Uso do
          Computador e
          da Internet na
Professoras:
              Escola
Drª Anamelea de Campo Pinto
Drª C...
NOSSA MENTE É A MELHOR
  TECNOLOGIA, INFINITAMENTE
SUPERIOR EM COMPLEXIDADE AO
MELHOR COMPUTADOR, PORQUE
PENSA, RELACIONA,...
DISTÂNCIAS

             GEOGRÁFICAS




ECONÔMICAS
CULTURAL




             TECNOLÓGICAS

                      (Moran,1...
SEGUNDO GLASSER:

APRENDEMOS...
     10% DO QUE           LEMOS
     20% DO QUE           OUVIMOS
     30% DO QUE         ...
HISTÓRICO: USO DO COMPUTADOR NA ESCOLA

•ANOS 60 e 70 EUA – INTRODUZIU A MICROINFORMÁTICA,
SEM ÊNFASE NA FORMAÇÃO DO PROFE...
HISTÓRICO: USO DO COMPUTADOR NA ESCOLA

• NO BRASIL EM 1971, INICIOU O USO DE COMPUTADORES
NO ENSINO DE FÍSICA (USP/SÃO CA...
HISTÓRICO: USO DO COMPUTADOR NA ESCOLA
•EM 1984, SURGIU O PROJETO EDUCOM, INICIATIVA CONJUNTA
DO MEC, CNPQ, FINEP E SEI/PR...
HISTÓRICO: USO DO COMPUTADOR NA ESCOLA

• EM 1989 É CRIADO NA UFAL, O NÚCLEO DE INFORMÁTICA
NA EDUCAÇÃO SUPERIOR (NIES) AL...
A INFORMÁTICA NAS ESCOLAS EM ALAGOAS


•LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA:

       ESCOLAS: 180


•PROFESSORES CAPACITADOS:
    ...
INFORMÁTICA NAS ESCOLAS PÚBLICAS DE
                     ALAGOAS

1600
                                            1406
14...
POR QUE O COMPUTADOR E A
INTERNET SÃO IMPORTANTES NO
   PROCESSO DE ENSINO E
      APRENDIZAGEM?
ELE DEVE ESTAR A SERVIÇO DE UM PROJETO
EDUCACIONAL, PROFESSORES E GESTORES
DEVEM    INCORPORÁ-LO    AO   CURRÍCULO
ESCOLAR...
“SEGUNDO PRADO(2005), O DESAFIO É
  DAR NOVA VIDA AO CURRÍCULO DA
 ESCOLA. PARA ISSO, A FORMAÇÃO DO
PROFESSOR TANTO PARA A...
O TRABALHO POR PROJETO

    PERMITE A ARTICULAÇÃO ENTRE OS SABERES DAS DIVERSAS
    ÁREAS DE CONHECIMENTO, DAS RELAÇÕES C...
“ A ESCOLA DEVE INCORPORAR CADA VEZ
 MAIS O USO DAS TECNOLOGIAS DIGITAIS
   PARA QUE ALUNOS E EDUCADORES
 POSSAM APRENDER ...
“A EDUCAÇÃO PRECISA INCORPORAR MAIS
AS    DINÂMICAS PARTICIPATIVAS COMO AS
DE      AUTO-CONHECIMENTO       (TRAZER
ASSUNTO...
PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO




    REALIDADE   CURRÍCULO




         TECNOLOGIAS
QUAIS AS POSSIBILIDADES DE USO
              DO
   COMPUTADOR NA ESCOLA?
COM INTERNET;


         SEM INTERNET;


COM SISTEMA OPERACIONAL WINDOWS;


 COM SISTEMA OPERACIONAL LINUX
         EDUCAC...
COM INTERNET


    ATRAVÉS DE CURSOS PRESENCIAIS E A DISTÂNCIA;


 CONSTRUÇÃO COOPERATIVA ONDE O PROFESSOR PODE
CRIAR PÁ...
EXPERIÊNCIAS DE MORAN DE ENSINO COM
                   INTERNET
 COORDENAR PROJETOS COM PESQUISAS LIVRES, TEMAS
DIFERENTE...
“A INTERNET É A MÍDIA MAIS
 ABERTA, DESCENTRALIZADA E
    POR ISSO MESMO, MAIS
AMEAÇADORA PARA OS GRUPOS
   POLÍTICOS E EC...
INTERNET E TV
        MARCO DECISIVO
  PROJETOS DE INTERNET NA EDUCAÇÃO
             PRESENCIAL

