Your SlideShare is downloading. ×
3351572 artes-apostila-de-arte-tarsila
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

3351572 artes-apostila-de-arte-tarsila

1,275

Published on

Artes Plásticas

Artes Plásticas

Published in: Education
1 Comment
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,275
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
60
Comments
1
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. FAZENDO A R T E COM TARSILA
  • 2. Prefeitura Municipal de Santos ESTÂNCIA BALNEÁRIA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO PEDAGÓGICO Subsídios para implementação doPlano de Curso de Educação Artística Ensino Fundamental Ciclo I Santos 2003 2
  • 3. Prefeitura Municipal de Santos ESTÂNCIA BALNEÁRIA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO PEDAGÓGICO Caracterização da Área de Arte Na proposta dos Parâmetros Curriculares Nacionais, Arte tem uma função tão importante quanto ados outros conhecimentos no processo de ensino e aprendizagem. A área está relacionada com asdemais áreas e tem suas especificidades. A educação em arte propicia o desenvolvimento do pensamento artístico e da percepção estética,que caracterizam um modo próprio de ordenar e dar à experiência humana: o aluno desenvolve suasensibilidade, percepção e imaginação, tanto ao realizar formas artísticas quanto na ação de apreciare conhecer as formas produzidas por ele e pelos colegas, pela natureza e nas diferentes culturas. Esta área também favorece ao aluno relacionar-se criadoramente com as outras disciplinas docurrículo. Por exemplo, o aluno que conhece arte pode estabelecer relações mais amplas quandoestuda um determinado período histórico. Um aluno que exercita continuamente sua imaginaçãoestará mais habilitado a construir um texto, a desenvolver estratégias pessoais para resolver umproblema matemático. Conhecendo a arte de outras culturas, o aluno poderá compreender a relatividade dos valores queestão enraizados nos seus modos de pensar e agir, que pode criar um campo de sentido para avalorização do que lhe é próprio e favorecer abertura à riqueza e à diversidade da imaginaçãohumana. Além disso, torna-se capaz de perceber sua realidade cotidiana mais vivamente,reconhecendo objetos e formas que estão à sua volta, no exercício de uma observação crítica do queexiste na sua cultura, podendo criar condições para uma qualidade de vida melhor. Uma função igualmente importante que o ensino da arte tem a cumprir diz respeito à dimensãosocial das manifestações artísticas. A arte de cada cultura revela o modo de perceber, sentir earticular significados e valores que governam os diferentes tipos de relações entre os indivíduos nasociedade. A arte solicita a visão, a escuta e os demais sentidos como portas de entrada para umacompreensão mais significativa das questões sociais. Essa forma de comunicação é rápida e eficaz,pois atinge o interlocutor por meio de uma síntese ausente na explicação dos fatos. A arte também está presente na sociedade em profissões que são exercidas nos mais diferentesramos de atividade: o conhecimento em artes é necessário no mundo do trabalho e faz parte dodesenvolvimento profissional dos cidadãos. O conhecimento da arte abre perspectiva para que o aluno tenha uma compreensão do mundo naqual a dimensão poética esteja presente: a arte ensina que é possível transformar continuamente aexistência, que é preciso mudar referências a cada momento, ser flexível. Isso quer dizer que criar econhecer são indissociáveis e a flexibilidade é condição fundamental para aprender. O ser humano que não conhecer arte tem uma experiência de aprendizagem limitada, escapa-lhe adimensão do sonho, da força comunicativa dos objetos à sua volta, da sonoridade instigante dapoesia, das criações musicais, das cores e formas, dos gestos e luzes que buscam o sentido da vida. Fonte: Parâmetros Curriculares Nacionais 3
