• Save
www.AulaParticularApoio.Com.Br -História -  Independência dos EUA
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

www.AulaParticularApoio.Com.Br -História - Independência dos EUA

on

  • 793 views

História - VideoAulas Sobre Idependência dos EUA – Faça o Download desse material em nosso site. Acesse www.AulaParticularApoio.Com.Br

História - VideoAulas Sobre Idependência dos EUA – Faça o Download desse material em nosso site. Acesse www.AulaParticularApoio.Com.Br

Statistics

Views

Total Views
793
Views on SlideShare
791
Embed Views
2

Actions

Likes
0
Downloads
0
Comments
0

1 Embed 2

http://www.aulaparticularapoio.com.br 2

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

www.AulaParticularApoio.Com.Br -História -  Independência dos EUA www.AulaParticularApoio.Com.Br -História - Independência dos EUA Presentation Transcript

  • Independência dos Estados UnidosNa aula de hoje vamos aprender sobre...1ª parte: Condições políticas e econômicas da Inglaterra; Ideias Iluministas e sua influência Relação da Inglaterra com sua colônia.2ª parte: Leis impostas pela metrópole ao colonos; Processo de independência; Consequências mundiais.
  • Independência dos Estados UnidosO MUNDO: Para entender o processo que levou a independência das 13 colônias da América,vamos viajar até o velho continente e saber quais as alterações que influenciaram a emancipação da Nova Inglaterra.
  • Independência dos Estados Unidos No século XVIII a Europa inicia ummomento de transformações na sociedade,economia e política. Esses acontecimentos extrapolam asfronteiras de países como Inglaterra e França,refletindo em suas colônias e namanutenção do Pacto Colonial. O período é conhecido como Era das Revoluções. View slide
  • Independência dos Estados Unidos Ocorreu durante o século XIII a Revolução Industrial, que foi a secessão de inovações tecnológicas para melhorar e ampliar a produção das fábricas. A Inglaterra foi a pioneira com o uso de máquinas a vapor, energia eólica e hidráulica. Essa nova maneira de produzir exigiu mais locais para compra de matérias- primas e consumidores. View slide
  • Independência dos Estados Unidos Outra questão européia que atingiu as colôniasda América do norte, foi a Guerra dos Sete Anos,entre Inglaterra e França. Esse conflito foi originado pela disputa deterritório para exploração. Mesmo vencendo e conquistando diversoslocais, a economia inglesa enfraquece. Érepassado aos colonos parte dos gastos com aguerra.
  • Independência dos Estados Unidos Portanto, a necessidade de mercadoconsumidor para os produtos ingleses eadívida da Guerra dos Sete Anos interferiramdiretamente na Colônia americana. O parlamento aprovou diversos impostospara diminuir o comércio, deixando oscolonos insatisfeitos.
  • Independência dos Estados Unidos Somado a esses eventos, o Pacto Colonial era diferente do restante da América Portuguesa e espanhola. A Inglaterra não foi rigorosa como essas nações. Isso permitiu o crescimento econômico e até relativa autonomia da colônia.
  • Independência dos Estados Unidos Esse progresso resultou nacriação de manufaturas ecomercialização com outros locais, forametrópole. Aos poucos foram criadas medidasvisando limitar a “ autonomia”estabelecida e retomar o Pacto Colonial.
  • Independência dos Estados Unidos Consumidores Revolução Industrial Matérias- PrimasEuropa Transformações Inglaterra Intensificação do Pacto Colonial Economia Guerra dos enfraquecida Sete Anos Repasse dos gastos para as colônias
  • Independência dos Estados Unidos Outro fator externo de destaque foi o Iluminismo, Ilustração ou Filosofia dasLuzes. Essas ideias surgiram na Françacom pensadores e economistas como JonhLocke, Jean- Jacques Rousseau, Voltaire eoutros. Esse movimento foi extremamenteimportante para as revoluções ocorridas naépoca.
  • Independência dos Estados Unidos VOLTAIREJOHN LOCKE ROUSSEU
  • As principais idéias do Iluminismo são: Estado liberal;  Controle do Estado Críticas ao Antigo pela sociedade;  Poder da maioriaRegime; Respeito a liberdade expresso pelo voto-individual; Rousseau; Liberdade de  Livre comércio;  Valorização da razão;pensamento;
  • Independência dos Estados Unidos Podemos perceber que essas ideiasatenderam principalmente a burguesiaeuropéia, ansiosa por liberdade. O Iluminismo ultrapassou o territóriofrancês, atingindo as colônias do NovoMundo, fundamentando as revoltas equestionamentos ao Pacto Colonial.
  • Independência dos Estados Unidos A partir do Iluminismo as colôniasinglesas a América lutaram por igualdadeentre os homens, direito à resistência,liberdade econômica e política, sendocontra ao Pacto Colonial. O comércio e manufaturas cresceram,porém esses comerciante ainda estavampresos a Inglaterra.
  • Independência dos Estados UnidosPensadores e Críticas ao Antigo Revoluções IluminismoEconomistas Regime Burguesas
  • Vamos praticar?1. Quais fatores levaram a Inglaterraretomar o Pacto Colonial?
