tornou-o mais conhecido.
  • 3. • Em 1890, Wright tornou-se o responsável por todo trabalho residencial daempresa.•Após deixar Sullivan, Wright estabeleceu seu próprio escritório em casa.•Wright teve uma vida privada repleta de escândalos e, nos anos 20, houve poucostrabalhos para o arquiteto.•Em 1916, visita o Japão onde desenha o Hotel Imperial. Wright conseguiu seusustento através desse projeto.•Neste período ele refugia-se em sua residência Taliesin, já reconstruída, e elaborauma série de esboços de prédios que jamais foram construídos.•Em 1929, a construção civil sentiu os impactos da Grande Crise. Wright,percebendo que seus projetos tinham um custo elevado, o que limitava seu acessoàs famílias abastadas, preocupou-se em desenvolver um tipo de edificação a umcusto mais baixo, que fosse acessível a grande maioria da sociedade norteamericana que vivenciava a crise.
  • 4. • Em meados dos anos 30, conseguiu uma pequena encomenda: dono de umacadeia de lojas de departamentos, o empresário Edgar J. Kaufmann, chamou-o paraprojetar uma casa de campo no interior da Pensilvânia, a “Casa da Cascata”.•Em 1931, Wright visitou o Brasil onde permaneceu três semanas no Rio de Janeiroe publicou, em diversos jornais cariocas, artigos em prol da nova arquitetura.•Nesse período, Wright desenvolve seus trabalhos mais importantes: a conhecida,“Fase Moderna”.•A partir de 1936, Wright projeta cerca de 55 casas de classe média, as casasusonianas, que eram pequenas residências térreas. Caracterizavam-se porsua consciência ambiental ao empregarem materiais locais. Eram baseadas nosprincípios de racionalidade e economia na construção.•Em 1959, morre em Phoenix após uma cirurgia, antes de ver concluído uma desuas obras-primas: o “Guggenheim”.
  • 5. Características Gerais•Para Wright, a máquina deveria construir o edifício, mas não seria preciso construí-lo como se este também fosse uma máquina.•Suas principais idéias concentravam-se na exploração dos materiais tradicionais,na integração com a paisagem – ligação entre o interior e o exterior da edificação –e na valorização do ambiente interno.•As plantas das suas edificações, em sua maioria, são compostas por unidadesagrupadas de uma maneira simétrica, modulada e com zonas bem definidas.•A natureza é o tema central do pensamento de Frank Lloyd Wright.Transcendentalista, ele acreditava que quanto mais próximo o homem ficasse domeio natural, mais teria bem-estar espiritual e físico.•Wright antecipou e aplicou conceitos na arquitetura, que são muito utilizados nacontemporaneidade: expressão honesta dos materiais; interesse pela tecnologia;ênfase nas linhas horizontais; proporções achatadas; espaços interiores livres.
  • 6. Influência Japonesa•No Japão, o conceito de beleza está relacionado com a natureza e aarquitetura é derivada desta harmonia natural.•A horizontalidade, nas casas japonesas, tinha o objetivo de aproximare proporcionar um contato maior das pessoas com a terra.•Por influência destes conceitos as dimensões das casas de Wrightforam reduzidas, como forma de simplificação, e o pé-direito rebaixado.
  • 7. BRANDES RESIDENCEARQUITETURA JAPONESA F.L.W.•Wright deu uma considerável amplitude a coberta protetora do conjuntoarquitetônico, sob influência japonesa.•Com relação a Pradaria, Wright afirma: "Meu primeiro sentimento, haviasido um anseio de simplicidade, entendida como algo orgânico." Remetendoas expressões estéticas japonesas - wabi e sabi - que significam quietude esimplicidade e que estão aplicadas na arquitetura através do aspectonatural.
  • 8. HO-O-DEN CASA WINSLOW F.L.W.
  • 9. Arquitetura Orgânica•A arquitetura orgânica, arquitetura organicista ou ainda organicismo foi umaescola da arquitetura moderna influenciada pelas idéias de Frank LloydWright, que acreditava que uma casa deve nascer para atender àsnecessidades das pessoas como um organismo vivo.•Sua convicção era de que os edifícios influenciam profundamente aspessoas que neles residem, trabalham ou rezam, e por esse motivo oarquiteto é um modelador de homens.
