Ediçãp 84 fevereiro 1013 web

332 views
272 views

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
332
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
20
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Ediçãp 84 fevereiro 1013 web

  1. 1. Sertão de Pernambuco - Fevereiro / 2013 Ano VII - Número 84 E-mail: jornaldosertaope@jornaldosertaope.com.br Eduardo Campos firma pacto com os 184 municípiosO governador reuniu os prefeitos de todas as cidades do estado para anunciar pacote de investimentos que supera os R$ 600 milhões. Partedos recursos será liberada através do novo Fundo Estadual de Desenvolvimento Municipal (FEM), que será votado na Asembleia Legislativa.As ações serão executadas também com verbas federais. Pág. 3 Cultura ACA Hélida Enes/JSFloresta terá Associaçãoespetáculos em apóia ohomenagem à Recicla-PE emmulher Arcoverde Pág. 15 Pág. 22 Homenagem EcologiaArtigo de CaminhadaFernando Lyra Ecológicasobre a seca no movimentaSertão Serra Talhada Pág. 18 Pág. 9 Economia PremiaçãoPetrolina Park com nova etapa e ASPA premia os melhores doobras agilizadas segmento atacadista do estado Pág. 19 Pág. 15 Divulgação Hélida Enes/JS
  2. 2. 2 Jornal do Sertão - Fevereiro de 2013 / Edição 84 Fique por dentro C om o propósi- to de mostraro Sertão, evidenciando todo Rio São Francisco é tema Mais água para Afrânioo seu potencial, suas rique- de exposição em museu e Dormenteszas, cultura, personagens S egue até o dia 20 de mar- mais das lendas do São Fran- A amplia- Divulgaçãoe conquistas, o Jornal do ço a exposição Um jantar cisco e suas famosas embar- ção doSertão chega ao sétimo ano ao fundo do Velho Chico que cações. O evento é aberto ao sistema deciente que está no caminho pode ser conferida no Museu público e as escolas também abastecimentocerto, cumprindo o seu pa- do Sertão, em Petrolina. A podem visitar a mostra que d’água Mariapel de divulgar em suas pági- mostra, que foi aberta dia 20 acontece das 8h às 18h todos Tereza, quenas as noticias e informações de fevereiro, tem como atrativo os dias. A entrada gratuita. As vai levar maisdo Sertão para o sertanejo e, principal apresentar em peças escolas que desejarem levar os água para oslevá-las para a capital.do esta- feitas com papel machê, um alunos devem agendar a visita municípiosdo. De uma proposta nascida histórico sobre o rio que banha pelo telefone (87) 3862-1943. de Afrânio eapós uma discussão sobre o cidade e que é a mola propul- O Museu do Sertão fica locali- Dormentes eassunto em Serra Talhada, o sora do desenvolvimento local. zado na Rua Esmelinda Bran- para o distri-JS agora pretende demarcar A exposição levará o visi- dão s/nº, próximo ao Fórum, to de Rajada,terreno de vez na região com tante a conhecer um pouco no Centro. em Petrolina, Obra de ampliação do sistema está em ritmo aceleradoa reestruturação de sua sede além de 20 lo-social em Serra Talhada e su- calidades rurais situadas na Saneamento (Compesa) irá Divulgaçãocursais em Recife e Petrolina, mesma região, está em rit- investir cerca de R$ 5 mi-estando a de Recife em pleno mo acelerado. A obra, que lhões, quando serão implan-funcionamento e a de Petro- será realizada em três etapas tados cerca de 9 mil metroslina em fase de estudos.para e está prevista para ser con- de tubulação e substituídosimplantação. cluída ainda no primeiro se- registros e válvulas ao lon- Ao longo desse tempo, mestre deste ano, compreen- go de todo o sistema adutor.O Jornal do Sertão vem de uma adutora de 200 km, Os trabalhos incluem aindaconquistando cada vez mais que sai de Petrolina e vai até a regularização das ligaçõesleitores e preenchendo um Afrânio e Dormentes. das comunidades ao longoespaço em que os principais Com a expansão da rede da adutora, onde serão im-jornais de Pernambuco nun- de abastecimento, 50 mil plantados 26 mil metros deca se dedicaram ocupar de pessoas serão beneficiadas. tubulação. Ao todo, serãofato. Os sertanejos querem se Na primeira fase, a Com- aplicados R$ 5,8 milhões nover, querem mostrar sua ca- Obra de ampliação do sistema está em ritmo acelerado panhia Pernambucana de empreendimento.pacidade de transformação Modéstia à parteconstruindo uma nova reali-dade sócio/econômica/polí- Observatório JStica/social. Uma região ricaem potencialidades, bonita eprioritária para o desenvolvi-mento de Pernambuco. Era uma vez um povo aguerri- do, de porte altivo que Jornal do Commercio, Per- nambuco, Brazil”. E temos o Diario de Pernambuco, o verso”, conforme o Guiness Book. Fernando de Noronha, no Campo do Jiquiá, foi a primeira estação aeronáutica para dirigíveis da América do Com esta edição de número84 em circulação, o Jornal do tendo como maior virtude a mais antigo jornal em cir- como todo mundo sabe, é um Sul, e a única no mundo ain-Sertão endossa sua capacida- modéstia, colocou o Rei dos culação na América Latina pedaço das terras pernam- da de pé. Finalizando, afirmode de circulação ininterrupta Animais em seu brasão e fi- e no mundo de língua por- bucanas, fruto do acúmulo e provo que em 1491, novee respeito pelo trabalho pro- cou conhecido como o Leão tuguesa. O nosso hino diz, dos sedimentos que os rios anos antes do descobrimen-posto. Este é um momento de do Norte. A maior prova dis- modestamente: Pernambu- Capibaribe e Beberibe trans- to