M4 - Equipamento passivo de rede

249 views
215 views

Published on

Published in: Technology
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
249
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
5
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

M4 - Equipamento passivo de rede

  1. 1. A.C. -Arquitetura de Computadores Módulo 4- Instalação e Configuração de Redes Locais Ficha de Trabalho 2 Sumário: 1.2 Equipamentos passivos de rede Para realizar esta ficha de trabalho consulta o livro - Arquitetura de computadores- da página209 à página 217.1. Quais os equipamentos passivos de uma rede que conheces? Descreve as características de cada um deles? Os equipamentos passivos de uma rede são: cabos, fichas, tomadas, transceivers e repetidores. Cabos – normalmente são cabos (ou de outro material condutor), que transmitem os dados através de sinais eléctricos. Existem dois tipos de cabos: cabos eléctricos (coaxiais e par entrançado) e cabos ópticos (fibras óptica). Fichas–As fichas podem ser totalmente em plástico ou revestidas por uma superfície metálica. Nos cabos eléctricos as fichas usadas são as fichas do tipo RJ45 nas suas extremidades. Nos cabos ópticos as fichas usadas são os conectores tipo SC, FC, LC(simplex) e LC(duplex). Tomadas– As tomadas de rede são o local onde se encaixam os cabos de rede. Representam, basicamente um local de terminação de uma rede estruturada. Transceivers– Estes convertem os impulsos de luz em impulsos eléctricos ou vice-verse. Existem equipamentos de interligação, como switch ou routers, que para além de possuírem portas eletricas também possuem portas oticas, isto é, portas onde se encaixam os transceivers. Repetidor – é um equipamento de interligação que permite aumentar a extensão de uma rede. Repetindo ou amplificando o sinal que recebe.2. Quais os dois grandes grupos de cabos que podem ser aplicados em redes? Os dois grandes grupos de cabos que podem ser aplicados em redes são os cabos eléctricos (coaxiais e par entrançado) e cabos ópticos (fibras óptica).3. Preenche os espaços:
  2. 2. Um cabo de par entrançado insere-se no grupo de caboseléctricosenquanto uma fibra multimodo no grupo dos cabosópticos. Para além das fibras multimodo existem as fibrasmonomodo. Nos cabos de pares entrançados existem os cabos sem blindagem e com blindagem, respectivamente os cabosUTP eSTP.4. Qualquer cabo de par trançado UTP/STP tem uma determinada categoria. Quais são as mais utilizadas actualmente? As maisutilizadas actualmente são a categoria 5 e 6.5. Indique para cada uma delas, a taxa de transferência e distância máxima permitida? CATEGORIA TAXA DE TRANSFERENCIA COMPRIMENTO MÁXIMO 10 Mb/s 5 100 m 100 Mb/s 10 Mb/s 5a 100 Mb/s 100 m 1 Gb/s 6 10 Gb/s 55 m 6a 10 Gb/s 100 m 7 40 Gb/s 50 m 7a 100 Gb/s 15 m6. Quais as diferenças entre um pigtail e um patchcord? As diferenças entre um pigtail e um patchcord são: enquanto que pigtail refere-se a um cabo de fibra óptica com uma ficha numa extremidade e patchcord encontra-se livre para uma fusão. A diferença relativamente ao patchcord é que este possui duas fichas, uma em cada extremidade do cabo, que permite por exemplo, interligar equipamentos dentro de um armário. Quando terminares a ficha de trabalho submete-a na plataforma e publica-a no teu blogue como fizeste com os outros trabalhos.

×