  • Resposta:A necessidade de consumidores paraseus produtos e fortalecimento daeconomia depois da Guerra dos SeteAnos.
  • Vamos praticar?2. Qual a importância do Iluminismopara os colonos ingleses?
  • Resposta:As ideias Iluministas defendiam osmesmos objetivos que os colonos,incentivando as criticas ao modelopolítico e econômico da época.
  • Vamos praticar?3. Caracterize a relação entre a metrópolee as trezes colônias americanas.
  • Resposta:Devido a Guerra dos Sete Anos e aoinício da Revolução Industrial, oPacto Colonial com as Colôniasamericanas era frágil, possibilitando osurgimento de comércio,manufaturas, e até uma certa “autonomia”.
  • Independência dos Estados UnidosLUTA PELA INDEPENDÊNCIA: Como vimos anteriormente, a situação da Inglaterra afetou suas colônias na América. Várias leis foram criadas para impedir o seu avanço; as colônias tornaram-se uma ameaça, passando a competir com a própria metrópole.
  • Independência dos Estados Unidos Lei do Açúcar: taxas elevadas para o açúcar que não fosse de outras colônias britânicas. Até então o produto era consumido das Antilhas e pago com alimentos. Lei do Selo: todos os livros, documentos, certidões fossem selados. Isso significa o aumento desses produtos, pois o selo era arrecadação direta de impostos.
  • Independência dos Estados Unidos Lei do Chá: altos impostos sobre produto;o monopólio de comercialização passa para aCompanhia das Índias Orientais, com sede emLondres. Isso prejudicou os burgueses dacolônia que participavam do comérciointernacional.
  • Independência dos Estados Unidos Altas taxas Açúcar Comércio com as colônias inglesas Selo da metrópole SeloLeis Aumento desses produtos Altos impostos Chá Monopólio para a Companhia das Índias Orientais
  • Independência dos Estados Unidos Com essas leis a insatisfação foigeral, e os colonos logo reagiram,interrompendo o comércio e opagamento de impostos para Inglaterra. Desejavam ter representantes noparlamento. Mesmo assim a metrópolecontinuou a cobrança tributos emdiversos produtos.
  • Independência dos Estados Unidos Existiram diversasmanifestações contra apolítica adotada pelametrópole, como o Massacrede Boston, onde tropasinglesas dispararam contra amultidão. Outra vez, os conflitosfazem Inglaterra assumiruma postura mais rígidas, asLeis Intoleráveis.
  • Independência dos Estados Unidos As Leis Intoleráveis determinavam: o fechamento do  as terras do centro-porto de Boston; oeste ficaram sob os julgamentos de comando inglês,funcionários ingleses, impedindo a expansãoem outra colônia ou na do comércio.Inglaterra;
  • Independência dos Estados Unidos Diante dessas imposições, foram realizadosdois Congressos com o objetivo de efetivar aruptura com Metrópole. Em 04 de julho de 1776, Thomas Jeffersonpublicou a Declaração de Independência,Influenciado pelo Iluminismo. THOMAS JEFFERSON
  • Independência dos Estados UnidosInsatisfação Manifestações Leis Declaração Impostos na colônia Intoleráveis de Independência
  • Independência dos Estados Unidos A Inglaterra não aceita aindependência, e para concretizá-la, ganhamapoio da França e Espanha. Mais qual o interesse desses países emajudar as colônias da América do Norte?
  • Independência dos Estados Unidos A França desejava recuperar território perdidos naGuerra dos Sete Anos; já a Espanha participou poraliança ao rei franco. Após intensa luta, a Inglaterra firma o Tratado deParis, aceitando e reconhecendo a independência. Entrega alguns locais de exploração para os aliadosdos norte-americanos.
  • Independência dos Estados Unidos Com a emancipação, os EstadosUnidos da América tornaram-se umarepública autônoma, com uma constituição,vigente até hoje, e a separação dos poderesem executivo, legislativo e judiciário.
  • Vamos Praticar?1. Quais os objetivos das diversas leiscriadas pela Inglaterra?
  • RespostaLimitar a autonomia dascolônias,aumentar a arrecadação deimpostos para suprir a deficiência dasua economia com a Guerra.
  • Vamos Praticar?2. Quais as consequência das Leis Intoleráveis?
  • RespostaManifestações e a realização deCongressos com o objetivo deemancipação e a Declaração deIndependência.
  • Vamos Praticar?3. Por que a França e Espanha ajudaram as Colônias no seu processo de independência?
  • RespostaA França interessava territórioperdidos para Inglaterra na Guerrados Setes Anos, e a Espanha, porAliança ao rei Franco.
  • Independência dos Estados Unidos Portanto é possível concluir que aIndependência das Trezes Colônias do Norteforam de origem Burguesa em busca deliberdade econômica e política. Também é importante para o resto domundo, pois é o primeira vez que coloca-se emprática as ideias Iluministas. Essa vitória influência a RevoluçãoFrancesa e as revoltas ocorridas no Brasil,como a Inconfidência Mineira.
  • BibliografiaKOSHIBA ,Luiz ; MANZI, Denise F. Pereira.História Geral e Brasil . Ed. Atual, 2004. PAZZINATO ,Alceu L. ; SENISE, MariaHelena. História Moderna eContemporânea. Ed. Ática