  • 10. Em 1908, Wright estabeleceu asseis características da arquiteturaorgânica:1) Simplicidade, eliminação do que não é essencial.2) Ter tantos estilos na arquiteturacomo estilos de pessoas.3) A arquitetura deve estarsubordinada à natureza, que temproporcionado o material para ostemas arquitetônicos dos quais hásurgido as formas queconhecemos.
  • 11. 4) As cores devem harmonizar comas formas naturais.5) Os materiais devem ser mostradoscomo são.6) Uma casa deve ser caracterizada,expressando sua função.
  • 12. Influência de Froebel• Brinquedos desenvolvidos pelo alemão Friedrich Froebel, criador do jardin de infância.• Para Froebel, formas geométricas simbolizavam ideias, estados de espírito e sentimentos humanos :o círculo  o infinito;o triângulo  a unidade estrutural;a espiral  a aspiração;o quadrado  a integridade.
  • 13. • Na sua infância, em 1876, sua mãe Anna Wright comprou um jogo desses blocos para seu filho, que desde cedo já se interessava por arquitetura.• Os presentes de Froebel permanecem hoje popular em Coreia e Japão na educação da primeira infância.
  • 14. Regras de Composição• Agrupar, separar, girar, sobrepor e deslocar.
  • 15. • Visualização espacial;• Relação entre o todo e as partes;• Modulação;• Estrutura;• criatividade e intuição.• Funcionalismo: Unidades agrupadas de uma maneira simétrica ou sistemática.
  • 16. • Análise em arquitetura motivada em parte pelos primeiros trabalhos de Stiny (Kindergarten) e pela influência dos Froebel Blocks em sua arquitetura.
  • 17. Gramática da Forma – Prairie Houses• Lareira = centro lógico do design• Cômodos são adicionados ao redor da lareira;•A zona de estar pode ser adicionadaem qualquer uma das suas 4 faces.
  • 18. • Adição da zona de jantar.• Adição dos serviços.Intenção de Wright em agrupar as funções de modo com que nãoatrapalhem a vivência na casa.
  • 19. • Fase preliminar. • Casas de campo. • Tipologia.Winslow House (1893) Ward Willits House, (1901)
  • 20. Prairie Houses•Eram estruturas horizontalizadas, baixas, com telhados inclinados,silhueta simples e limpa, com chaminés disfarçadas, saliências eterraços, utilizando-se de materiais rústicos.•Aparentemente estas casas são as primeiras a apresentarem o sistemade planta aberta.
  • 21. • Horizontalidade:•Pé-direito baixo.•Telhados levemente inclinados, ou planos.•Largos Beirais. Isabel Roberts House (1908)
  • 22. • Reação contra o histórico revivalismo predominante na Arquitetura Americana do seu tempo.• Traços prematuros do organicismo:•Sintonia com o entorno.•Materiais de construção e acabamentos naturais.•Sem ornamentação supérflua.•Recursos tecnológicos. William Martin House, Oak Park, IL, 1903
  • 23. •Ele aboliu as janelas em guilhotina e adotou janelas de batete duplo que permitiam maior entrada de ar nas salas, ficando protegidas do sol e do vento por beirais salientes.•Wright optava sempre pormateriais extraídos diretamenteda natureza, paredes de pedrabruta, pisos de granito bruto emadeiras rústicas, semacabamento. Dessa forma, nota-se sua propensão para oorgânico, respeitando suaconsciência ambiental.
  • 24. Robie House
  • 25. • Localizada no campus Chicago da Universidade de Chicago.• Construída em 1909.
  • 26. • Exterior: Planos Horizontais. Telhado rebaixado Pé direito baixo
  • 27. Longas faixas de janela
  • 28. Longos BeiraisPrivacidade
  • 29. O equilíbrio dos espaços públicos eprivados feitos a Casa Robie, naspalavras de Frederick C. Robie,“… o lugar mais ideal do mundo.”
  • 30. Materiais• Tijolo Romano e Pedra Calcária.• Somente os balanços e a varanda de tijolo flutuante têm vigas (aço) de apoio estrutural.
