(PT version) AP | PORTUGAL - Serviços Línguisticos - Brochura

798 views

Published on

Published in: Travel, Business
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
798
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
7
Actions
Shares
0
Downloads
7
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

(PT version) AP | PORTUGAL - Serviços Línguisticos - Brochura

  1. 1. A importância da Língua Portuguesa . 03 Sugestões aos organizadores . 18 Os nossos serviços . 04 Sugestões ao oradores . 20 AP|Portugal . 05 Serviços de transcrição . 22 As entidades . 06 Serviços de DTP . 24 Os nossos clientes . 07 Serviços de legendagem . 25 AP|Brazil . 08 Serviços de aluguer de equipamento . 26 AP|Angola . 09 CATTI . 27 Serviços de tradução . 10 ATA . 28 SST. 11 Desenvolvimento social sustentável . 29 Tipo de serviços . 12 Lexis . 30 O preço na tradução . 13 Pagamentos . 31 Serviços de interpretação . 14 Contactos . 32 Recomendações . 15 Ambiente . 33 02
  2. 2. Conheça alguns dados sobre a língua portuguesa no mundo. De acordo com estimativas, o português está entre o 5º e o 7º lugar da lista de línguas mais faladas do mundo, sendo a 3ª mais falada na Europa.É uma língua de comunicação em organizações internacionais, como a União Europeia, Unesco, Mercosul, Organizaçãodos Estados Americanos (OEA), União Latina, Aliança Latino-Americana de Comércio Livre (ALALC), Organizaçãodos Estados Iberoamericanos (OEI), Organização de Unidade Africana (OUA), União Económica e Monetária da ÁfricaOcidental, além de ser idioma obrigatório nos países do Mercosul e língua oficial da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral (SADC), que integra a maioria dos países africanos do hemisfério sul. Nos 5 continentes do mundo existem 245 milhões de nativos falantes da língua portuguesa espalhados pelos seguintes países: Angola (12,5 milhões de habitantes), Brasil (191,9 milhões de habitantes), CaboVerde (427 mil habitantes), Guiné-Bissau (1,5 milhão de habitantes), Moçambique (21,2 milhões de habitantes), Portugal (10,6 milhões), São Tomé e Príncipe (206 mil habitantes) e Timor-Leste (1,1 milhão de habitantes). Além disso, 5 milhões de cidadãos portugueses e 4 milhões de cidadãos brasileiros constituem comunidades lusófonasespalhadas pelos Estados Unidos, Canadá, França, Venezuela, Paraguai, África do Sul, Japão, Alemanha, Suíça e Luxemburgo. Calcula-se que cerca de 335 milhões de habitantes falarão português em 2050.O ensino do português vem ganhando cada vez mais importância em países como a África do Sul, a Namíbia, o Zimbabwe e também em países da África Ocidental, especialmente o Senegal. 03
  3. 3. Serviços de tradução Serviços de interpretação Serviços de transcrição Serviços de DTP Serviços de legendagemServiços de aluguer de equipamento 04
  4. 4. No mundo globalizado, a diferenciação concretiza-se, antes de tudo, pela qualidade da comunicação.Erros ortográficos, gramaticais e de tradução podem arruinar a imagem de uma instituição, do mesmo modo que uma avaliação imperfeita das características, necessidades e expectativas do público-alvo resulta em investimento sem retorno. A AP|Portugal cresceu de forma sustentada ao longo dos últimos 10 anos, adaptando-se às mudanças trazidas pela tecnologia digital, transformando os novos desafios em novas oportunidades.Muniu-se de uma equipa interdisciplinar constituída por profissionais especializados em gestão de informação, tradução, marketing online e design, para assegurar uma intervenção integrada que resulte num serviço de excelência. A comunicação derruba barreiras e aproxima os povos. Cria condições para o desenvolvimento da humanidade e abre portas para a realização de parcerias. Essa é, no fundo, a nossa missão: apoiar o espírito empreendedor dos nossos parceiros, contribuindo com o nosso conhecimento e técnica para o crescimento e sucesso das suas actividades profissionais. 05
  5. 5. 06