do Brasil, os portuguesescomemoração e agradecimento to vai desde a recomenda- co, Coração do Brasil; És portaram ao se unirem para já tinham casas de alvenariaa todos que fazem parte desse ção às crianças de não reve- a fonte da vida e da histó- formar o Oceano Atlântico. É em Itamaracá. E somos me-trabalho direta e indiretamen- larem sua origem pernam- ria; Nova Roma de bravos pouco? Pois, para fundarem lhores até quando se tratate, os nossos parceiros, amigos bucana para não humilhar guerreiros; Pernambuco Manhattan (USA), os Ju- do pior: Pernambuco teme leitores e, reafirmar que sem o próximo, até a máxima da imortal, imortal. deus ganharam experiência o PIOR time de futebol doeles nada disso seria possível. Rádio Jornal do Commercio Recife é a Veneza Ame- em Recife, onde deixaram a mundo: o ÍBIS...Convidamos a todos para divi- que propagava à viva voz: ricana e Garanhuns a Suíça primeira Sinagoga da Amé-dir as alegrias lendo as páginas “Pernambuco speaking to Brasileira. O São João de rica Latina na Rua do Bom José Artur Paes Vieira de Melode mais essa edição. Que ve- the world - This is Rádio Caruaru é o maior do “uni- Jesus. A Torre do Zeppelin, japvm@jornaldosertaope.com.brnham mais sete anos. Trabalhoe profissionalismo não vão fal-tar para fazer o Jornal do Ser- Expediente Produção Editorial EDI Com Editora Comunicação Ltda. EDI Com Editora Comunicação Ltda. AV. João Gomes de Lucena 4105 - Sala - A - Direção Geral Antônio José Bezerra de Melo São Cristovão - Serra Talhada - PEtão cada dia mais interessante Assistente de Marketing Hélida Enes CEP: 56.903.000 / Fone: 87.3831.7053e comprometido com a região Jornal do Sertão Tiragem: 8.000 exemplares Contato Publicitário Anderson Santos Sucursal Recife: Av. Caxangá, conj. 903/904 - Ano VII Nº 84 | Fevereiro de 2013 Impressão: Gráfica Jornal do Commercio Reportagens/Edição Dayane Albuquerqueque tem e muito o que mostrar. Edf. Caxangá Trade Center, Madalena - Distribuição Circulação: Sertão de Pernambuco | Recife Cinara Marques DRT/PB 1070 Recife/PE - 50720-000 - Mourinha Representações. - Governo do Estado - Assembléia Legislativa Diagramação Daniel Sigal Colaboradores Alberto Ursulino, Helena Fone: (55) 81.3052.2719 - 81.9974.8312 / Av. João Gomes de Lucena, 4105 Secretarias de Estado | Brasília-DF | Conserva, Dárcio Rabêlo, Antônio Faria, Francys E-mail: jornaldosertaope@jornaldosertaope. Antônio Bezerra de Melo Centro - Serra Talhada - PE Ministério da Integração Regional Maya, Mayran Barbosa Ramos, José Artur Paes com.br Diretor Geral Fone (087) 3831.7053 Distribuição gratuita Vieira de Melo www.facebook.com/Jornaldosertao
  3. 3. Jornal do Sertão - Fevereiro de 2013 / Edição 84 3 Investimentos Governador abre o cofre para as prefeiturasO s 184 prefeitos do estado estiveram reunidos do Pajeú), disse que a criação do FEM chega num Helida Enes/JS nos dias 21 e 22 de fevereiro, em Gravatá, no momento importante para a região. “Agora, osseminário Juntos Por Pernambuco. No encontro municípios vão ter mais força para enfrentar pro-promovido pelo governo estadual, o governador blemas como os da seca, por exemplo”, declarou.Eduardo Campos anunciou um pacote de inves-timentos para ajudar os gestores a executarem FEMações em seus municípios. Ao todo serão R$ 228 milhões a ser distribu- No total serão destinados R$ 612 milhões para ído às prefeituras pelo FEM, com o objetivo dea utilização em setores estratégicos como saú- impulsionar obras, projetos e ações da esfera mu-de, educação e infraestrutura urbana e rural. O nicipal. A principal novidade do programa é o fatorecurso virá do Fundo Estadual de Apoio ao De- de os recursos serem transferidos na modalidadesenvolvimento Municipal (FEM), uma nova fonte fundo-a-fundo, ou seja, diretamente do tesourode renda para os municípios que será criada pelo estadual para uma conta criada especificamentegoverno. para este fim pela prefeitura, desburocratizando o Eduardo Campos admitiu as dificuldades da processo e reduzindo as exigências formais típicasgestão pública municipal e disse que o Governo das parcerias entre unidades da federação.do Estado já está desenvolvendo mecanismos Cada município vai receber o equivalente apara minimizar os efeitos da crise. “Temos que 1/12 do Fundo de Participação dos Municípiosaprender a lidar com esse panorama e aí buscar (FPM) recebido em 2012, que será disponibilizadonovas formas de obter investimentos”, disse o go- em quatro parcelas. O governador explicou aindavernador. que o fundo vai apenas disponibilizar as verbas, No pacote consta ainda uma formação em ges- mas sem preocupação com o projeto em si.tão pública para os prefeitos, capacitação que será “Não vamos analisar projetos, isso é dever dobancada pelo governo do estado, visando preparar município. A única exigência é que a licitação obe-os gestores para receberem e aplicarem os recur- deça à tabela de preços do Tribunal de Contas dosos de forma correta. O presidente da Associação Estado”, afirmou Eduardo. O Projeto de Lei queMunicipalista de Pernambuco (Amupe), o prefei- Governador com os prefeitos em Gravatá anunciando os cria o FEM já foi enviado à Assembleia Legislativato José Patriota, de Afogados da Ingazeira (Sertão investimentos para os municípios e deve ser aprovado no começo de março.
