Comunicado à categoria
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Comunicado à categoria

on

  • 617 views

COMPANHA DE FILIAÇÃO DO SINDASP

COMPANHA DE FILIAÇÃO DO SINDASP

Statistics

Views

Total Views
617
Views on SlideShare
496
Embed Views
121

Actions

Likes
0
Downloads
0
Comments
0

4 Embeds 121

http://aspssauros.blogspot.com 100
http://www.aspssauros.blogspot.com 18
http://aspssauros.blogspot.com.br 2
http://www.blogger.com 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Comunicado à categoria Comunicado à categoria Presentation Transcript

  • SINDASP COMUNICADO À CATEGORIA Trabalhadoras e Trabalhadores do Sistema Penitenciário O início do novo governo trouxe, então, consigo, uma nova pernambucano: realidade: um governo com uma proposta privatista para o Sistema Penitenciário não assistiria a prosperidade de sua proposta se a categoria Estamos chegando ao final do governo Eduardo Campos: foram continuasse mobilizada e NA LUTA. mais quatro anos que assistimos de péssimo tratamento dispensado ao A fim, então, de consolidar sua política, o governo fez o que os sistema prisional, aos seus usuários e, em particular, a nós, que governos sempre fazem: investiu na desmobilização da categoria. trabalhamos arduamente neste importante, porém desvalorizado, SINDICATO ENFRAQUECIDO É IGUAL A CATEGORIA FRAGILIZADA, eis uma segmento da segurança pública. equação universal; que funciona em qualquer tempo ou lugar. Assistimos ao crepúsculo de mais um governo sem vermos nossas Para nos enfraquecer, dividir e subjugar, foi criada, então, duas históricas reivindicações serem atendidas: e o que é pior; desta vez, com frentes: uma administrativa e outra política. o sentimento de que pouco ou nada foi feito para que se concretizassem Na frente administrativa, o governo implantou uma estratégia de nossas lutas. desfiliação sindical, “facilitando”, incentivando e, até, induzindo as Antes, porém, de tirarmos as devidas conclusões acerca de nossa desfiliações ao SINDICATO, com a clara finalidade de nos enfraquecer trajetória ao longo do mandato governamental que se encerra, façamos política, administrativa e financeiramente. Além disso, o governo uma breve, mas, urgente retrospectiva... perseguiu os diretores sindicais, patrocinou processos administrativos contra nós, cortou pontos indevidamente, impondo redução salarial e, QUEM ÉRAMOS E COMO CHEGAMOS ATÉ AQUI? não achando suficiente, ainda caluniou diretores sindicais via imprensa. Enquanto isso, na frente política, o governo criou a “lei da Ninguém se esquece que, quando este governo iniciou, ainda mordaça” que prevê punição a quem der entrevista “sem autorização”(!), estávamos mobilizados: num movimento “padrão” que ajudou a derrotar incluiu nossa categoria no “Artigo 14”, passou nossa corregedoria para a nas urnas o governo passado; movimento que havia trazido de volta a administração da SDS, mesmo que pertençamos a outra secretaria, e, autoestima dos homens e mulheres que trabalham no sistema; finalmente, patrocinou e patrocina um grupo de Agentes Penitenciários movimento que culminou no reaparelhamento bélico da categoria e nos para nos caluniar, mentir descaradamente e manter a todos em proporcionou os exames psicológicos e a capacitação em armamento e compasso de espera, desmobilizados, aguardando um “maravilhoso tiro. reajuste salarial advindo do enquadramento do PCCV”... que sempre Após muita luta e algumas baixas, vínhamos resgatando o ocorrerá “na semana que vem, nos mês que vem... no ano que vem...” respeito próprio. Garantimos a implantação da Escola Penitenciária como Todos se recordam quando, no início do governo atual, esse órgão autônomo e não como um apêndice da “academia integrada da grupo de pessoas encaminhou para as unidades prisionais um “abaixo SDS”, como queria o governo á época. Nossas denuncias reverberavam assinado” sob o argumento de que o governo (este mesmo governo que até o Congresso Nacional: enfim, estávamos mobilizados! está aí) pretendia implantar através de reajuste salarial para a nossa categoria, um salário inicial de R$ 2.700,00 (dois mil e setecentos reais), 1
  • SINDASP COMUNICADO À CATEGORIA sendo que, para isso, ELES deveriam assumir as negociações políticas da Assim que assumimos uma postura observadora, pudemos ver, categoria e não o SINDICATO, pois, “o governo queria dar o reajuste mas uma a uma, cair as máscaras da falsidade e da embromação. o sindicato não queria receber”: eis a primeira grande mentira na qual a Uma a uma, as promessa mentirosas iam sendo deixadas para maioria caiu ingenuamente e que, quatro anos de governo comprovaram trás... Onde está o “abaixo assinado” pelos R$ 2.700,00 ? Onde está a não passar de uma estratégia para enfraquecer nossa mobilização. isonomia? Onde está o PCCV redentor? E o salário de R$ 4.000,00, onde A segunda mentira: a isonomia. Que esta, através da interferência está? Onde está a venda do “4º dia”? de um dos Promotores de Justiça de Execuções Penais, viria