  6. 6. U. PORTO U. MINHO UCP U. AVEIRO U.T.A.D U. ALGARVEI.C.B. ABEL SALAZAR I. P. V. CASTELO I.E.F.P. INST. TURISMO INST. MUSEUS C.E. DG ENVIRON. PARL. EUROPÉEN ALTO COMISS. SAÚDE I. G. AGRIC. PESCAS EDP TRIB. FAM. SEIXAL FUNDAÇÃO GEPE IPO LISBOA S. C. MISERIC. GAIA INST. SEG. SOCIAL IPJ CASA DA MÚSICA POLICIA JUDICIARIA GNR MIN. DEF. NACIONAL MARIN. PORTUGUESA C. M. PENICHE C. M. SINTRA C. M. PORTO C. M. ALMADA C. M. LEIRIA C. M. VALONGO C. M. V.R. S. ANTÓNIO C. M. MANGUALDE C. M. M. CANAVESES C. M. CHAVES C. M. ÍLHAVO C. M. SETÚBAL FPF SPORTING SAD APP QUERCUS LIPOR VALORSUL HIDURBE SANTANDER TOTTA BCP C. C. AGRÍCOLA MILLENIUM BCP C. G. DEPÓSITOS SONAECOM MEDLOG MERCAFAR NOVARTIS FARMA COOPROFAR NORTESHOPPING NORTRAD YOKOHAMA IBERIA FINSA TOUCHGROUP WHITE AIRWAYS SILVEX BASF OLYMPIA IMPETUS SAMSUNG THYSSENKRUPP AMORIM CORK GRUPO 3 MANZANARES MOTA ENGIL IMPALA ACAETSU PUB. DELOITTE AFRO PUBLICIDADE CLUB MED VIAGENS VILA GALLÉ ESTES SÃO ALGUNS DOS NOSSOS CLIENTES E PARCEIROS... SEJA O PRÓXIMO! 07
  7. 7. AP|BRAZIL é um departamento da AP|PORTUGAL criado para responder às necessidades do mercado em relação adocumentos destinados à utilização no Brasil. Isso porque, apesar da unificação do idioma, permanecem as particularidades da língua utilizada em Portugal e no Brasil. A AP|BRAZIL funciona como interface entre clientes de todo o mundo e uma rede de tradutores sediados no Brasil. Dessa forma, é capaz de oferecer um serviço local em tempo útil, assegurando sempre a qualidade e o rigor da AP|PORTUGAL. www.apbrazil.com 08
  8. 8. Estamos em fase de recrutamento e formação.Brevemente teremos uma equipa exclusivamente dedicada às necessidades do mercado angolano. Entretanto todos os pedidos provenientes de Angola deverão ser direccionados para os nossos escritórios da AP | PORTUGAL sediados no Porto ou em Lisboa. 09
  9. 9. TRADUÇÕES TÉCNICAS Somos especialistas em traduções técnicas relacionadas com várias áreas (nomeadamente jurídica, política, económica, empresarial e científica). Porque a tradução técnica requer conhecimento especializado, apenas seleccionamos tradutores que tenham familiaridade com a área tratada em cada projecto. TRADUÇÕES CERTIFICADASA validade legal de um documento traduzido é atribuída pela sua certificação junto de organismo estatal, entidade ou pessoa determinada pela legislação do país no qual se pretende que tenha valor legal.A AP|PORTUGAL dispõe de colaboradores com competência técnica para a realização de traduções nas diversas áreas, como sejam a jurídica, financeira ou comercial, em que a certificação de tradução é frequentemente uma exigência. Consulte no site do Instituto dos Registos e do Notariado (www.irn.mj.pt) as regras para certificação. 10
  10. 10. SISTEMA SATISFAÇÃO TOTAL . METODOLOGIA DOCUMENTO ENTREGUE À AP|PORTUGAL ANALISADO PELA NOSSA EQUIPA DE GESTÃO DO PROJECTO TRADUÇÃO DO DOCUMENTO POR UM PROFISSIONAL QUALIFICADO REVISÃO DO DOCUMENTO POR UM 2º PROFISSIONAL QUALIFICADO RELEITURA DO DOCUMENTO POR UM 3º PROFISSIONAL QUALIFICADO APROVADO PELA NOSSA EQUIPA DE GESTÃO DO PROJECTOALTERAÇÕES SOLICITADAS PELO CLIENTE ENTREGUE AO CLIENTE PARA SUA REVISÃO | SST TRADUÇÃO COMPLETA De forma a garantir o máximo de qualidade ao trabalho, após a entrega deste, terão um período de 20 dias para análise e revisão. Durante este período, poderão solicitar-nos nova revisão, correcção ou adaptação do texto em questão. Não se esqueça que a tradução é sempre um trabalho de parceria entre a AP|Portugal e o cliente. O seu apoio é fundamental para que o resultado final tenha a qualidade desejada. Agradecemos a preferência. 11
  11. 11. TRADUÇÃO TRANSCRIÇÃO INTERPRETAÇÃO LEGENDAGEM CV’s Jurídica Congressos Reportagens Certidões Pública Conferências Documentação Cartas Académica Reuniões de trabalho Apresentações Artigos Assembleias Acompanhamento Entrevistas Relatórios Conferências Entrevistas CV vídeo Brochuras Entrevistas Conferências de imprensa Webminars Catálogos Sondagens Formação Livros Reuniões de trabalho Apresentação Websites Actas Debates Software Assembleias Simpósios Jornadas de trabalho 12