          A ESCOLA DO FUT...
DIFICULDADES DO USO DO COMPUTADOR
                COM INTERNET
   CONFUSÃO ENTRE CONHECIMENTO E INFORMAÇÃO;

   FACILIDA...
USO DO COMPUTADOR SEM INTERNET
 COM SISTEMA OPERACIONAL WINDOWS;
 COM SISTEMA OPERACIONAL LINUX EDUCACIONAL E COM

SOFTW...
POR QUE A ESCOLHA DE SOFTWARES LIVRE
               PELOS

         ÓRGÃOS PÚBLICOS?
LINUX- É UM SISTEMA OPERACIONAL CRIADO EM
 1991 POR LINUS TORVALDS, DE CÓDIGO ABERTO
  DISTRIBUÍDO GRATUITAMENTE PELA INTE...
O SISTEMA OPERACIONAL MURIQUI LINUX
        APRESENTOU MELHOR DESEMPENHO E
      CONSAGROU-SE PELA QUALIDADE TÉCNICA,
 CON...
A PROFISSÃO FUNDAMENTAL DO PRESENTE
               E DO

   FUTURO É EDUCAR, INTEGRANDO A

COMUNICAÇÃO PESSOAL, A COMUNITÁ...
CONSIDERAÇÕES FINAIS

 EMBASADAS NOS ESTUDOS DE ALMEIDA, MORAN, PRADO,
   VALENTE, HERNÁNDEZ PODEMOS CONSTATAR QUE O
     ...
CONSIDERAÇÕES FINAIS

     NO ENTANTO, PARA QUE SEU USO SEJA DE FATO
  CONSOLIDADO NAS ESCOLAS TORNA-SE NECESSÁRIA A
   SE...
BIBLIOGRAFIA

ALMEIDA, Maria Elizabete Bianconcini. In: Desafios à educação: o trabalho com projetos.
Educação, projetos, ...
História      da      Informática      Educativa      no      Brasil.    Disponível   em:
http://br.geocities.com/cantinho...
Ministério da educação-MEC.Disponível em: http://
portal.mec.gov.br/seed/index.php?option=content&task=view&id=136&Itemid=...
ANEXOS
COMO RELACIONAR O CONHECIMENTO
 ADQUIRIDO NO COMPUTADOR À SALA
            DE AULA.
ÁTOMO




PROFº DE QUÍMICA LUCIANO RAPOSO USANDO APLICATIVO TUX PAINT
PROFº DE QUÍMICA LUCIANO RAPOSO USANDO O APLICATIVO TUX PAINT
PROFº DE QUÍMICA LUCIANO RAPOSO USANDO O APLICATIVO TUX
PAINT
Pedro Arthur
    6ª B
ARRAIÁ DO POMPEU
SARMENTO




 O PROJETO “FESTAS JUNINAS” CULMINOU COM A FESTA
    E EXPOSIÇÃO DOS TRABALHOS DE INFORMÁTIC...
A construção dos trabalhos exigiu dos alunos
interação com o tema e utilização dos recursos
tecnológicos.




            ...
SemináRio VersãO Final
SemináRio VersãO Final
SemináRio VersãO Final
SemináRio VersãO Final
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

SemináRio VersãO Final

2,695 views
2,604 views

Published on

Published in: Education, Technology
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
2,695
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
7
Actions
Shares
0
Downloads
79
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

