Abnt  -normas
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Abnt -normas

on

  • 9,759 views

Normas da abnt para referencias

Normas da abnt para referencias

Statistics

Views

Total Views
9,759
Views on SlideShare
9,759
Embed Views
0

Actions

Likes
3
Downloads
128
Comments
2

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Abnt  -normas Abnt -normas Presentation Transcript

  • NORMALIZAÇÃODE TRABALHOS ACADÊMICOS(Referência bibliográfica) segundo a ABNT NBR 6023/2002
  • ABNTAssociação Brasileira de Normas Técnicas é o órgãoresponsável pela normalização técnica do país.As normas de documentação da ABNT são asnormas adotadas pela Universidade Católica deBrasília para padronização dos trabalhosdesenvolvidos na Instituição.
  • O QUE É REFERÊNCIAÉ um conjunto padronizado de elementosdescritivos, retirados de um documento, quepermite a identificação individual, do todo ou daparte.As informações necessárias para elaboração deuma referência podem ser retiradas de umdocumento impresso ou registrada em qualquersuporte, tais como: monografia, materialaudiovisual, meio eletrônico, etc.
  • A referência é constituída de elementos essenciais e, quando necessário, acrescidas de elementos complementares. ELEMENTOS ESSENCIAIS: elementos indispensáveis à identificação de um documento, variam de acordo com as características físicas. Ex.: Autor(es), título, edição (se houver), local, Editora e data. ELEMENTOS COMPLEMENTARES: quando acrescentados aos elementos essenciais, permitem melhor caracterização do documento. Ao optar por elementos complementares, estes devem ser incluídos em todas as referências da lista. Ex.: número de páginas. Acesse:http://www.biblioteca.ucb.br/Manual.pdf pág. 118
  • APRESENTAÇÃO DA REFERÊNCIAALINHAMENTO: à margem esquerda do texto (não justificar);ESPACEJAMENTO: espaço simples na mesma referência e espaço duplo entre asreferências;ORDENAÇÃO: numérica ou alfabética;DESTAQUE: o título, não o subtítulo, deve ser destacado uniformemente (negrito, grifo ouitálico);LOCALIZAÇÃO: final do texto ou capítulo ou no rodapé. Acesse: http://www.biblioteca.ucb.br/Manual.pdf pág. 118
  • TRANSCRIÇÃO DOS ELEMENTOSENTRADA. Título: subtítulo (se houver).Edição (se houver). Local: Editora, ano dapublicação.MCARDLE, William D.; KATCH, Frank I.; KATCH, Victor L.Fisiologia do exercício: energia, nutrição e desempenhohumano. 4. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 1998.
  • ENTRADAEntrada é a parte inicial da referência, quepode ser: Autor pessoal (pessoa física); Autor entidade (pessoa jurídica); Título do documento.
  • AUTOR PESSOAL (pessoa física)É a entrada pelo último sobrenome do autor, emletras maiúsculas, seguido de vírgula e do(s)prenome(s) (abreviados ou não).Exemplo:Nome do autor:William P. YoungNa referência:YOUNG, William P.YOUNG, W. P.Acesse: http://www.biblioteca.ucb.br/Manual.pdf pág. 128
  • AUTOR PESSOAL (pessoa física)Até três autores: mencionam-se todos na entrada, separados por ponto-e-vírgula eseguidos de espaço.Ex.: PASSOS, L. M. M.; FONSECA, A.; CHAVES, M.Mais de três autores: menciona-se somente o primeiro autor acrescido aexpressão et al.Ex.: SODRÉ, Saulo Ribeiro et al.Coletânea de vários autores: faz-se a entrada pelo(s) nome(s) do(s)responsável(is), seguido da abreviatura referente ao tipo de participação, sempreno singular.Ex.: MATOS, R. T. (Comp.). GERALDI, J.; RICCI, R. V. (Org.).
  • AUTOR ENTIDADE (Órgãos governamentais, empresas, associações, congressos, seminários etc.) A entrada, de modo geral, é pelo próprio nome, por extenso: Exemplos: ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 10520: informação e documentação: citações em documentos apresentação. Rio de Janeiro, 2002.Acesse:http://www.biblioteca.ucb.br/Manual.pdf pág. 129