  12. 12. FAQS: Qual é a diferença entre um projecto elaborado por um tradutor e uma empresa profissional? Basicamente, uma proposta de trabalho é expressa por um determinado valor por palavra. Veja para onde vai o seu dinheiro! *SERVIÇO APPORTUGAL VS SERVIÇO DE UM FREELANCER *exemplo baseado no valor fictício de 0,05€ por palavra 13
  13. 13. 1. INTERPRETAÇÃO SIMULTÂNEA (Interpretação de Conferência/Congresso)Os intérpretes de conferência encontram-se dentro de uma cabina isolada sonoramente.Recebem o som do orador através de auscultadores e de imediato traduzem o discurso, fazendo-se escutar através de um microfone que constitui o início de um canal que leva o som até aos participantes. 2. INTERPRETAÇÃO CONSECUTIVA O intérprete ouve o discurso do orador na sua totalidade ou em extensos blocos de som. De seguida, e normalmente com o auxílio de notas, traduz todo o discurso. 3. INTERPRETAÇÃO SUSSURADA (Chuchotage)O intérprete está presente junto do(s) participante(s) e traduz, em forma de sussurro, o discurso do orador. 4. INTERPRETAÇÃO LIAISON O intérprete acompanha uma comitiva estrangeira e faz a ligação com a equipa local. 14
  14. 14. DA ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE INTÉRPRETES DE CONFERÊNCIA CONDIÇÕES DE TRABALHO FunçõesAs funções do intérprete de conferência limitam-se à interpretação simultânea, consecutiva ou murmurada, da conferência. Obrigações O intérprete obriga-se a observar total e absoluto sigilo profissional, assume a responsabilidade moral pela seriedade doseu trabalho e não pode aceitar qualquer imposição limitativa ao desempenho do mesmo. O intérprete cumprirá na íntegratodo o trabalho aceite, ressalvando-se os casos de força maior. Nessa situação deverá assegurar em tempo útil a sua adequada substituição por um colega com a combinação linguística requerida e que seja aceite pelo coordenador da equipa e pela entidade empregadora. Horas de trabalhoUm dia de trabalho é constituido por dois períodos (com um máximo de quatro horas cada e com intervalo mínimo de hora e meia), totalizando, no máximo, 7 horas a partir da hora de convocação. Em casos excepcionais, o intérprete poderá efectuar uma (e apenas uma) hora de interpretação além deste limite, mediante remuneração a negociar. Caso o horário previsto exceda 8 horas de trabalho, deverá ser prevista uma segunda equipa. 15
  15. 15. Cancelamentos Entre dois e sete dias antes: os intérpretes terão direito a 50% dos honorários previstos; menos de 48 horas antes: os intérpretes terão direito à totalidade dos honorários previstos. Trabalho voluntário O intérprete é livre de oferecer os seus serviços sem que tal o desobrigue do cumprimento integral do Código Deontológico, das Normas de Conduta Profissional e das presentes Condições de Trabalho. Composição da equipa A interpretação de conferência é um trabalho em equipa e, consequentemente, um intérprete não deve, salvo raras excepções, trabalhar sozinho. Cada cabina de interpretação simultânea deverá ser sempre constituída por um mínimode 2 intérpretes, excepto em situações em que a duração total do serviço for inferior a uma hora. Nos casos em que uma cabina funcione em dois sentidos (duas línguas), em trabalhos de duração igual ou superior a um dia, recomenda-se que aquela seja constituída por 3 intérpretes. Chefe de equipaPara todos os trabalhos deverá ser nomeado um chefe de equipa. Nos casos em que as funções de chefe de equipa possaminterferir com o trabalho de interpretação (por exemplo, conferências com muitas línguas), deve ser contratado alguém (de preferência um intérprete) para exercer as funções de chefe de equipa em exclusivo. Documentação Ao intérprete devem ser proporcionadas as condições mínimas necessárias para garantir a melhor qualidade do seu trabalho. Nesse sentido, deverá receber com a devida antecedência (pelo menos 8 dias) toda a documentação respeitante ao serviço (programa, documentos de apoio, discursos, eventuais glossários, etc.). 16