  4. 4. 4 Jornal do Sertão - Fevereiro de 2013 / Edição 84 Agricultura Parnamirim ganha 10 barragens subterrâneasA gricultores de Parnami- A tecnologia inovadora no Vieira, as comunida- Barragem Subterrânea Ong Caatinga/Divulgação rim, no Sertão Central, município foi construída pela des foram beneficiadasganharão 10 barragens subter- Ong Caatinga e Centro Sabiá com uma tecnologia Adotada pelo Caatinga hárâneas para armazenagem de com patrocínio da Petrobras muito eficiente, no que mais de 23 anos, a barragemágua da chuva, o que ajudará através do Programa Petro- diz respeito à capta- subterrânea é uma tecnolo-a garantir a produção agrícola bras Ambiental. A iniciativa ção e armazenamento gia de armazenamento dedessas famílias no período da faz parte das ações do Projeto de água para as con- água construída em áreas deestiagem. A ação, um das tec- Riachos do Velho Chico que dições locais. “Esta é córregos de riachos e rios. Anologias de convivência com a tem como meta revitalizar os uma tecnologia que dá escavação é feita de formaseca, será destinada às comu- riachos Queimada e Frazão, condições para produ- transversal com profundida-nidades de Riacho de Queima- localizados respectivamente, zir alimentos para ma- de mínima de dois metros eda I e II e Dourado. nos municípios de Parnami- nutenção da família e máxima de seis. A tecnologia Com as barragens haverá rim e Triunfo, cidades per- dos animais em épocas permite o armazenamento daganho na hora da produção, nambucanas. em que a água é muito água no subsolo, evitando as-o que também deve aumen- Para o técnico responsá- escassa”, enfatiza o téc- Técnica adotada pelo Caatinga ameniza sim o processo de evapotrans-tar a renda dos agricultores. vel pelo Projeto, Ariagildo nico. efeitos da seca durante estiagem piração. Balanças modernas beneficiarão agricultores do São FranciscoP rodutores de hortifruti- pamentos para até 150 Kg, “Antes, nos- Divulgação granjeiros de Petrolina, levava até quatro horas para sa mercadoriaLagoa Grande e Cabrobo, no ser concluída. Com a nova seguia viagem e,Sertão do São Francisco, não balança, em apenas cinco mi- muitas vezes, sóprecisarão mais se deslocar nutos toda a carga é pesada. sabíamos quantoaté outras cidades para reali- “A nova estrutura também havia carga noszar a pesagem das suas produ- dará mais segurança aos caminhões apósções. A secretaria de Agricul- produtores familiares, dimi- três dias, pois atura e Reforma Agrária de Per- nuindo o índice de erro cau- pesagem aindanambuco (SARA) promoveu a sado pelas balanças manuais, é realizada, ementrega no final de janeiro de que acarretavam prejuízos fi- sua grande maio-três balanças rodoviárias que nanceiros”, destacou o titular ria, nos estadosirão atender a esses municí- da SARA, secretário Ranilson do Maranhão epios. Ramos. Bahia”, afirmou. Os equipamentos foram Ranilson explica que o O agricultoradquiridos por um valor de equipamento emite uma guia disse, ainda, queR$ 240 mil e têm capacida- eletrônica impressa com o a chegada dasde para a pesagem de até 80 peso exato da produção, ou balanças rodovi-toneladas. O maquinário irá seja, eles já ficam sabendo, árias de últimabeneficiar, diretamente, os efetivamente, o peso da carga geração pode atéagricultores da região, agora que será comercializada. Para parecer uma açãogarantindo que não haja mais o maior produtor de melancia simples do gover- Produtores de melancia na região estão mais seguros com o peso do produto depoisperda de carga e que o tempo da região do São Francisco, no, mas só os pro- da chegada do novo equipamentoda pesagem seja muito mais Aldenir Freire, a instalação dutores têm ideiarápido. dos equipamentos é resultado do quanto elas irão apoiar ças foram disponibilizadas carão responsáveis por suas A pesagem parcial, que de uma luta de nove anos dos o escoamento da produção às prefeituras municipais, instalações ao custo médioantes era realizada em equi- produtores do Vale. agrícola do Vale. As balan- por meio de comodato e fi- de R$ 20 mil.
  5. 5. Jornal do Sertão - Fevereiro de 2013 / Edição 84 5 AgriculturaPesquisa melhora produção caprina do semiáridoO pesquisador da Embrapa niçoba e a melancia forrageira, Fernanda Birolo Semiárido, Tadeu Vinhas a maioria sendo conservada naVoltolini, e o mestrando em forma de feno e silagem”.Ciência Animal pela Univer- Quando o assunto é o ma-sidade Federal do Vale do São nejo dos animais, uma dasFrancisco (Univasf), campus de principais técnicas adotadasPetrolina (Sertão de São Fran- é a estação de monta, em quecisco), Jair Campos Soares, os machos são mantidos se-trabalham em busca de me- parados do rebanho e coloca-lhores práticas para a criação dos junto às fêmeas somentede caprinos na região do semi- no período programado paraárido. Os autores da pesquisa a reprodução. Dessa forma,querem mostrar que a adoção o nascimento, o desmame e ade algumas técnicas simples engorda dos animais podempermitem melhores desempe- ser planejados, dando atençãonhos produtivos dos animais, o a cada uma dessas atividadesque implica em maior rentabi- – o que representa melhorlidade da atividade. manejo dos animais em as- Na região, a alimentação sociação com a otimização dade caprinos é baseada exclu- mão-de-obra da propriedade.sivamente na vegetação nativa O pesquisador Jair Camposda caatinga. Para os pesquisa- Soares destaca ainda algunsdores, esse tipo de alimento O pesquisador Tadeu Voltolini avalia ganhos da produção com nova técnica de alimentação dos animais benefícios econômicos, como aé insuficiente, se falando em penho reprodutivo das fêmeas nação da vegetação nativa e re- de, porém, sem exceder a quanti- redução do índice de mortali-quantidade e em qualidade. E e o peso das suas crias. serva de forragens. A alternativa dade de animais a serem alimen- dade das crias, que foi de 5%.mais, a perda de peso provoca- Na pesquisa que está sendo é explicada por Voltolini: “Nós tados. Quando a vegetação está Pelo sistema tradicional deda especialmente no período realizada, o sistema de criação criamos o rebanho na caatinga seca, optamos por usar a palma, criação extensiva, a mortalida-da seca compromete o desem- proposto é utilizar uma combi- quando essa vegetação está ver- o capim bufel, a pornunça, a ma- de chega a ser superior a 30%.