  • 31. • 3 Andares.• Não há entrada principal. Planta Baixa Térreo
  • 32. • Planta Livre:• As paredes aliviadas de suas funções estruturais. Pilares de concreto divisórias e  fechamento ou aço• Wright rejeitou a visão popular de que os espaços interiores devem ser fechados e isolados um dos outros.• Espaços fluidos, sem recintos separados
  • 33. • Planta Baixa – 1ºandar
  • 34. • Divisões leves, sem separação : tetos de diferentes alturas.• Estar e Jantar: separados pela lareira, mas visualmente conectado.• Continuidade dos espaços.
  • 35. • Sentimento de imensa Luz e Espaço.• “telas de luz” - Borrar a distinção entre espaços interiores e exteriores.
  • 36. • Andar Superior: Dormitórios. Planta Baixa 2ºpiso
  • 37. Frank Lloyd Wright Home and Studio• “Frank Lloyd Wright Home and Studio” é a denominação pela qual sãoconhecidos a primeira casa e estúdio de Frank Lloyd Wright.• A propriedade foi comprada e construída em 1889, onde Wright, com 22anos, foi morar com a esposa.• O edifício entrou no registro americano - “National Register of HistoricPlaces” - em 1972, sendo declarado como marco histórico dos EstadosUnidos.
  • 38. •Situada em Illinois, Chicago,EUA.•Forest Avenue, 428 e ChicagoAvenue, 951, Oak Park.
  • 39. • A estrutura original de 1889 era bastante pequena. A residência foiamplamente reformada em 1895. Uma segunda grande ampliaçãoaconteceu em 1898, quando o estúdio e o corredor de acesso foramconstruídos.•No estúdio, Frank Lloyd Wright e arquitetos associados projetarammuitas edifícios notáveis, incluindo-se a “Robie House”.
  • 40. • Após 1909, o estúdio foi convertido em uma residência para sua esposa e as crianças mais novas. • Mais tarde, o prédio transformou-se em um edifício de apartamentos.• Em 1974, a construção foiadquirida pelo fundo americanopara a preservação histórica einiciou-se um processo derestauração para o projetooriginal.
  • 41. •Atualmente é propriedade do“National Trust for HistoricPreservation” e é mantido e operadocomo um museu pelo “Frank LloydWright Preservation Trust”.
  • 42. • A maioria das esculturas no exterior daedifício foram projetadas por RichardBock, amigo e colaborador Wright.• Bock também desenhou os capitéis nagaleria externa do estúdio.
  • 43. 2ª FASE: Transição (1911/34)Na sua fase de transição, Wright fez alguns estudos urbanísticosvoltados ao naturalismo (Antiurbanismo), destacando-se o Taliesin(1911), o Hotel Imperial (1915/1916) e o plano urbanístico da BoadacreCity (1934), dentre outros.
  • 44. Anti-Urbanismo Americano•Entre as décadas de 1920 e1930, surgiu nos EUA umacorrente teórica que se expressouatravés de uma abordagem “anti-urbana”, que buscava aintegração da cidade com o meionatural e acabou influenciando aconstituição da paisagem norte-americana contemporânea, emespecial a formação dosSUBÚRBIOS.•Esta corrente teve comoprincipal modelo urbano aBroadacre City (1932/34),proposta por Frank LloydWright. Ele trabalhoucontinuamente nesse projeto delocalização ideal tomando porbase uma maquete gigante.
  • 45. •Broadacre-City: a unidade mínima de um acre para cada indivíduo.• A grande cidade industrial é acusada de alienar as pessoas. Só ocontato com a natureza pode devolver o homem a si mesmo e permitirum harmonioso desenvolvimento da pessoa como totalidade.
  • 46. •Wright destaca que a forma e a função é uma totalidade, isto é umaunidade espacial do exterior com o interior, sendo portanto extensãoda vida humana e por assim dizer, essencial.
  • 47. La Miniatura Alice Millard House (1923- 24)
  • 48. Textile Block Houses• 4 casas próximas a Los Angeles, construídas durante a década de 1920.• Fase Maia: Similaridade de volumes e texturas dos blocos entre estas obras e a arquitetura maia.
  • 49. • O textile-block não é uma vertente historicista de fundo decorativo, mas um sistema construtivo industrializado.Baixo-relevo:Reforça os sentidosde unidade e plasticidade
  • 50. • Influencia Japonesa.
  • 51. • A nostalgia romântica.
  • 52. Taliesin East
  • 53. • Localização: Wiscosin, EUA, em um vale.