  • SEM AUTORIA (ou autor desconhecido) A entrada é feita pelo título, com a primeira palavra significativa em letras maiúsculas.BIBLIA sagrada. 17. ed. Rio de Janeiro: Paulus, 2006.
  • PARTES DE DOCUMENTOS(monografias, capítulos, volumes e fragmentos) SOBRENOME, Nome do autor da parte. Título da parte. In: AUTOR DA PUBLICAÇÃO. Título: subtítulo. Edição. Local de publicação: Editora, data. volume (se houver), capítulo, página inicial-final. Exemplo: LIMA-MARQUES, Mamede; MACEDO, Flávia Lacerda Oliveira de. Sistemas de conhecimentos e as relações com a gestão do conhecimento e com a inteligência organizacional nas empresas privadas e nas organizações públicas. In: TARAPANOFF, Kira (Coord.). Inteligência Organizacional e Competitiva. Brasília, DF: Unesco, 2002. cap. 5, p. 135-156.
  • EVENTOS Evento como um todo: NOME DO EVENTO, número (se houver), ano e local (cidade) de realização. Título da publicação: subtítulo (se houver). Local de publicação: Editora, data da publicação. SEMINÁRIO NACIONAL DE BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS, 15., 2008, São Paulo. Relatório Geral. São Paulo: CRUESP Bibliotecas, 2008.
  • EVENTOSTrabalho apresentado em evento: SOBRENOME, Nome do autor do trabalho. Título do trabalho. In: NOME DO EVENTO, número (se houver), ano, local de realização. Título da publicação: subtítulo (se houver). Local de publicação: Editora, data de publicação. p. inicial- final. Exemplo: FUJINO, Aasa. A inovação na universidade. In: SEMINÁRIO NACIONAL DE BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS, 15., 2008, São Paulo. Relatório Geral. São Paulo: CRUESP Bibliotecas, 2008. p. 15-16.
  • ARTIGO DE PERIÓDICOSOBRENOME, Nome do autor do artigo.Título do artigo: subtítulo (se houver).Título do periódico, cidade, v., n., p. inicial –final, mês. ano.Exemplo:AMORIM, R. C. A. et al. Programa de saúde dafamília: proposta para identificação de fatores derisco para o desenvolvimento neuropsicomotor.Revista Brasileira de Fisioterapia. v.13, n.6, p. 506-513. jan. 2010.
  • TESES E DISSERTAÇÕESSOBRENOME, nome do autor. Título: subtítulo(se houver). Ano de defesa.N.º de folhas. Tese, Dissertação ou TCC (Nome docurso) – Nome da Faculdade, Nome daUniversidade, cidade da Instituição, ano.Exemplo:BONTORIN, Marisa do Carmo. Sonho dosidosos: um ensaio de interpretação pelametodologia ontopsicológica. 2008. 109 f.Dissertação (Mestrado em Gerontologia) –Universidade Católica de Brasília, Brasília,2008.
  • DOCUMENTOS JURÍDICOS• LEGISLAÇÃO Elementos essenciais : JURISDIÇÃO. Título, numeração, data. Ementa. Dados da publicação.  Ex.: SÃO PAULO (Estado). Decreto nº 42.822, de 20 de janeiro de 1998. Dispõe sobre a desativação de unidades administrativas de órgãos da administração direta e das autarquias do Estado e dá outras providências. Lex: coletânea de legislação e jurisprudência, São Paulo, v. 62, n. 3, p. 217-220, 1998. No caso de Constituições e suas emendas, entre o nome da jurisdição e o título, acrescenta-se a palavra Constituição, seguida do ano de promulgação, entre parênteses.  Ex.: BRASIL. Constituição(1988). Emenda constitucional nº 9, de 9 de novembro e 1995. Diário Oficial da União, Brasília, v. 126, n. 66, p. 6009, 10 nov. 1995. Seção 1, pt. 1.
  • DOCUMENTOS JURÍDICOS• JURISPRUDÊNCIA( decisões judiciais) Elementos essenciais: JURISDIÇÃO. Órgão judiciário competente. Título (natureza da decisão ou ementa) e número. Partes envolvidas (se houver). Relator. Local, data. Dados da publicação.Exemplo: BRASIL. Supremo Tribunal Federal. Súmula nº14. In: _____.Súmulas. São Paulo: Associação dos Advogados do Brasil , 1994. p. 16.