  6. 6. 6 Jornal do Sertão - Fevereiro de 2013 / Edição 84 Cultura Cordelista pernambucano é atração na IV Bienal Internacional do LivroE m Pernambuco, o poeta Escritor socializa Divulgação Ivaldo Batista, apaixona-do por fabricar manualmente o cordelseus livretos, versando entre 8e 32 páginas, já produziu mais Ivaldo Batista também tra-de 40 títulos utilizando a lite- balha no projeto “Socializandoratura de Cordel e bordando a leitura do cordel”, levandodiversos temas como o Nor- suas obras e a literatura dedeste, a Paixão de Cristo de cordel a bibliotecas públicasNova Jerusalém, Padre Cíce- municipal e estadual e museusro, Dilma Roussef, Luiz Gon- em cidades de Pernambuco,zaga e Maracatu. Esse ano, ele Alagoas, Paraíba, Ceará, Ser-já chegou com quatro novida- gipe, Bahia e Espírito Santo.des: lançou três novos livretos “O objetivo é que o povoe um outro especial que reúne que precise pesquisar em50 cordéis escritos por ele em espaços públicos tenha con-50 anos de vida. tato com nossa literatura”, Todos estarão em exposi- disse Ivaldo. A iniciativa doção na IX Bienal Internacional escritor já passou por Caru-do Livro de Pernambuco, que aru, Ibimirim, Floresta, Ita-acontece de 4 a 13 de outubro, curuba, Belém do São Fran-no pavilhão de exposições do cisco, Cabrobó, Santa MariaCentro de Convenções, em da Boa Vista, Orocó, LagoaOlinda. Dessa vez, além de Grande, Petrolina, Pauda- Referência no estado, Bienal do Livro acontece em sua quinta ediçãocontar sua história, os temas lho, Toritama, Santa Cruz dodebatidos serão a Capital For- município, aspectos da cultu- Nordeste Brasileiro que anda mente de forma manual pelo Capibaribe, Taquaritinga doró, Caruaru; a Copa das Con- ra e da arte e já coloca a partir esquecido no tempo. próprio autor. Os temas são os Norte, Serra Talhada, Sal-federações e Antônio Conse- de agora a cidade e o Estado O tema da IX Bienal Inter- mais variados, como aventu- gueiro, Exu, Serrita, Juazeirolheiro. de Pernambuco em clima de nacional do Livro de Pernam- ras, histórias de amor, humor, da Bahia, Juazeiro do Ceará, Falando sobre a capital do copa. O cordel é um convite ao buco será “Literatura, Futebol ficção, fato jornalístico, temas João Pessoa, Natal, Mossoró,forró, Ivaldo escreveu “Caru- turista: Bem vindo à cidade da e Identidades Nacionais”, re- religiosos e profanos. Aracati e Fortaleza.aru, Capital do forró e prince- copa! E ao mesmo tempo reve- tratado através de discussõessa do agreste”. A cidade está la a preparação do povo para e debates que tornaram a feira Divulgaçãoagora eternizada num folheto esse grande evento. literária referência no Estado.que conta sobre sua história O terceiro cordel é deno-e faz um passeio pela arte e minado “Antonio Conselhei- Cordelatrações turísticas e revela as ro, presidente de Canudos e Originária do Nordestetransformações que Caruaru, profeta do sertão”. Nascido brasileiro, a Literatura de Cor-a mais importante cidade do no Ceará, percorreu o Sertão del é uma modalidade impres-agreste pernambucano, vem nordestino com suas profecias sa de poesia, que já foi muitoexperimentado nos últimos e liderou a guerra de Canudos condenada, mas hoje é bemtempos. no Sertão baiano, assunto que aceita e respeitada, com direi- A Copa das Confederações foi imortalizado nos relatos de to a uma Academia Brasileiraestá retratada em “Welcome Euclides da Cunha, na obra de Literatura de Cordel. Temto the cup city São Lourenço “Os Sertões”. Conselheiro é linguajar despreocupado, re-da Mata, capital do Pau Bra- tema de um cordel onde Ival- gionalizado e informal, utili-sil”. O folheto é sobre a cidade, do Batista promete instigar o zado para a composição dosdo projeto “minha cidade em leitor a refletir sobre esse im- textos, que são publicados emcordel” e conta a história do portante movimento social no livretos fabricados pratica- Ivaldo fará sua obra chegar a mais gente com a participação na Bienal
  7. 7. Jornal do Sertão - Fevereiro de 2013 / Edição 84 7 Automação comercial é o caminho para crescer Alberto Ursulino ções, mas basica- mente é a substitui- tas. Nosso foco será comér- cio varejista e serviços. Neste albertoursulino@visatecnologia.com ção de pro­cedimentos caso, o computador e um bomN o início, os seres huma- nos eram caçadores edependiam de animais e plan- e rotinas manuais por formas automáti- cas de fazer a mesma sistema de gestão são indis- pensáveis, bem como leito- res de código de barras entretas como fonte de alimento. tarefa com auxílio de outros. De qualquer forma éDepois disso veio a revolução ferramentas que pos- muito importante lembrar queagrícola e mudou tudo. As pes- sibilitem mais con- é preciso levar todo processosoas aprenderam a cultivar e a trole e ao mesmo muito a sério, para não sercolher. Rapidamente surgiram tempo reduzindo er- mais um com um computadoras cidades e outra grande re- ros, obtendo maior na mesa para emitir pedido.volução aconteceu. Veio à se- rentabilidade e com- Como faço para automati-gunda revolução, a industrial, petitividade. zar meu negócio? O primeiroe tudo mudou novamente. O que o seu negó- passo é procurar uma empre-Agora tudo muda novamente, cio ganha com isso? sa que ofereça um serviço dee para quem não se deu con- Melhoria no aten- qualidade e que tenha conhe-ta ainda, estamos dentro da dimento, processos cimento sobre o assunto. O se-terceira revolução, a da infor- mais claros, produ- gundo e mais importante passomação, que já está mudando tividade, qualidade, é ter a consciência que esse é onosso jeito de viver. O tema controle e competi- caminho para crescer e encararde fevereiro, automação co- tividade e confiabi- a concorrência, além disso, omercial, tem tudo haver e está lidade. Além disso, total envolvimento do empre- Divulgaçãodiretamente ligada a terceira temos o aproveita- sário e dos seus colaboradoresrevolução. mento de informação gerada mente daquelas antigas regis- O que preciso para auto- no processo e crucial, pois só O que é automação comer- que auxilia o administrador na tradoras que não passavam de matizar meu negócio? Existe assim será possível ter o bene-cial? Existem muitas defini- tomada de decisão. Diferente- uma calculadora com gaveta. uma infinidade de ferramen- fício esperado no menor tempo.