  16. 16. Instalações e equipamento As instalações e equipamento devem estar em perfeito funcionamento, as cabines devem ser suficientemente espaçosaspara acolher duas pessoas, confortáveis, devidamente isoladas e situadas de modo a permitir um visionamento adequado da sala, do orador e do ecrã que eventualmente seja utilizado. Para interpretação murmurada ou consecutiva é essencial dispor de condições acústicas perfeitas. Discursos lidos O intérprete tem o direito a recusar a interpretação de textos lidos que não lhe foram previamente entregues. Filmes e vídeo Se houver projecção de filmes ou videos durante a conferência, a banda sonora só será interpretada se se verificarem asseguintes condições: o som for transmitido directamente aos auscultadores dos intérpretes; velocidade do comentário/diálogo for razoável; e o guião lhes tiver sido antecipadamente entregue ou houver sido feito visionamento prévio. Gravação O trabalho dos intérpretes destina-se a audição directa e imediata e não poderá ser gravado/transcrito sem acordo expresso, ressalvando-se os direitos de autor do intérprete. Serviços no exteriorQuando em serviço numa localidade que não seja a do seu domicílio profissional (>50 km), os intérpretes terão direito a: reembolso das despesas de transporte, devendo o meio de transporte ser previamente acordado com a entidade empregadora; alojamento em quartos individuais em hotel de três estrelas ou superior, de preferência no mesmo local onde se realiza a conferência; refeições (pequeno-almoço, almoço, e jantar); ajudas de custo e uma compensação por cada dia em que não trabalhem, mas que, por inerência, não lhes seja possível efectuar serviço noutra localidade ("jours chomés") a negociar com a entidade empregadora. 17
  17. 17. Numa conferência, seminário ou reunião com participantes de diferentes nacionalidades, os intérpretes são indispensáveis para permitir uma boa comunicação. É, sem dúvida, por essa razão que contratou uma equipa de profissionais que tudo fará para que os trabalhos decorram da melhor maneira. No entanto, para que os intérpretes possam prestar um serviçode qualidade, a sua ajuda é preciosa. Assim, permitimo-nos fazer pequenas sugestões que muito podem contribuir para o sucesso da comunicação. Sugestões aos oradores Queira distribuir a todos os oradores uma cópia do texto "sugestões aos oradores". Documentação Embora os intérpretes, por formação e experiência tenham uma vasta cultura geral, não são especialistas em todos os domínios. Compete aos organizadores fazerem chegar aos intérpretes documentação que lhes permita familiarizar-se com os assuntos a tratar. Lembre-se de que para um intérprete poder transmitir uma mensagem, ele precisa, primeiro que tudo, de a compreender. Para que o intérprete se possa preparar devidamente, deverá receber com alguma antecedência (idealmente 15 dias) e, se possível, em todas as línguas de trabalho: •• programa ou ordem de trabalhos, documentação geral sobre a entidade organizadora (associação, empresa, etc.), relatórios ou actas de reuniões anteriores sobre o mesmo tema, revistas ou artigos da especialidade, textos ou resumos das comunicações a serem apresentadas. Para além disso, durante a conferência o intérprete precisa ainda de: • textos das comunicações que sejam lidas durante as sessões; para que um texto escrito possa ser interpretado, éfundamental que os intérpretes disponham de uma cópia; cópias de acetatos e slides apresentados; lista de participantes;nome e breve curriculum dos oradores e dos membros da(s) mesa(s); nome e cargo de entidades oficiais presentes; toda a documentação distribuída aos participantes. 18