  • DOCUMENTOS JURÍDICOS• DOUTRINA Referenciada conforme o tipo de publicaçãoExemplo: BARROS, Raimundo Gomes de. Ministério público: sua legitimação frente ao Código do Consumidor. Revista Trimestral de Jurisprudência dos Estados, São Paulo, v.19, n.139, p.53-72, ago. 1995.
  • DOCUMENTOS ONLINEPara documentos online acrescentar após os elementos dareferência convencional, as expressões: Disponível em: <endereço eletrônico completo>. Acesso em: data (dia mês abreviado. ano), hora (opcional). Exemplo: ALVES, Castro. Navio negreiro. Virtual Books, 2000. Disponível em: <http://www.terra.com.br/virtualbooks/free bookport/Lport2/navionegreiro.htm>. Acesso em: 10 jan. 2002.,14:50:30. Acesse:http://www.biblioteca.ucb.br/Manual.pdf pág. 126
  • DÚVIDAS MAIS FREQUENTES Como fazer a referência de documentos não convencionais?Exemplos:1) RESPRIN: comprimidos. Responsável técnico Delosmar R. Bastos. São José dos Campo: Johnson & Johnson, 1997. Bula de remédio.2) O NOME da rosa / The name of the rose. Los Angeles,US: Warner Bros Entertainment, c2006. 1 DVD (131min).
  • DÚVIDAS MAIS FREQUENTES3) ALMEIDA, M. P. S. Fichas para MARC [mensagem pessoal]. Mensagem recebida por <mtmendes@uol.com.br> em 12 nov. 1998. Nota da norma: As mensagens que circulam por intermédio do correio eletrônico devem ser referenciadas somente quando não se dispuser de nenhuma outra fonte para abordar o assunto, em discussão. Mensagens trocadas por e-mail têm caráter informal, interpessoal e efêmero, e desaparecem rapidamente, não sendo recomendável seu uso como fonte científica ou técnica de pesquisa (ABNT, 2002, p. 13).
  • DÚVIDAS MAIS FREQUENTES Casos especiais de nome de autor1) No caso de haver após o sobrenome, o grau de parentesco (Filho, Sobrinho, Neto, Júnior, etc.), este deverá ser acrescentado em maiúsculas após o sobrenome, seguido de vírgula e do prenome. Ex.: LEÔNCIO JÚNIOR, Waldir.2) Tratando-se de autores de nome em língua espanhola, a entrada é feita pelo penúltimo sobrenome. Ex.: DÍAZ BORDENAVE, Juan.3) Sendo composto o último sobrenome, a entrada será feita pela expressão composta. Ex.: ESPÍRITO SANTO, Antônio Sousa.
  • DÚVIDAS MAIS FREQUENTES Como fazer a referência de documentos que NÃO apresentam data de publicação?Segundo a norma, deve-se adotar uma data provável, entre colchetes, da seguinte forma: [1971 ou 1972] um ano ou outro [1969?] data provável [1973] data certa, não indicada no documento [entre 1906 e 1912] use intervalos menores que 20 anos [ca.1960] data aproximada [197-] década certa [197-?] década provável [18--] século certo
  • NORMALIZAÇÃO DETRABALHOS ACADÊMICOS (Citação) segundo a ABNT NBR 10520/2002
  • O QUE É CITAÇÃO São conceitos, informações, ideias e sugestõescolhidas em outras fontes de informações emencionadas no texto de um trabalho, com a finalidadede enriquecê-lo e conferir-lhe maior autoridade.
  • SISTEMA AUTOR-DATAAUTOR-DATA: indicação feita pelo sobrenome do autor, Instituiçãoou título de entrada, segue-se o ano de publicação separado porvírgula e entre parênteses.Exemplo:“Os planejadores estratégicos coletam informação de forma semelhante aquela dos executivos de marketing.” (FULD, 1993, p. 66).NA LISTA DE REFERÊNCIA COLOCA-SE DESTE MODO SEGUINDO A ORDEMALFABÉTICA.Exemplo: FULD, Leonardo M. Administrando a concorrência. Tradução de Nivaldo Montingelli. 2. ed. Rio de Janeiro: Record, 1993.
  • TIPOS DE CITAÇÃOCITAÇÕES DIRETAS (textuais)É quando o autor da monografia transcreve literalmente, aspalavras do autor consultado, atentando sempre para orespeito à grafia e a pontuação do original.CITAÇÕES INDIRETAS (livres)Ocorre quando se reproduzem idéias e informações dodocumento, sem, entretanto, transcrever as próprias palavrasdo autor.
  • FORMAS DE CITAÇÃO DIRETA CITAÇÕES DIRETAS (até 3 linhas):Transcritas entre aspas, incorporadas aotexto sem destaque tipográfico.Exemplo:“Se essa confiança pode ser medida eestabelecida é injustificável a omissão doteste *...+” (CASTRO, 1978, p. 104).