  8. 8. 8 Jornal do Sertão - Fevereiro de 2013 / Edição 84 Negócios Coluna Jurídica Sebrae capacita Antonio Faria de Freitas Neto Advogado (antoniofaria@antoniofaria.com.br) Fone: (81) 3423-3695 | 3423-4976 gratuitamente em Ouricuri A Validade Jurídica do A Jornada Sebrae 2013 chegará a Ouricuri, Programação das Palestras no Sertão do Araripe, ofertando treina- Contrato Eletrônico mentos que buscarão melhorar o desempenho das micro e pequenas empresas e dos empre- Dia 26 de fevereiro | Das 19h às 21h Com a natural expansão da tecnologia da in- endedores individuais locais e o que é melhor, Empreendedorismo – Os Caminhos das Pedras formação em todo o mundo, houve o crescimento tudo de graça. A capacitação vai de 26 de fe- Dia 27 de fevereiro | Das 19h às 21h incalculável do uso do Contrato pela vereiro a 1° de março, com atividades que irão Como Vender Mais e Melhor ampliar as oportunidades aos participantes, a sociedade brasileira e, naturalmente, a necessi- exemplo da atualização dos critérios para quem Dia 28 de fevereiro | Das 19h às 21h dade do Direito posto em se adequar e se atualizar deseja se transformar em um empreendedor in- Como Identificar Oportunidades de Negócios a essa nova e imutável realidade fática. dividual no município. Em verdade, a celeuma criada derredor deste A Jornada objetiva ainda melhorar a ges- Dia 1º de março | Das 19h às 21h tão administrativa das empresas, bem como Liderança – Torne-se Um Líder de Sucesso tipo de contratação paira, exatamente, na sua va- da visão de futuro dos empreendedores de lidade jurídica, já que muitos experts defendem, Ouricuri. Além de palestras, que irão ocupar com veemência, que tais contratos não podem ser o Teatro Carlota Peixoto nas quatro noites de da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) do equiparados como documentos jurídicos propria- evento, será promovida também orientação município. empresarial aos empreendedores da cidade. As inscrições para as palestras que são gratui- mente ditos. Eles irão tirar dúvidas e realizar a declaração tas devem ser feitas no Teatro, local da programa- Isto porque, neste tipo de contratação, realiza- de imposto de renda, entre outros benefícios, ção. As vagas são limitadas. Outras informações da de forma virtual, existem várias possibilidades gratuitamente. O serviço estará disponível podem ser obtidas por meio do telefone (87) 3873- da existência de vícios legais, tanto no que pertine nos dias de Jornada, das 8h às 17h, na sede 1708 ou gratuitamente pelo 0800.570.0800. à identidade das partes contratantes - já que mais fácil de haver a contratação por incapazes ou com falsidade ideológica etc. - e, principalmente, em Nova opção de compras relação à sua segurança, face à ausência de assina- tura escrita por parte dos contraentes, bem como em Serra Talhada pela sua enorme vulnerabilidade, já que neste tipo de contrato existe uma maior facilidade de adul- S erra Talhada é a sede da mais nova loja de calçados e acessórios com um café da manhã es- pecial servido no Bar e Res- taurante Petiscaria. A Exclu- teração do seu teor, sem se deixar rastros visíveis. da região, a Exclusiva. A siva foi bastante prestigiada Para empiorar esse quadro, existe um vazio le- empresa mal se instalou pelos clientes e as vendas gislativo na regulamentação específica deste tipo na cidade e já é destaque superaram as expectativas. na oferta de calçados, A identidade visual da de contratação, ficando a cargo do juiz, através bolsas, carteiras e artigos Exclusiva ficou a cargo da das regras gerais de Direito e Processo Civis, jul- em couro de alta qualidade, A inauguração da loja acon- Saminina Comunicação. Já a gar cada caso concreto, inclusive aproveitando, ou com revenda de produtos teceu no dia 7 de fevereiro e divulgação e realização tiveram não, tal contratação como meio de prova, o que exclusivos e ainda bijoute- atraiu muita gente. Cerca de o toque da Saminina Promo. As rias finas voltadas ao públi- 200 convidados marcaram duas empresas atuam há três gera, ao nosso ver, uma considerável insegurança co feminino. presença no evento que contou anos na região do Pajéu. jurídica aos contraentes. Destarte, não raramente os contratos eletrôni- Humor cos se encontram como uma frágil prova proces- sual e, muitas vezes, acabando por não servir para tal fim ouse prestando, apenas, como indício de início de prova. Portanto, somente após regulamentação le- gislativa acerca da criptografia e da assinatura digital, disciplinando específica e expressamente essa matéria, poderemos ter a segurança jurídica necessária aos contratos eletrônicos, tornando-os como forte matéria probante junto aos pretórios nacional. Estamos à disposição para sugestões, comentá- rios, que poderão ser feitos através do nosso site.