SemináRio VersãO Final

  1. 1. Uso do Computador e da Internet na Professoras: Escola Drª Anamelea de Campo Pinto Drª Cleide Jane de Sá Araújo Costa Alunas: Ana Maria Medeiros Tavares Elizabete Soares Cavalcante Sonia Maria de Amorim Leite
  2. 2. NOSSA MENTE É A MELHOR TECNOLOGIA, INFINITAMENTE SUPERIOR EM COMPLEXIDADE AO MELHOR COMPUTADOR, PORQUE PENSA, RELACIONA, SENTE, INTUI E PODE SURPREENDER. (Moran,1997, p.146-153)
  3. 3. DISTÂNCIAS GEOGRÁFICAS ECONÔMICAS CULTURAL TECNOLÓGICAS (Moran,1997, p.146-153)
  4. 4. SEGUNDO GLASSER: APRENDEMOS... 10% DO QUE LEMOS 20% DO QUE OUVIMOS 30% DO QUE VEMOS 50% DO QUE VEMOS E OUVIMOS 70% DO QUE DISCUTIMOS COM OUTRAS PESSOAS 80% DO QUE EXPERIMENTAMOS 95% DO QUE ENSINAMOS A OUTRAS PESSOAS. (Willian Glasser in Seven Ways of Knowing). http://en.wikipedia.org/wiki/William_Glasser http://www.wglasser.com/index.php
  5. 5. HISTÓRICO: USO DO COMPUTADOR NA ESCOLA •ANOS 60 e 70 EUA – INTRODUZIU A MICROINFORMÁTICA, SEM ÊNFASE NA FORMAÇÃO DO PROFESSOR; • ANOS 60 e 70 FRANÇA- DOMÍNIO NO CAMPO DA CIÊNCIA COMPUTACIONAL E PREOCUPAÇÃO COM A FORMAÇÃO DO PROFESSOR DIRECIONADA A UMA ABORDAGEM PEDAGÓGICA; • ANOS 70, AS EXPERIÊNCIAS DO LABORATÓRIO DE ESTUDOS COGNITIVOS DO INSTITUTO DE PSICOLOGIA – (LEC), DA UFRGS, APOIADAS NAS TEORIAS DE PIAGET E PAPERT, COM PÚBLICO-ALVO DE CRIANÇAS COM DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM DE LEITURA, ESCRITA E CÁLCULO.
  6. 6. HISTÓRICO: USO DO COMPUTADOR NA ESCOLA • NO BRASIL EM 1971, INICIOU O USO DE COMPUTADORES NO ENSINO DE FÍSICA (USP/SÃO CARLOS). • EM 1975 UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS INICIOU COOPERAÇÃO TÉCNICA - AINDA EXISTENTE - COM O MEDIA LAB DO MASSACHUSSETS INSTITUTE OF TECHNOLOGY - MIT, CRIANDO UM GRUPO INTERDISCIPLINAR PARA PESQUISAR O USO DE COMPUTADORES COM LINGUAGEM LOGO NA EDUCAÇÃO DE CRIANÇAS. •EM 1981 E 1982 A PARTIR DOS RESULTADOS DE DOIS SEMINÁRIOS INTERNACIONAIS SOBRE O USO DO COMPUTADOR COMO FERRAMENTA AUXILIAR DO PROCESSO DE ENSINO-APRENDIZAGEM TEVE INICIO A CULTURA NACIONAL DE INFORMÁTICA NA EDUCAÇÃO.
  7. 7. HISTÓRICO: USO DO COMPUTADOR NA ESCOLA •EM 1984, SURGIU O PROJETO EDUCOM, INICIATIVA CONJUNTA DO MEC, CNPQ, FINEP E SEI/PR, VOLTADA PARA A CRIAÇÃO DE NÚCLEOS INTERDISCIPLINARES DE PESQUISA E FORMAÇÃO DE RECURSOS HUMANOS NAS UNIVERSIDADES DO RIO GRANDE DO SUL (UFRGS), DO RIO DE JANEIRO (UFRJ), PERNAMBUCO (UFPE), MINAS GERAIS (UFMG) E NA UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS (UNICAMP). •EM 1986, O MEC CRIOU, PROJETO FORMAR PARA CAPACITAR PROFESSORES E IMPLANTAR INFRAESTRUTURAS DE SUPORTE NAS SECRETARIAS ESTADUAIS DE EDUCAÇÃO. •EM 1989 O MEC INSTITUI ATRAVÉS DA PORTARIA MINISTERIAL Nº 549/89, O PROGRAMA NACIONAL DE INFORMÁTICA NA EDUCAÇÃO - PRONINFE, COM O OBJETIVO DE DESENVOLVER A INFORMÁTICA EDUCATIVA NO BRASIL, NOS SISTEMAS PÚBLICOS DE ENSINO E CAPACITAR PROFESSORES.