  • FORMAS DE CITAÇÃO DIRETACITAÇÕES DIRETAS (mais de três linhas)Transcritas sem aspas, destacadas com recuo de 4 cm da margemesquerda, utilizando fonte menor que a do texto (tamanho 10), comespaçamento simples e justificado.Exemplo:Eco (1998, p. 126) enfatiza a importância da citação, afirmando: Citar é como testemunhar num processo. Precisamos estar sempre em condições de retomar o depoimento e demonstrar que é fidedigno. Por isso, a referência deve ser exata e precisa [...]
  • FORMAS DE CITAÇÃO INDIRETAEntrada incluída no texto: quando o nome do autor faz parte integrantedo texto, menciona-se a data da publicação citada. A inclusão da páginaé opcional.Exemplo:Como lembra Martins (1984), o futuro desenvolvimento da informação está cadadia mais dependente de um plano unificado de normalização.Entrada excluída do texto: quando o nome do autor não faz parteintegrante do texto. A indicação da(s) fonte(s) sucede ao texto, entreparênteses.Exemplo:A citação é tão importante que pode comparar-se ao testemunho deum processo (ECO, 1998). Obs: Sobrenome dentro do parêntese, utilizar sempre caixa alta, fora usar caixa baixa.
  • CITAÇÃO DE CITAÇÃOÉ uma citação direta de uma fonte a qual não se teve acesso aooriginal;No texto é necessário citar o sobrenome do autor dodocumento não consultado, seguido do sobrenome do autor dodocumentos efetivamente consultado, da seguinte forma:Exemplo:Segundo Silva (1983 apud ABREU, 1999, p. 3) “*...] diz ser importante a globalização para os países de terceiro mundo [...+”Obs: (Apud) – Citado por
  • SISTEMA NUMÉRICOAs citações devem ser indicadas no texto por um sistema de chamada. Essesistema deve ser seguido consistentemente ao longo de todo trabalho, demodo a permitir a correlação da citação na lista de referência ou em nota derodapé.NUMÉRICO: a numeração deve ser única e seqüencial para todo capítulo oudocumento.Exemplo:Segundo Abbagnano budismo é uma “Doutrina religiosa e filosófica que seoriginou dos ensinamentos de Gautama Buda [...+”¹No rodapé ou no final do texto da página coloca-se deste modo:________¹ ABBAGNANO, Nicola. Budismo. In: ______. Dicionário de Filosofia. São Paulo: Martins Fontes, 2007. p. 129.
  • NOTA DE RODAPÉ A primeira citação de um autor em nota de rodapé, deve ter sua referência completa. As citações subsequentes da mesma obra podem ser referenciadas de forma abreviada ou ainda utilizando-se as seguintes expressões: Idem, Ibidem, Opus citatum, Loco citato, Passim, Confira, Confronte. Estas expressões podem ser usadas abreviadas, e devem ser aplicadas na mesma página.
  • Exemplos: Idem ou Id. (mesmo autor): LAMPRECHT, 1962, p. 20. Forma abreviada de Citação Id., 1964, p. 35. Ibidem ou Ibid. (mesma obra, com pág. diferente): GONÇALVES, 2000, p. 61. Ibid., p. 203.
  • Exemplos: Opus citatum ou op. cit. (obra citada) quando já citada na mesma página intercalada com outra nota. GONÇALVES, 2000, p. 50. LAMPRECHT, 1962, p. 20. GONÇALVES, op. cit., p. 216. Loco citato ou loc. cit. (no lugar citado) é o termo usado para aludir em uma nota a uma localização precisa citada anteriormente VENOSA, 2007, p. 30. VENOSA, loc. cit.
  • Outras expressões: Passim (por aqui e ali, em diversas passagens): Indica referência a vários trechos da obra GONÇALVES, 2000, passim. Cf. (confira, confronte) Cf. GOMES, 2001. Sequentia ou et seq. (seguinte ou que segue): da página indicada em diante VENOSA, 2007, p. 31 et seq.