sob a O governo acabou e as mentiras passaram... Tudo aquilo que seria intervenção do Procurador Geral. Esta isonomia nos traria paridade resolvido “num passe de mágica”, com a intervenção daqueles que nunca salarial com a Polícia Civil. mobilizaram um dia sequer em prol desta categoria (nem em prol de mais A terceira mentira: o PCCV. Que este traria, finalmente, a nada além deles mesmos), todos os problemas seriam resolvidos... mas, redenção salarial da categoria. Que, a partir dele, o Agente Penitenciário até agora: NADA! Nem mesmo a devolução dos dias parados no chegaria ao final de carreira com R$ 6.000,00 (Seis Mil Reais) de salário. movimento de 05 anos (já faz muito tempo, não é?) atrás. Lembre-se que A quarta mentira: a compra do “4º dia”. Que o governo eles montaram uma “comissão” para a devolução do salário injusta e “compraria” nosso “4º dia de folga”, nos passando para a escala de 24 X ilegalmente retirado pelo governo anterior, em falso desconto aos dias 72 em troca da isonomia salarial com a Polícia Civil... não trabalhados do ÚLTIMO movimento paredista. Cadê a comissão? Assim, se passaram os quatro anos do governo atual: com uma Onde está a devolução? Esquecidas, como todas as promessas por eles mentira por ano! efetuadas. E cada mentira acompanhada, sempre e sempre, das mesmas premissas: “não podemos deixar o sindicato negociar!”; “nós quem temos A DERRADEIRA E DESESPERADA MENTIRA! que fazer a negociação”; “a categoria não pode se mobilizar, para não atrapalhar as negociações”. Como sua intenção NÃO É E NUNCA FOI enfrentar o governo, esse Num primeiro momento, quando tentamos alertar ao segmento grupo, não podendo mais prometer o que já prometeu, nem mentir sobre da categoria que se deixava iludir pelas mentiras daquele grupo, fomos o que já mentiu, revela sua única finalidade: destruir a organização culpados, também, dos seus fracassos. A cada promessa que não se sindical dos trabalhadores do sistema penitenciário. realizava, eles diziam para a categoria: “foi o sindicato que atrapalhou”, Com esse intuito, questionou DUAS VEZES a legitimidade de nossa ou, “o governo não dá, porque o sindicato é radical”... eleição. E isto aconteceu até que, estrategicamente, resolvemos nos Na primeira vez – que eles não divulgam – sua ação sequer foi recolher e deixar que eles, sozinhos, se afogassem em suas próprias aceita, pois, o Juiz os julgou INCOMPETENTES para impetrá-la. mentiras. Não seriamos mais responsabilizados pelos fracassos dos que já Nesta segunda vez, alicerçados pela assinatura de 01 (UM) Sócio, se sabiam derrotados. pediram á justiça que: anulassem nossa eleição, determinasse filiação 2
  • SINDASP COMUNICADO À CATEGORIA imediata, determinasse nova data de eleição. Tudo isso com EFEITO LIMINAR, ou seja, de maneira sumária e imediata. Cronograma de Plenárias de Filiação nos Locais de Trabalho O Juiz, por sua vez, resolveu NÃO ACATAR QUALQUER DOS Unidade Prisional Data Horário LOCAL PEDIDOS EFETUADOS. Não há qualquer determinação judicial que Permanência da contemple os pedidos feitos pela ação impetrada. CPFR (Bom Pastor) 02.10.2010 10:30h unidade AO CONTRÁRIO, o Juiz SUGERIU que nós do SINDASP Permanência da efetuássemos uma ação visando a filiação de novos membros, como COTEL 09.10.2010 14:30h unidade forma de fortalecer o sindicato, pois, como já sabemos e como foi bem Permanência da ressaltado pelo juiz: “com sindicato enfraquecido, quem sai ganhando é o COTEL FEM 09.10.2010 16:30h unidade patrão”. Permanência da Uma SUGESTÃO, e não uma sentença! Sugestão que vai ao PIG 16.10.2010 10.30h unidade encontro do que sempre pretendemos; o fortalecimento do SINDASP e, Permanência da por conseguinte, da Categoria. PPBC 23.10.2010 10.30h unidade Uma sugestão que, como forma de OTIMIZÁ-LA, efetuaremos não Permanência da apenas um ato de filiação, mas, uma CAMPANHA DE FILIAÇÃO. HCTP 23.10.2010 11.30h unidade Realizaremos, conforme cronograma em anexo, ASSEMBLÉIAS DE Permanência da FILIAÇÃO EM TODAS AS UNIDADES PRISIONAIS DA REGIÃO PAISJ 30.10.2010 10.30h unidade METROPOLITANA. Nosso intuito é que as Agentes e os Agentes penitenciários, bem como os demais profissionais do sistema prisional pernambucano possam, em seu local de trabalho, realizar a discussão da atual conjuntura ATENÇÃO: AS AGENTES E OS AGENTES DAS UNIDADES DO INTERIOR política e profissional e filiar-se livre e voluntariamente á sua máxima (OU MESMO DA REGIÃO METROPOLITANA QUE POR RAZÕES DE FORÇA MAIOR entidade representativa de primeira instância: o SINDICATO. NÃO SE FAÇAM PRESENTES NAS UNIDADES PRISIONAIS NAS DATAS ACIMA Aproveita a oportunidade; FILIE-SE AO SINDASP. Vamos construir INDICADAS) PODEM SE FILIAR ENVIANDO FICHA DE FILIAÇÃO PARA A SEDE DO um sistema penitenciário forte, estruturado e que cumpra o seu papel SINDASP, RUA AMOROSO COSTA, 63, VÁRZEA, RECIFE, PE, OU ENTREGANDO A social. “UM MAIS UM É SEMPRE MAIS QUE DOIS”. FICHA DEVIDAMENTE PREENCHIDA A UM DOS NOSSOS DIRETORES SINDICAIS. 3 View slide