  8. 8. HISTÓRICO: USO DO COMPUTADOR NA ESCOLA • EM 1989 É CRIADO NA UFAL, O NÚCLEO DE INFORMÁTICA NA EDUCAÇÃO SUPERIOR (NIES) ALÉM DE FORMAR SUA EQUIPE, PASSOU A ORGANIZAR CURSOS PARA TODAS AS REGIÕES NORTE NORDESTE E FOI FUNDAMENTAL PARA IMPLANTAÇÃO DA INFORMÁTICA EDUCATIVA NO ESTADO DE ALAGOAS, FORMANDO OS PRIMEIROS MULTIPLICADORES PARA ATUAREM NOS NÚCLEOS DE TECNOLOGIAS IMPLANTADOS NO ESTADO. • ATUALMENTE EXISTE O PROGRAMA NACIONAL DE TECNOLOGIA EDUCACIONAL (PROINFO) CRIADO PELA PORTARIA Nº 522, DE 9 DE ABRIL DE 1997, PELO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO, PARA PROMOVER O USO PEDAGÓGICO DA INFORMÁTICA NA REDE PÚBLICA DE ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO. <http://portal.mec.gov.br>
  9. 9. A INFORMÁTICA NAS ESCOLAS EM ALAGOAS •LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA:  ESCOLAS: 180 •PROFESSORES CAPACITADOS:  LINUX: 176  WINDOWS: 1.403 TOTAL: 1.579
  10. 10. INFORMÁTICA NAS ESCOLAS PÚBLICAS DE ALAGOAS 1600 1406 1400 1200 1000 800 600 400 180 176 200 0 ESCOLAS COM FORMAÇÃO LINUX FORMAÇÃO WINDOWS COMPUTADORES
  11. 11. POR QUE O COMPUTADOR E A INTERNET SÃO IMPORTANTES NO PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM?
  12. 12. ELE DEVE ESTAR A SERVIÇO DE UM PROJETO EDUCACIONAL, PROFESSORES E GESTORES DEVEM INCORPORÁ-LO AO CURRÍCULO ESCOLAR, COMO SUPORTE PEDAGÓGICO, PREPARANDO O ALUNO PARA CONVIVER EM UMA “SOCIEDADE EM REDE”.
  13. 13. “SEGUNDO PRADO(2005), O DESAFIO É DAR NOVA VIDA AO CURRÍCULO DA ESCOLA. PARA ISSO, A FORMAÇÃO DO PROFESSOR TANTO PARA AQUELES QUE ESTÃO EM EXERCÍCIO COMO PARA AQUELES QUE SE ESTÃO PREPARANDO PARA OS CURSOS SUPERIORES É IMPRESCINDÍVEL”
  14. 14. O TRABALHO POR PROJETO  PERMITE A ARTICULAÇÃO ENTRE OS SABERES DAS DIVERSAS ÁREAS DE CONHECIMENTO, DAS RELAÇÕES COM O COTIDIANO E DO USO DE DIFERENTES MEIOS TECNOLÓGICOS E/OU NÃO;  POSSIBILITA AO ALUNO A RECONTEXTUALIZAÇÃO DE CONCEITOS E ESTRATÉGIAS, BEM COMO O ESTABELECIMENTO DE RELAÇÕES SIGNIFICATIVAS ENTRE CONHECIMENTOS;  EXIGE UMA POSTURA CRIATIVA E COLABORATIVA ENTRE AS PESSOAS ENVOLVIDAS;  POSSIBILITA AO PROFESSOR COMPATIBILIZAR SUA INTENCIONALIDADE PEDAGÓGICA COM OS INTERESSES E AS NECESSIDADES DOS ALUNOS (PRADO,2005).
  15. 15. “ A ESCOLA DEVE INCORPORAR CADA VEZ MAIS O USO DAS TECNOLOGIAS DIGITAIS PARA QUE ALUNOS E EDUCADORES POSSAM APRENDER A LER, ESCREVER E EXPRESSAR-SE POR MEIO DELAS”. (VALENTE,2008, p.13) )
  16. 16. “A EDUCAÇÃO PRECISA INCORPORAR MAIS AS DINÂMICAS PARTICIPATIVAS COMO AS DE AUTO-CONHECIMENTO (TRAZER ASSUNTOS PRÓXIMOS À VIDA DOS ALUNOS), AS DE COOPERAÇÃO (TRABALHOS DE GRUPO, DE CRIAÇÃO GRUPAL) E AS DE COMUNICAÇÃO (COMO O TEATRO OU A PRODUÇÃO DE UM VÍDEO)”. (MORAN,2007)
  17. 17. PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO REALIDADE CURRÍCULO TECNOLOGIAS
  18. 18. QUAIS AS POSSIBILIDADES DE USO DO COMPUTADOR NA ESCOLA?