  • DÚVIDAS MAIS FREQUENTES Como fazer a citação de entidades conhecidas por siglas? Deve-se citar o nome por extenso, acompanhado da sigla na primeira citação e, a partir daí, usar apenas a sigla, seguido do ano de publicação do documento, separado por vírgula e entre parênteses. Exemplo: A Tabela 2 confirma os dados apresentados pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE) (2001, p. 95).Em citações subseqüentes da mesma fonte, deve-se usar apenas a sigla da obra citada. Exemplo: Segundo a FIPE (2001, p. 95-101) a economia de energia será responsável pelo encolhimento no setor produtivo.
  • DÚVIDAS MAIS FREQUENTES Atenção!Quando se tratar de órgão do poder público (Federal, Estadual ouMunicipal), menciona-se o nome geográfico do país, estado, municípioou distrito.Exemplo:Dados fornecidos pelo Ministério do Trabalho “*...] comprovam queacidentes de trabalho tem aumentado no Brasil [...+” (BRASIL, 1996, p.12).NA LISTA DE REFERÊNCIA COLOCA-SE DESTE MODOBRASIL. Ministério do Trabalho. [...]
  • DÚVIDAS MAIS FREQUENTESComo fazer a citação de documentos eletrônicos?Caso não tenha disponível a data do documento consultado na tela, colocarsempre a data do ano em que se obteve o documento.Exemplo:Ao tratar da biblioteca digital, Cunha (2010) esclarece que “*...] é também conhecidacomo biblioteca eletrônica (principalmente no Reino Unido) [...+”NA LISTA DE REFERÊNCIA COLOCA-SE DESTE MODOCUNHA, M. B. Biblioteca digital: bibliografia internacional anotada. Disponívelem:<http://revista.ibict.br/index.php/ciinf/article/viewFile/403/362 >.Acesso em: 9 fev. 2010.
  • O que é plágio?■ “É uma imitação fraudulenta de uma obra, protegida pela lei autoral, ocorrendo um verdadeiro atentado aos direitos morais do autor: tanto à paternidade quanto à integridade de sua criação.” (MORAES, 2004, p. 95).
  • NORMALIZAÇÃO DETRABALHOS ACADÊMICOS segundo a ABNT NBR 14724/2002
  • ESTRUTURA BÁSICA DE UM TRABALHO Elementos pré-textuais; Elementos textuais; Elementos pós-textuais.
  • ELEMENTOS PRÉ- TEXTUAIS São aqueles que antecedem o texto. Devem ser apresentados no trabalho na ordem ao lado. Acesse: http://www.biblioteca.ucb .br/Manual.pdf pág. 11 ou 66 • Em Artigos, vai até a epígrafe, a partir daí a formatação é diferente.
  • ELEMENTOS TEXTUAISOs trabalhos de metodologia apresentam dois modelos deorganização de elementos textuais:IDC – Introdução, Desenvolvimento e Conclusão(Monografia);IRMRDC – Introdução, Revisão de literatura, Metodologia,Resultados, Discussão e Conclusão (Monografia ouArtigos). Acesse:http://www.biblioteca.ucb.br/Manual.pdf. pág. 36
  • ELEMENTOS PÓS-TEXTUAIS Cada um dos elementos pós-textuais possui forma própria de apresentação. Acesse:http://www.biblioteca.uc Elemento obrigatório b.br/Manual.pdf pág. 39 ou 78
  • FORMATAÇÃO DE MONOGRAFIAS, DISSERTAÇÕES, TESES E ARTIGOSPapel branco, formato A4 (210 mm x 297 mm), digitados;Tamanho: recomenda-se tamanho 12 para texto e 10 para notasde rodapé, paginação e legendas das ilustrações e tabelas;Margem: 3cm (lado esquerdo e superior da folha) e 2cm (ladodireito e inferior da folha);Todo texto deve ser digitado, com espaço 1,5. Obs: para os artigos científicos espaço simples. Acesse:http://www.biblioteca.ucb.br/Manual.pdf pág. 43
  • DÚVIDAS FREQUENTESComo faço a paginação do meu trabalho?As folhas devem ser contadas, seqüencialmente, a partir dafolha de rosto, e numeradas somente a partir da introdução,em algarismos arábicos, no canto superior direito da folha, a 2cm da borda superior, sem traços, pontos ou parênteses. Acesse:http://www.biblioteca.ucb.br/Manual.pdf pág. 91-93.
  • SAIBA MAIS!!Consulte as normas da ABNT na íntegra, disponível nasala de reserva da biblioteca.Consulte o Manual para Elaboração de TrabalhosAcadêmicos no site da biblioteca. http://www.biblioteca.ucb.br/Manual.pdf
  • COORDENAÇÃO DE SERVIÇOS AOS USUÁRIOSDúvidas?E-mail: treinamentocsu@ucb.br BC bibpos@ucb.br BPGTelefones: 3356-9020/3356-9464 BC 3448-7119/3448-7261 BPG