  9. 9. Jornal do Sertão - Fevereiro de 2013 / Edição 84 9 Ecologia Caminhada ecológica movimenta Serra TalhadaP elo quarto ano consecu- tivo será realizada no dia29 de março de 2013 (Sexta ecológico tem como propos- ta despertar a consciência da população local, para a impor- ganizadora é formada por Na- telson Moura, Professor Re- ginaldo e Gilberto Melo, trêsfeira da Paixão), a 4ª Cami- tância da preservação ambien- nomes bastante conhecidos danhada Ecológica de Serra Ta- tal, aliado a um momento de sociedade serra-talhadense.lhada. Este ano a previsão é de lazer. Todos os anos são home-que a participação de público O evento já faz parte do ca- nageados pessoas ilustres daultrapasse o número de 1 mil lendário da semana santa em região. Este ano foram esco-participantes. Esse evento Serra Talhada. A comissão or- lhidos Seu José Raimundo e Seu José Tenório com o slo- gan “170 anos de história”, em alusão a soma de suas idades, A caminhada tem um percurso de 9km respectivamente 85 anos cada um. A dupla é bem conhecida e munidade de Fazenda Nova. cima do trio”, comentou Na- querida na comunidade de Fa- Essa é a primeira vez que telson Moura. zenda Nova, local de chegada serão homenageadas pes- A organização conta com o da caminhada. Durante todo o soas vivas. Nos outros anos apoio da Polícia Militar, Corpo percurso, é servida água mine- prestamos homenagens a de Bombeiros e da Polícia Ro- ral aos participantes. Um car- quem tinha contribuído com doviária Federal. A imprensa ro de apoio e um trio elétrico a comunidade, mas que já ha- local também tem contribuído acompanham a Caminhada. viam falecido, afirma Moura. com o sucesso de crescimento Em cima do trio estarão os ho- Os dois homenageados des- da caminhada, dando espaço menageados desse ano. te ano, seu Raimundo e Seu ao evento. O Jornal do Sertão A caminhada tem um per- Zé Tenório, apesar da idade foi um dos primeiros veículos curso de 9km entre o municí- avançada, fazem questão de de comunicação a apoiar o pro-Homenageados desta edição serão o Sr. José Raimundo e Sr. José Tenório pio de Serra Talhada e a co- acompanhar o evento em jeto da Caminhada Ecológica.
  10. 10. 10 Jornal do Sertão - Fevereiro de 2013 / Edição 84 Sociais Eternize Anderson OliveiraBÊNÇÃO O elegante nupcial de Silvânia e Heleno no Buffet Arte de Fazer, em SIMPATIA Paulo e sua Mônica Magalhães, sempre anotados nos melhores even-Arcoverde tos de Arcoverde Anderson Oliveira DivulgaçãoDESTAQUE Nemias e sua Socorro Silva entre os elegantes do casamento de Sil- SORRISSO Wellington e Rejane Maciel ocupando mesa de destaque no nupcialvânia e Heleno
  11. 11. Jornal do Sertão - Fevereiro de 2013 / Edição 84 11 “Não é o mais forte que sobrevive, nem o mais inteligente, mas o que melhor se adapta às mudanças”. Charles Darwin Dárcio Rabêlo darciorabelo@hotmail.com 87 9159.3661LIMPEZA GERAL GANHE O MUNDO O SIM DE SILVÂNIA E HELENO gião, para discutir a adoção de medidas Em Arcoverde, o início da gestão Depois de Roberto Francisco de drásticas com relação à TIM, operado-Madalena Brito (PTB) foi com tra- Lima Junior embarcar para a Austrá- Foi realizado no dia 02 de fevereiro ra de telefonia móvel e internet.balho de limpeza nas ruas e terrenos lia, agora foi a vez de Rosy Carina de o nupcial de Silvania e Heleno, filhos O motivo é a não renovação dos con-baldios nos bairros do Tamboril, Por Araújo Ventura seguir para a Nova dos casais, José Barbosa da Silva e Jo- tratos de prestação de serviço firmadosdo Sol e o canteiro da duplicação da Zelândia através do programa Ganhe sefa dos Santos Silva, Manoel Souza da com os municípios, inclusive com os adim-Cohab I. Foi realizada a reposição de o Mundo do Governo de Pernambuco. Silva e Julia Barbosa da Silva. A pres- plentes. Outra motivação é o péssimocerca de 350 m² de calçamento, in- Ambos são estudantes da Escola Técni- tigiada cerimônia aconteceu no Buffet serviço prestado à população sertaneja.cluídos os da COMPESA, mais 40 m² ca Estadual Arlindo Ferreira dos San- Arte de Fazer sob as bênçãos do pastorde tapa buraco em asfalto nas ruas e tos, em Sertânia. Alcir Maximiano de Oliveira e do Juiz FÉRIAS QUE TE QUERO FÉRIASavenidas. “Nos recolhimentos de me- Parabéns ao gestor da ETE Sertânia Draulternani Melo Pantaleão. Quando vocês estiverem lendotralhas, chegamos a recolher 25 carra- Julio César. Em seguida, os noivos circularam está coluna estarei desembarcando nodas, o que equivale, em média, a 250 pelas mesas recebendo os cumprimen- Aeroporto Internacional Newark, emtoneladas diárias, somando ainda cer- ÁGUA tos. Um registro para a bonita decora- Nova York para temporada de fériasca de 10 caminhões de galhos e restos Prometida para entrar em operação ção que deixou o Buffet Arte de Fazer nos EUA.de árvores. parcialmente em dezembro passado, a ainda mais elegante, com flores natu- Até a volta! Aproximadamente 700 metros de Adutora do Agreste só deve levar água rais e lustres.galeria, foram desobstruídos e recons- para os quase 100 mil habitantes de Tudo de muito bom gosto. O servi- CARNAVAL 2013truídos, o que beneficiou 39 ruas. O ca- Serra Talhada, no Sertão do Estado, ço de buffet estava impecável, com co- “Esse ano tivemos o melhor Car-nal do Riacho do Mel recebeu limpeza depois de fevereiro. O “atraso” para a quetel seguido de jantar. Foi uma festa naval dos últimos tempos”, declarou ageral em toda a extensão e foi iniciada liberação do funcionamento do equi- linda e emocionante. Parabéns aos noi- prefeita Madalena Britto em entrevistaa segunda etapa do Canal do São Cris- pamento hídrico se deu por causa de vos e muitas felicidades. coletiva sobre o balanço do Reinado detóvão. testes que precisaram ser realizados Os noivos apaixonados dançaram Momo, hoje (20), no gabinete, na sede pelo Departamento Nacional de Obras valsa em meio a uma chuva de pétalas da Prefeitura Municipal. Contra as Secas (Dnocs), sob o acom- de flores amarelas. Bastante emociona- Hélida Enes/JS