  19. 19. COM INTERNET; SEM INTERNET; COM SISTEMA OPERACIONAL WINDOWS; COM SISTEMA OPERACIONAL LINUX EDUCACIONAL; COM SOFTWARE LIVRE.
  20. 20. COM INTERNET  ATRAVÉS DE CURSOS PRESENCIAIS E A DISTÂNCIA;  CONSTRUÇÃO COOPERATIVA ONDE O PROFESSOR PODE CRIAR PÁGINA PESSOAL COMO ESPAÇO VIRTUAL DE ENCONTRO E DIVULGAÇÃO ENTRE PROFESSOR E ALUNO;  LISTA ELETRÔNICA, FÓRUM, BLOG, QUE POSSIBILITA A INTERAÇÃO, CRIANDO UMA CONEXÃO VIRTUAL PERMANENTE ENTRE PROFESSOR E ALUNO;  AULAS-PESQUISAS ONDE PROFESSOR E ALUNO PROCURAM NOVAS PESQUISAS À CERCA DE UM PROBLEMA E AVANÇAM EM UM CAMPO DO CONHECIMENTO, ETC.
  21. 21. EXPERIÊNCIAS DE MORAN DE ENSINO COM INTERNET  COORDENAR PROJETOS COM PESQUISAS LIVRES, TEMAS DIFERENTES COM OBJETIVOS ESPECÍFICOS AGRUPADOS OU INDIVIDUALMENTE, MESCLANDO PRESENCIAL COM ON-LINE.  CADASTRAR O ALUNO EM UM E-MAIL PESSOAL.  PESQUISAR O MESMO TÓPICO (ALTAVISTA, YAHOO, LYCOS, INFOSSEK, GALAXI, CADÊ).  O MEU PAPEL É O DE ACOMPANHAR CADA ALUNO, INCENTIVÁ-LO, RESOLVER SUAS DÚVIDAS, DIVULGAR AS MELHORES DESCOBERTAS. A CHAVE DO SUCESSO ESTÁ EM INTEGRAR A INTERNET COM OUTRAS MÍDIAS.
  22. 22. “A INTERNET É A MÍDIA MAIS ABERTA, DESCENTRALIZADA E POR ISSO MESMO, MAIS AMEAÇADORA PARA OS GRUPOS POLÍTICOS E ECONÔMICOS HEGEMÔNICOS.” (MORAN,1997 p.146-153)
  23. 23. INTERNET E TV MARCO DECISIVO PROJETOS DE INTERNET NA EDUCAÇÃO PRESENCIAL A ESCOLA DO FUTURO http://www.futuro.usp.br/ FOI A PIONEIRA NO BRASIL NA IMPLANTAÇÃO DO USO DE REDES ELETRÔNICAS NO ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO (PROJETOS LIGADOS A RELATOS E EXPERIÊNCIAS).
  24. 24. DIFICULDADES DO USO DO COMPUTADOR COM INTERNET  CONFUSÃO ENTRE CONHECIMENTO E INFORMAÇÃO;  FACILIDADE DE DISPERSÃO;  PERDE-SE MUITO TEMPO NA REDE;  IMPACIÊNCIA;  CONCILIAR OS DIFERENTES TEMPOS DOS ALUNOS;  A PARTICIPAÇÃO DO PROFESSOR É DESIGUAL. (MORAN,1997, p.146-153)
  25. 25. USO DO COMPUTADOR SEM INTERNET  COM SISTEMA OPERACIONAL WINDOWS;  COM SISTEMA OPERACIONAL LINUX EDUCACIONAL E COM SOFTWARE LIVRE;  NO EDITOR DE TEXTOS: PRODUZIR RELATÓRIO DE PESQUISAS, ENTREVISTAS, QUESTIONÁRIOS, JORNAL, HISTÓRIAS EM QUADRINHOS, ETC;  EXCEL/CALC: CONSTRUIR PLANILHAS ELETRÔNICAS, GRÁFICOS, TABELAS,TRABALHAR COM FÓRMULAS ETC;  PAINT/ TUX PAINT: APLICATIVOS PARA CONFECCIONAR IMAGENS, TRABALHANDO COM AS CORES, REPRESENTAÇÃO DE FIGURAS GEOMÉTRICAS, LINHA DO TEMPO, CONSTRUÇÃO DE PAINEL TEMÁTICO, ETC. ;  POWER POINT/IMPRESS: MONTAR APRESENTAÇÕES;  UTILIZANDO O PACOTE EDUCATIVO DO MEC EXISTENTE NO SISTEMA OPERACIONAL LINUX EDUCACIONAL.
  26. 26. POR QUE A ESCOLHA DE SOFTWARES LIVRE PELOS ÓRGÃOS PÚBLICOS?