  • 4. “Escolas que são gaiolas existem para que os pássaros desaprendam a arte dovôo. Pássaros engaiolados são pássaros sob controle. Engaiolados, o seu dono podelevá-los para onde quiser. Pássaros engaiolados sempre têm um dono. Deixaram deser pássaros. Porque a essência dos pássaros é o vôo. Escolas que são asas não amam pássaros engaiolados. O que elas amam sãopássaros em vôo. Existem para dar aos pássaros coragem para voar. Ensinar o vôo,isso elas não podem fazer, porque o vôo já nasce dentro dos pássaros. O vôo nãopode ser ensinado. Só pode ser encorajado”. Rubem Alves 4
  • 5. Esta é a artista Tarsila do Amaral, ela nasceu em Capivari,no interior de São Paulo, em 1886.Ela passou sua infância em uma fazenda.Tarsila cresceu sempre bonita e vaidosa, gostava de usarbrincos extravagantes.Neste quadro, a artista fez seu auto-retrato, ou seja, elapintou seu próprio rosto na tela. Faça como Tarsila, utilize o espaço ao lado para fazer seu auto-retrato. 5
  • 6. Abaporu Uma noite, Tarsila pintou um de seus quadros mais famosos, uma estranha figura saída desua imaginação; um homem gigante com a cabeça bem pequena. Essa obra recebeu o nome tambémmuito estranho: Abaporu, que em Tupi significa “homem que come carne humana”, antropófago, aobra foi batizada por seu marido, Oswalde Andrade, porque achou-o selvagem. A artista fez outros quadros com o mesmo estilo. Nesta obra, ela juntou os dois quadros o Abaporu e a Negra. A Negra Fonte – Encontro com Tarsila – Cecília Aranha/ Rosane Acedo - Editora Mindin 6
  • 7. Vamos levar o Abaporu da Tarsila do Amaral para conhecer a cidade de Santos? Faça um desenho bem bonito do lugar que você mais gosta de sua cidade.7
  • 8. Faça um circulo nas figuras que fazem parte do quadro “Morro na Tarsila” 8da artista Tarsila do Amaral.
  • 9. Esta obra também pertence à fase antropofágica. 1) Qual foi sua primeira impressão ao olhar o quadro? 2) O que você acha que esta obra representa?3) Nesta obra, a artista utiliza mais as linhas retas ou curvas?4) Que nome você daria a este quadro?5) Utilize o espaço abaixo para desenhar e pintar uma paisagem, que só existe na sua imaginação. 9
  • 10. Esta tela da Tarsila se chama “OP Porto”, observe como ela utilizaformas geométricas.Sugestões de Atividade Em uma folha de papel pardo, represente o porto de Santos. Convide alguns amigos parafazer esta obra com você, utilize técnicas diversas como colagem com papéis coloridos, pinturascom giz de cera, guache. E, assim como Tarsila, procure utilizar formas geométricas. Esta obra se chama “A Cuca”. Observe que a Tarsila coloca 4 personagens, qual delas será a Cuca? Sugestão de atividade: Crie uma história tendo como tema esta imagem criada pela artista. 10
  • 11. Fonte: Revista Lição de Casa (semanal) – Jornal Estadão. 11
  • 12. Sugestão de atividadeFaça o personagem o “Abaporu” utilizando a modelagem com papel machê. 12
  • 13. 13
  • 14. 14
  • 15. Fonte: Revista Lição de Casa (semanal) – Jornal Estadão 15
  • 16. 16
  • 17. Vamos fazer uma reprodução desta obra antropofágica da Tarsilautilizando a técnica de aquarela, perceba que efeito diferente você vai conseguir! 17
  • 18. 18
  • 19. 19
  • 20. 20
  • 21. 21
  • 22. 22
  • 23. 23
  • 24. 24
  • 25. 25
  • 26. 26
  • 27. 27
  • 28. Sugestão para oProjeto de Leitura 28
  • 29. 29
  • 30. A samambaia o vira-lata e o blufiano - autor - Atílio Bari - Editora Sapione 30
  • 31. 31
  • 32. 32
  • 33. 33
  • 34. 34
  • 35. 35
  • 36. 36
  • 37. 37
  • 38. 38
  • 39. .39
  • 40. 40
  • 41. 41
  • 42. 42
  • 43. Fonte Revista Lição de Casa (semanal) Jornal Estadão. 43

×