Durante o evento, a presidente do panhamento da Companhia Pernam- da, a noiva vestiu um tradicional mo- Comitê de Eventos, Andreia Britto, bucana de Saneamento (Compesa). delo na cor branca. apresentou uma geral dos resultados do Carnaval da Folia dos Bois, desde Divulgação ORGULHO os dados sobre a questão da seguran- O médico arcoverdense, Edson Xa- ça pública, atendimento em saúde, vier Júnior, recém formado – colou grau bem como os resultados positivos em dezembro de 2012, foi aprovado em para todo o município. Detalhe que 2º lugar nas provas para residência mé- não pode jamais passar em branco é dica para cirurgião e passará a cursar que diferente dos antecessores que residência médica no IMIP – Instituto fugiam para paraísos tropicais fora do Materno Infantil em Arcoverde. Juni- Brasil nesta época de momo, a prefei- nho, como é conhecido entre seus cole- ta Madalena Brito e o vice Welington gas de Arcoverde, estudou no Cardeal e Araújo fizeram questão de prestigiar Imaculada, tem apenas 23 anos e é ami- o carnaval de Arcoverde. A classe ar- go do Jornal de Arcoverde, é filho do tística agradece o carinho dos gover- nosso colaborador, o advogado Edilson nantes. Xavier. Parabéns Juninho, que faça um bom curso de residência médica. FORRÓ VIP 2013 TIM TÁ RUIM Já estamos trabalho para realizar a Reunida em Afogados da Ingazeira, maior e mais categorizada prévia juni-Madalena Britto Prefeita de Arco- a Diretoria do Consórcio de Municí- na de Arcoverde. O Forró VIP este anoverde PE - Durante o Evento Juntos DEBUT Robertha Souza que fez uma pios do Sertão do Pajeú (CIMPAJEÚ), será dia 18 de maio no Esporte Clubepor Pernambuco em Gravatá - PE linda festa para comemorar seus 15 anos decidiu convocar os 17 Prefeitos da re- de Arcoverde. Aguardem!
  12. 12. 14 Jornal do Sertão - Fevereiro de 2013 / Edição 84 Carnaval 2013 As cores do Sertão nos Por Helena Conserva E-mail hconserva@gd.com.br blog: http://escrevehelena.blogspot.com quatro cantos de Olinda Alejandro Garcia e a arte C om o tema “Pernambu- Salgueiro foi lembrada Zefinha Paulino. As peças são co Imortal, Imortal”, a através de Mestre Jaime, o esculpidas em umburana, ma- cenografia do Carnaval 2013 criador de um desfile de bo- deira nobre proveniente da ca- de fotografar o cotidiano de Olinda, no Grande Recife, necos, no qual são representa- atinga e que podem ser consi- U ma flor num jar- homenageou a cultura per- dos diferentes tipos de bichos, deradas obras de arte popular nambucana, com um desta- existentes ou recriados, que de muito boa qualidade, sendo dim, uma reunião que para o Sertão do Estado. fazem a alegria dos foliões ser- vendidas para colecionadores social, um barbeiro Entre os bonecos gigantes, o tanejos. Em Serra Talhada, a de todo o Brasil. trabalhando, uma Rei do Baião, Luiz Gonzaga, outrora Vila Bela, foi apresen- Como não poderia deixar mulher debulhan- foi um dos homenageados. Na tada com Virgulino Ferreira, o de ser, Luiz Gonzaga, conside- do milho, outra ca- decoração também estavam Lampião, e sua Maria Gomes rado o pernambucano do sé- tando feijão, uma reproduzidos Lampião e Ma- de Oliveira, a Maria Bonita, culo 20, também participou da criança correndo ou ria Bonita, o Rio São o cotidiano. O coti- Francisco, além de ci- Jan Ribeiro/Pref.Olinda diano muitas vezes dades como Salgueiro, é o extraordinário Triunfo, Serra Talhada de uma fotografia. e Ibimirim. É através do coti- Para Fernando Au- diano que Alejandro gusto, que criou pela Garcia, fotógrafo, 10° vez a cenografia da artista gráfico com cidade, a referência à formação em dese- cultura do Estado nun- nho e pintura pela ca foi feita de maneira Escuela de Bellas tão extensa como em Artes em Buenos 2013, um retrato de Aires, se expressa. Pernambuco, do Litoral Filho de fotó- “Condição de Mulher” ao Sertão. “O melhor fotografia de Alejandro Garcia palco para se fazer ho- grafo, Alejandro menagem é o carnaval. Garcia chegou em Foi isso que fizemos,” Serra Talhada em 1985 através Praça do Sebo, no Restauran- afirmou Fernando. da fundadora do movimento te O Grâo, na Galeria Pallón. Quem brincou em Luiz Gonzaga e sua sanfona gigante, símbolos sertanejos destacados no cenário de mulheres, Vanete Almeida. Em Boa Viagem expôs fotos Olinda pode conferir o da folia em Olinda “Conheci Vanete porque fiz de Buenos Aires. Tem fotos mosaico cultural que é o estado. primeira mulher a integrar um festa. Em frente à Prefeitura um documentário sobre ocu- no acervo da Casa da Cultura. Nas ruas, expressões como “Vi- grupo de cangaceiros. de Olinda, um obelisco guar- pação de terras apoiada pela Atualmente ele trabalha para o das Secas” de Euclides da Cunha Triunfo foi marcada pelas dou a imagem do Rei do Baião, Fetape. Ela era supervisora. Farol de Notícias e na Assesso- estiveram representadas. A cena caras amarradas dos caretas, de 12m de altura. E o rio São Os cartazes dos primeiros en- ria de Comunicação da Prefei- reproduziu a árida paisagem do reconhecidos como patrimônio Francisco que recebeu todas contros do Movimento de Mu- tura de Serra Talhada. Sertão pernambucano descrita cultural da cidade. Eles brin- as homenagens no desfile do lheres são de minha autoria”. O ateliê do Fotógrafo Ale- pelo autor, que definiu o sertane- cam trajando roupas escuras, Galo da Madrugada, no Reci- Assevera. jandro Garcia é na Praça Aga- jo como “antes de tudo, um for- estalando seus relhos (chicotes fe, teve destaque também na Alejandro realizou no Re- menon Magalhães, 104 (Con- te”. Uma literatura que retratou com ponteiras) e “assustando” folia em Olinda, com a cena “O cife algumas exposições: na cha Acústica). a luta do vaqueiro, com o seu gi- os moradores. Já Ibimirim foi Sertão vai virar mar nas águas bão e o chapéu de couro, enfren- lembrado pela tradição dos do São Francisco” montada na * elena Conserva é Professora e Jornalista H tando a caatinga para sobreviver. santos, idealizada pela mestra Praça Monsenhor Fabrício.