  18. 18. Sessão de informação Em casos de conferências de alto nível técnico, considere a possibilidade de organizar uma sessão com os intérpretes para esclarecer eventuais dúvidas de terminologia ou procedimento. Interlocutor Para uma boa coordenação, a organização deverá encarregar uma pessoa dos contactos com a equipa de intérpretes (que por sua vez terá um chefe de equipa ou coordenador). Instalação técnica A organização deverá certificar-se de que o material técnico instalado corresponde às suas necessidades (número decabines e de canais, microfones, auriculares) e de que o material está em bom estado de funcionamento. Antes da aberturada conferência, peça ao chefe de equipa de interpretação e aos técnicos que verifiquem o funcionamento do equipamento. Projecções No caso de haver projecções de diapositivos ou acetatos, certifique-se de que o ecrã está colocado de maneira a permitira todos os intérpretes uma boa visão das projecções e de que os intérpretes receberam cópias dos textos a serem projectados. No caso de haver projecção de filmes ou vídeos, lembramos que estes só poderão ser interpretados se houver ligação directa do som às cabines, se o texto do guião tiver sido previamente entregue aos intérpretes e se a velocidade do discurso corresponder à velocidade de leitura normal. Sala dos intérpretes Se possível, ponha à disposição dos intérpretes um espaço onde possam descansar e estudar a documentação. 19
  19. 19. A organização da conferência contratou uma equipa de intérpretes profissionais para assegurar a comunicação entreos delegados provenientes de diferentes línguas e culturas. Para muitos delegados, a sua voz será a voz dos intérpretes. Por esta razão, pedimos a sua atenção para algumas sugestões que nos poderão ajudar a transmitir a sua mensagem integral e correctamente.Lembramos que os intérpretes seguem um rigoroso código de ética profissional onde a confidencialidade é rigorosamente respeitada, pelo que não tema entregar-lhes documentos confidenciais. Se desejar os seus documentos ser-lhe-ão devolvidos. • se falar de improviso, fale normalmente, mas se preferir ler um texto, leia pausadamente; lembramos que a velocidade de leitura normal é de cerca de 100 palavras por minuto ou 3 minutos por página de 30 linhas. • se preparou um texto escrito ou notas que pretende seguir, assegure-se de que os intérpretes dispõem de uma cópia. • lembre-se de que um texto escrito só poderá ser correctamente interpretado se os intérpretes dispuserem de cópias. • se a sua comunicação é de elevado nível técnico, forneça aos intérpretes toda a terminologia e/ou documentação de que dispuser, se possível em todas as línguas da conferência. 20
  20. 20. • se pretende projectar diapositivos ou acetatos, assegure-se de que os intérpretes têm uma cópia de todas as projecções; as cabines estão muitas vezes afastadas do ecrã e será uma grande ajuda poder ter o texto debaixo dos olhos. • antes de falar, assegure-se de que o seu microfone está ligado; não bata no microfone, e, por favor, não sopre para verificar o seu funcionamento; um simples "bom dia" é suficiente para verificar se o microfone está ligado; não fale demasiado perto do microfone e não deixe o seu auricular ligado junto do microfone pois pode provocar interferências e "feed-back" desagradáveis para todos.• se durante a sua comunicação pretende deslocar-se, peça aos técnicos de som que lhe instalem um microfone de lapela. • se precisa de ouvir a interpretação, não se esqueça de pedir um auricular. 21
  21. 21. A AP|Portugal gere, no dia-a-dia, projectos de transcrição de processos jurídicos, alguns dos quais de grande envergadura e tendo como clientes empresas de projecção internacional. O nosso método de trabalho foi estruturado de maneira a garantir: ConfidencialidadeA AP|Portugal não partilha nenhum tipo de informação privada com terceiros sem autorização formal dos legítimos proprietários, assim como toma medidas adequadas no sentido de impedir o acesso não autorizado aos ficheiros confiados. RigorA nossa instituição tem em prática um rigoroso sistema de controlo de qualidade, que passa, desde logo, por uma selecçãode profissionais qualificados e pela revisão/fiscalização independente e regular de trechos dos textos produzidos pelos nossos transcritores. Rapidez A AP|Portugal conta com uma vasta equipa de profissionais com formação humanística. Consoante as necessidades, destacamos os profissionais necessários para a realização dos projectos em curso, o que nos permite entregar a transcrição num curto espaço de tempo. 22