  27. 27. LINUX- É UM SISTEMA OPERACIONAL CRIADO EM 1991 POR LINUS TORVALDS, DE CÓDIGO ABERTO DISTRIBUÍDO GRATUITAMENTE PELA INTERNET. http://pt.wikipedia.org/wiki/Linus_Torvalds#Biografia EM FEVEREIRO DE 2006, REPRESENTANTES DO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E CULTURA (MEC) E DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO (UFOP) SE REUNIRAM PARA DECIDIR QUAL O SISTEMA OPERACIONAL LIVRE UTILIZAR PARA PROMOVER A INCLUSÃO DIGITAL NAS ESCOLAS PÚBLICAS DE TODO O PAÍS.
  28. 28. O SISTEMA OPERACIONAL MURIQUI LINUX APRESENTOU MELHOR DESEMPENHO E CONSAGROU-SE PELA QUALIDADE TÉCNICA, CONTEÚDO DIDÁTICO PARA USUÁRIOS, FACILIDADE DE INSTALAÇÃO E MANUSEIO, ASSIM COMO PELOS DIFERENCIAIS COMPETITIVOS RECONHECIDOS PELO PROJETO PIONEIRO DE AULAS MULTIMÍDIA. < http://www.muriquilinux.com.br/folder.2006-10-31.6803913679 >
  29. 29. A PROFISSÃO FUNDAMENTAL DO PRESENTE E DO FUTURO É EDUCAR, INTEGRANDO A COMUNICAÇÃO PESSOAL, A COMUNITÁRIA E A TECNOLÓGICA. (Moran,1997)
  30. 30. CONSIDERAÇÕES FINAIS EMBASADAS NOS ESTUDOS DE ALMEIDA, MORAN, PRADO, VALENTE, HERNÁNDEZ PODEMOS CONSTATAR QUE O TRABALHO COM PROJETOS VIABILIZA O USO DAS TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO NO PROCESSO ENSINO E APRENDIZAGEM. ESTE POSSIBILITA A INTEGRAÇÃO ENTRE AS DIVERSAS ÁREAS DO CONHECIMENTO, TORNANDO A APRENDIZAGEM MAIS PRAZEROSA, AO MESMO TEMPO QUEBRA AS BARREIRAS NA RELAÇÃO DE PODER E SABER ENTRE PROFESSOR E ALUNO HAVENDO UMA TROCA SIGNIFICATIVA DE CONHECIMENTOS. PORTANDO ELAS DEVEM FAZER PARTE DO PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO DOS ESTABELECIMENTOS DE ENSINO.
  31. 31. CONSIDERAÇÕES FINAIS NO ENTANTO, PARA QUE SEU USO SEJA DE FATO CONSOLIDADO NAS ESCOLAS TORNA-SE NECESSÁRIA A SENSIBLIZAÇÃO DOS GESTORES PARA IMPLEMENTAR POLÍTICAS PÚBLICAS COMPROMETIDAS QUE GARANTAM À ESCOLA SUPORTE TÉCNICO, ACESSO À FORMAÇÃO QUE CONTEMPLE O USO EFETIVO DESSAS FERRAMENTAS. POIS, O PROFESSOR TEM HABILIDADES E COMPETÊNCIAS ADQUIRIDAS NA FORMAÇÃO COM RELAÇÃO AO CONTÉUDO QUE IRÁ MINISTAR E OS ALUNOS TÊM AFINIDADES E FACILIDADES COM O MANUSEIO DA MÁQUINA POR SEREM FILHOS DA ERA DIGITAL. DAÍ PODE SURGIR UMA PARCERIA IMPORTANTE NO COTIDIANO ESCOLAR.
  32. 32. BIBLIOGRAFIA ALMEIDA, Maria Elizabete Bianconcini. In: Desafios à educação: o trabalho com projetos. Educação, projetos, tecnologias e conhecimento. São Paulo: PROEM. Capítulo4. São Paulo, 2002. __________ Prática e formação de professores na integração de mídias. Prática pedagógica e formação de professores com projetos: articulação entre conhecimentos, tecnologias e mídias. Integração das Tecnologias na Educação/ Secretaria de Educação a Distância. Disponível em: < http://www.tvebrasil.com.br/salto/livro/1sf.pdf>. Acesso em 05 de maio de 2008. GLP. Disponível em: <http://pt.wikipedia.org/wiki/GPL.Acesso em 08 de maio de 2008. : Wikipédia, a enciclopédia livre. HERNÁNDEZ, Fernando. Como trabalhar a aprendizagem utilizando projetos. Nova escola, edição 154 – agosto 2002. Disponível em: <http://revistaescola.abril.com.br/ediçoes /0154/aberto/mt_243601.shtml>. Acesso em 01 de junho de 2008. Entrevista concedida a Cristiane Marangon.