  • 54. • Residência de verão do arquiteto;• Construída após ele trocar a esposa pela mulher de um de seus clientes;• Explora suas ideias de arquitetura orgânica com o uso do calcário local para as fundações e da areia do rio Wiscosin no estuque (argamassa de revestimento das paredes).• Construída em1911.
  • 55. • Em 1914, um de sus ajudantes ateou fogo à casa, destruindo a área residencial;• Lloyd reconstrói (Taliesin II), mas em 1925 ocorre outro incêndio, este provocado talvez por um curto circuito;• Lloyd novamente a reconstrói (Taliesin III).
  • 56. • A residência de Taliesin East foi a obra na qual o arquiteto mais interagiu, fazendo dela a sua “cobaia” para testar suas novas ideias;• Ele a considerava como uma obra sempre inacabada;
  • 57. Johnson Wax BuildingVista Exterior
  • 58. •Winsconsin. •Escritórios e laboratório de Pesquisas. •Se torna o símbolo daJohnson Wax Building - Vista Interior – Salão Principal companhia S.C. Johnson & Son, Inc. •Construção de 1936 a 1939 •Mobília projetada pelo próprio arquiteto. •Colunas “Lilly-Pad” 23cm de diâmetro na parte inferior e 5,5 m na superior.Johnson Wax Building – Piso flutuante
  • 59. "There in the Johnson Building you catch no sense of enclosure whatever at any angle, top or sides.... Interior space comes free, you are not aware of any boxing in at all. Restricted space simply is not there. Right there where youve always experienced this interior constriction you take a look at the sky!“ —Frank Lloyd Wright. from Bruce Brooks Pfeiffer and Gerald Nordland, ed. Frank Lloyd Wright: In the Realm of Ideas. p15.Johnson Wax Building – Planta baixa
  • 60. •Pé direito do estacionamentoJohnson Wax Building - Vista Exterior baixo. •Distância entre pilares fazem o motorista diminuir a velocidade.Johnson Wax Building – Estacionamento Interno
  • 61. •Ausência de paredes e Fluxo livre de pessoas – Fluidez Espacial •Mezanino com o setor administrativo em volta da área de trabalho.Johnson Wax Building – Great Workroom
  • 62. Johnson Wax Building - Mezanino
  • 63. •Forma e função. •Horizontalidade predominante.Johnson Wax Building - Vista Exterior
  • 64. Child of the Sun •Maior coleção de prédios construídos por Frank Lloyd Wright numa única área. •Florida Southern College. •1941 a 1958 •Aço, areia e vidro. •“Sinfonia incompleta”. •Paisagismo, caminhos, esplanadas... •Modulação e ritmo, estrutura aparente, horizontalidade.Mapa do Conjunto
  • 65. Annie Pfeiffer Chapel:•Primeiro prédio a surgir.•Iluminação zenital.•“Gravata de Borboleta”.•Feito por alunos. Vista Exterior – Annie Pfeiffer Chapel Interior – Annie Pfeiffer Chapel
  • 66. Thad Buckner Building: •Original E.T. Roux Library. •Hoje é o centro de visitantes eVista Exterior – Thad Buckner Building lojinha. •Geometrização, janelas altas e lareiras. •Feito por alunos.Vista Interior – Thad Buckner Building
  • 67. William Danford Chapel: •Vidro colorido. •Construida com madeira típicaVista Exterior – William Danford Chapel do local.Vista Interior - William Danford Chapel
  • 68. Polk County Science Building : •Último a ser construído. •Planetário.Vista Exterior – Polk County Science Building •Uso do alumínio na estrutura.Vista Exterior – Polk County Science Building
  • 69. Lucius Pond Orway Building : •Planejado para ser o refeitório, mas hoje é o prédio das artes.Vista Exterior – Lucius Pond Orway Building •Estrutura: triângulos 30-60-90 apoiados na sua hipotenusa. •Simplicidade.Vista Exterior – Lucius Pond Orway Building
  • 70. Vista Exterior – Carter, Walbridge, Hawkins Seminar Building Carter, Walbridge, Hawkins Seminar Building : •Feito por Estudantes.Vista Exterior – Carter, Walbridge, Hawkins Seminar Building
  • 71. Vista Exterior – The Water Dome
  • 72. Vista Exterior – – Emile E. Watson - Benjamin Fine Administration Buildings Emile E. Watson - Benjamin Fine Administration Buildings: •Água – presença e som.Vista Exterior – Emile E. Watson - Benjamin Fine Administration Buildings
  • 73. Fallingwater
  • 74. • Localização: Pensilvânia, EUA.