  13. 13. Jornal do Sertão - Fevereiro de 2013 / Edição 84 15 Cultura Espetáculo promete emocionar na Semana Santa de ArcoverdeO s preparativos para o ções acontecerão em cinco coverde, além de Rodolfo Araújo/divulgação espetáculo da Paixão de palcos. atores do Movimen-Cristo de Arcoverde, o “Hori- O percurso começa pelo to Cultural de Arco-zonte da Paixão”, estão a todo Pátio do Teatro Municipal, verde.vapor. Promovido há 13 anos quando acontece o encontro O papel de Jesuspelo Sesc da cidade, com apoio de Cristo com o Diabo, pas- será interpretadoda Prefeitura Municipal, a sando pelo Centro Comercial novamente por Dja-meta é reunir neste ano 30 mil de Arcoverde, no Largo do elton Quirino. Essapessoas para conferir de perto Bonanza, Prefeitura Velha, é a 4ª vez que o atoras apresentações teatrais, que Avenida Antônio Japiassu, representa o filhoacontecerão no período de 28 terminando na antiga Estação de Deus. “Para mima 30 de março, sempre às 20h, Ferroviária, onde é encenada é de grande impor-com entrada franca. a crucificação e a ressurreição tância realizar mais Quem marcar presença de Cristo. uma vez esse traba-poderá conferir de perto os Ao todo, 200 pessoas traba- lho. Primeiro pelabelíssimos efeitos de som e lham para que as apresentações tradição religiosaluz, que serão repetidos esse sejam bem aplaudidas pela po- que ele representaano com algumas surpresas, pulação local e por turistas. para o município desegundo um dos diretores da São 40 cenas interpretadas por Arcoverde. E tam-Paixão de Cristo da cidade, 120 atores e figurantes. Tam- bém é muito bom É esperado um público de 30 mil pessoas na apresentação deste anoMiro Carvalho. A encenação bém fazem parte do elenco in- ver o brilho nossegue pelas ruas do municí- tegrantes do grupo da terceira olhos dos espectadores ao re- Herodes, por Mário Sérgio reção é assinada pelos artis-pio num percurso de 2 km, idade Novo Horizonte, alunos ceberem a mensagem que pas- Arantes; o traidor Judas Is- tas Miro Carvalho, Romualdoacompanhada de músicas da Educação de Jovens e Adul- samos”, afirmou Djaelton. cariotes será interpretado por Freitas e Claudinei Mendes,criadas unicamente para o tos, Educação Infantil, alunos O papel de Pilatos ficará Alex Pessoa; e João Batista, com texto coletivo inspiradoespetáculo. As apresenta- do grupo de teatro do Sesc Ar- com Diógenes Grande; o de por Romualdo Freitas. A di- na Bíblia. Grupos de teatro homenageiam a mulher em seu dia O Ponto de Cultura A Vida é uma Arte, de Floresta (Sertão de Ita- parica), festejará o Dia Internacional Essa já é a quarta vez que o grupo teatral de Serra Talhada visita o muni- cípio de Floresta com seus espetáculos. da Mulher, comemorado em 8 de mar- “Essa iniciativa é louvável e movimenta ço, com um dia cultural. A programa- a cultura regional. Nos sentimos hon- ção acontecerá no Cine Teatro Recreio rados em voltar a essa cidade com um com a comédia teatral Enfim, Sós! Do espetáculo teatral e tratar e valorizar a Centro Dramático Pajeú de Serra Ta- presença da mulher no cotidiano”, dis- lhada (CDPST) que coordena o Pon- se o ator Carlos Silva. to de Cultura Oficina de Criação na Enfim, sós! traz, por meio do hu- principal cidade do Sertão do Pajeú. O mor, situações diversas do cotidiano grupo aproveitará ainda para realizar humano, onde amizades e relações uma formação teatral com a população conjugais são postas à prova a todo local. tempo. No enredo, o que cada persona- Toda a programação terá início a gem busca é livrar-se dos olhares ou da partir das 19h30min. Alunos do ponto presença de seres indesejados. de cultura A Vida é uma Arte abrirão Nos dias 9 e 10 de março haverá o espetáculo com suas performances. uma oficina gratuita de formação em Em seguida, será a vez da apresentação prática teatral, ministrada por Carlos do CDPST. Serão cinco apresentações: Silva. No encerramento da oficina ha- Vamos falar fracamente por Carlos Sil- verá a montagem do Cordel A chegada va; O Lixo por Diego Adriano Juliana de Lampião no Inferno, versão para Guerra; Ela me deixa louco! por Dany teatro com os alunos/atores/atrizes do Feitosa Gildo Alves; Se olham e não Ponto de Cultura A vida é uma Arte. se tocam por Mannoel Lima Juliana “Esse trabalho aqui no interior é de Guerra; As 10 Mais do Córtex Cerebral suma importância na construção cida- por Dany Feitosa Carlos Silva. dã dessas pessoas”, concluiu Silva.

×