  33. 33. História da Informática Educativa no Brasil. Disponível em: http://br.geocities.com/cantinhovirtualdaeducacao/historiadainfor.html Acesso em 12 de junho de 2008. MORAN, José Manuel. In: A afetividade e a auto-estima na relação pedagógica. A educação que desejamos. Novos desafios e como chegar lá. 2ª ed. Papirus, 2007. Disponível em:< http://www.eca.usp.br/prof/moran/desejamos.htm>. Acesso em 22 de maio de 2008. MORAN, José Manuel. A educação que desejamos: Novos desafios e como chegar lá . 2ª ed. Papiros, 2007. MORAN, José Manuel. Como Utilizar a Internet na educação. Disponível em: <http:// www.eca.usp.br/prof/moran/internet.htm>. Acesso em 21 de abril de 2008. MORAN, José Manuel. Ensino e aprendizagem inovadores com tecnologias. Disponível em: <http://www.eca.usp.br/prof/moran/inov.htm>. Acesso em 22 de maio de 2008.
  34. 34. Ministério da educação-MEC.Disponível em: http:// portal.mec.gov.br/seed/index.php?option=content&task=view&id=136&Itemid=273. Acesso em 05 de junho de 2008. Muriqui Linux e o Linux Educacional do MEC.Disponível em: < http://www.muriquilinux.com.br/folder.2006-10-31.6803913679/news_item.2006-10-31.703377417 > Acesso em 08 de maio de 2008. PRADO, Maria Elisabette Brisola Brito. In: Articulações entre áreas de conhecimento e tecnologia. Articulando saberes e transformando a prática. Integração das Tecnologias na Educação/ Secretaria de Educação a Distância. Brasília: Ministério da Educação, Seed, 2005. Disponível em: <http://www.tvebrasil.com.br/salto/livro/1sf.pdf>. Acesso em 05 de maio de 2008. VALENTE, José Valente. In: Pesquisa, comunicação e aprendizagem com o computador. O papel do Computador no processo ensino-aprendizagem. . Integração das Tecnologias na Educação/ Secretaria de Educação a Distância. Disponível em: < http://www.tvebrasil.com.br/salto/livro/1sf.pdf>. Acesso em 05 de maio de 2008. VALENTE, José Armando e Almeida, Fernando José de. Visão analítica da informática na Educação no Brasil: a questão da formação do professor. Disponível em: < http://www.professores.uff.br/hjbortol/car/library/valente.html>. Acesso em 16 de junho de 2008.
  35. 35. ANEXOS COMO RELACIONAR O CONHECIMENTO ADQUIRIDO NO COMPUTADOR À SALA DE AULA.
  36. 36. ÁTOMO PROFº DE QUÍMICA LUCIANO RAPOSO USANDO APLICATIVO TUX PAINT
  37. 37. PROFº DE QUÍMICA LUCIANO RAPOSO USANDO O APLICATIVO TUX PAINT
  38. 38. PROFº DE QUÍMICA LUCIANO RAPOSO USANDO O APLICATIVO TUX PAINT
  39. 39. Pedro Arthur 6ª B
  40. 40. ARRAIÁ DO POMPEU SARMENTO O PROJETO “FESTAS JUNINAS” CULMINOU COM A FESTA E EXPOSIÇÃO DOS TRABALHOS DE INFORMÁTICA – MACEIÓ-2005
  41. 41. A construção dos trabalhos exigiu dos alunos interação com o tema e utilização dos recursos tecnológicos. Os alunos utilizaram o PAIT e produziram textos sobre o tema.

×