  • 75. • A mais importante obra residencial de Frank Lloyd Wright;• Construído em1936.• Casa de final de semana e veraneio para a família do empresário Edgar Kaufmann;• Inspiração: Ono Falls, Hokusai (gravura japonesa, coleção particular do arquiteto);• Expressão de seu pensamento sobre a arquitetura orgânica definida por ele como sendo apropriada para o tempo, o lugar e o homem.
  • 76. • Perfeita integração com a natureza. De que forma?1. Aproveita completamente o declive do terreno;2. Assenta-se sobre rochas que estão lá desde sempre;3. O edifício não se sobrepõe à paisagem, ou seja, não é possível analisá-lo ou desfrutá-lo fora do contexto do entorno);4. Remoção mínima de vegetação.
  • 77. • Leveza obtida pelos materiais e pelas formas puras: a casa parece flutuar sobre a cachoeira; vista norte vista sul vista leste vista oeste
  • 78. • Geometria do plano e do volume para delimitar a forma construída;• Uso da retícula quadrada.
  • 79. • Princípio da adição: são adicionados vários terraços e o volume da chaminé.
  • 80. • Elementos verticais construídos em pedra (aspecto escultural);• Elementos horizontais em concreto.
  • 81. • Mobílias desenhadas pelo próprio Wright;• Comunicação direta com o exterior por meio das vidraças;
  • 82. • Terraços e varandas em concreto armado;• Apresentou inclinações pronunciadas logo após a construção, que foram se acentuando ao longo do tempo;• Em 1997, foram colocadas vigas temporárias para carregar seu peso;• Em 2002, a estrutura foi reparada e forma permanente com protensão.
  • 83. • Inicialmente, a edificação serviu de casa de fim de semana da família Kaufmann;• Em 1964, a casa foi aberta ao público como museu;• Nomeada pelo AIA (Instituto Americano de Arquitetos) como o melhor trabalho de todos os tempos da arquitetura americana.
  • 84. Museu Solomon R. Guggenheim
  • 85. História
  • 86. •Concebido a partir deuma rampa em espiralque liga os diversospisos.
  • 87. Frank Lloyd Wright
  • 88. Frank Lloyd Wright
  • 89. Características Arquitetônicas
  • 90. •A criatividade de Frank Lloyd não se limitou a arquitetura: desenhoumóveis, arte em vidro e tecido, louças, prata, arte gráfica; foi tambémeducador, filósofo e escritor (autor de 20 livros e inúmeros artigos).
  • 91. Mobiliário
  • 92. Relação com o espaço.Frank Lloyd Wright Taelesin, SpringGwen Winsconsin
  • 93. Arquitetos brasileiros influenciados por Frank Lloyd Wright “Em todo o caso, Wright me deu uma visão do homem. O respeito à natureza Vilanova Artigas do material, procurar o eu tal como é a natureza, eram conselhos estranhos de naturalismo darwiniano.” Artigas 1981
  • 94. Rino Levi
  • 95. •O "American Institute of Architects" postumamenteconferiu a Wright, em 1991, o título de "Maior arquitetoamericano de todos os tempos".
  • 96. Bibliografia•EALTON, Leonard K. Two Chicago architects and their clients. 1969•ALAN HESS, Alan Weintraub. Las casas de Frank Lloyd Wright.Gustavo Gili, Barcelona, 2006.•BENÉVOLO, Leonardo. História da arquitetura moderna.Perspectiva, São Paulo, 1976•ZEVI, Bruno. Historia de la Aquitectura Moderna. Emecé, BuenosAires•HITCHCICK, Henry-Russell. Frank Lloyd Wright – Obras 1887 –1841. Gustavo Gili, Barcelona, 1978.•FRAMPTON, Kenneth. História Crítica da Arquitetura Moderna.Martins Fontes, São Paulo, 2008.•BENÉVOLO, Leonardo. História da Arquitetura Moderna. 2006;•http://www.youtube.com/watch?v=zOK6Ja32R6M•http://www.ebah.com.br/content/ABAAABLCsAE/frank-lloyd-wright•http://www.tourdeforce360.com/taliesin/•http://www.flsouthern.edu/fllwctr/

×