  22. 22. A nossa equipa pretende disponibilizar um serviço de elevada qualidade, garantindo a melhor experiência de utilização possível aos clientes. A atenção aos detalhes reflecte-se na organização dos textos de acordo com os depoimentos e não em função dos lados de cassete, assim como também, por exemplo, na estampagem cronológica dos documentos, para uma fácil localização dos trechos de som. A metodologia de trabalho da AP|Portugal pretende garantir precisão e fidelidade. No entanto, temos consciência das adversidades intrínsecas dos trabalhos de transcrição (áudio em más condições, carência de pistas visuais, inexistência de documentos auxiliares, entre outros). Neste sentido, os clientes da nossa instituição, se por ventura encontrarem algum motivo de insatisfação após a vossa revisão, poderão solicitar uma nova revisão, ao projecto durante um período de 20 dias após a entrega do mesmo. Oferecemos segurança e comodidade.Em projectos orçamentados em valor igual ou superior a 150 euros, levantamos o áudio e documentos relativos gratuitamente no seu escritório, na maior parte das vezes no próprio dia da adjudicação (válido apenas para Portugal Continental).Sabemos que muitos processos judiciais são registados ainda em cassete. A AP|Portugal trabalha os ficheiros em formatodigital (a digitalização e melhoramento digital do som são gratuitos), tendo em vista um trabalho mais rápido e rigoroso, ao mesmo tempo que se previne o desgaste da fita magnética. Se desejar, enviamos-lhe, sem qualquer custo, a versão digital do áudio. Quer pretenda utilizar a transcrição como instrumento de trabalho ou como prova jurídica, confie na experiência e metodologia da nossa instituição. A nossa equipa garante-lhe uma transcrição fiel e expedita, e com um preço justo. 23
  23. 23. A AP|Portugal proporciona-lhe ainda, um serviço de DTP (Desktop Publishing). Uma equipa altamente qualificada e experiente de designers gráficos dispõe do mais recente software eaplicações necessárias para a realização do seu projecto, em qualquer idioma, tamanho, formato e plataforma. Esta mesma equipa de especialistas tem anos de experiência no âmbito do design gráfico e editorial e utilizauma grande diversidade de ferramentas inerentes ao sector para satisfazer as mais variadas exigências do mercado. Alguns dos recursos tecnológicos utilizados por nosso serviço de DTP:Excel®; Microsoft Powerpoint®; PageMaker®; Adobe Acrobat®; Adobe Photoshop®; Adobe InDesign®; Adobe Illustrator®; Macromedia Frehand®; MacromediaFlash®; CorelDraw®. 24
  24. 24. A AP|Portugal trabalha em parceria com estúdios experientes em técnica de legendagem para assegurarum produto final com elevada qualidade. Traduzimos para mais de 20 línguas e para vários meios de difusão, incluindo televisão, cinema, DVD, Internet e telemóveis. Os nossos profissionais trabalham em áreas como filmes, documentários e apresentações corporativas. Traduzir simultaneamente para várias línguas é um processo rotineiro na nossa instituição. A consistência do produto final é garantida por uma constante monitorização de todas as etapas do trabalho por um gestor de projectos e equipas. A AP|Portugal está preparada para desenvolver projectos de grande envergadura, em virtude da sua extensa bolsa de colaboradores e do conhecimento e experiência acumulados ao longo dos anos. Independentemente da dimensão e do orçamento dos projectos, temos sempre em grande consideração os prazos estabelecidos para a conclusão dos mesmos. NOVOS MEDIA A AP|Portugal está atenta às novas tendências do mercado como (por exemplo) o streaming de vídeo através da Web e o vídeo de alta definição (HD). Com o serviço integrado de tradução e legendagem,a sua empresa terá possibilidade de impressionar os seus (potenciais) clientes a nível internacional. 25
  25. 25. A AP|Portugal tem vários protocolos com algumas das melhoras empresas de audiovisuais em todo o país. Conseguimos, deste modo, em virtude do grande volume de trabalho que produzimos ao longo do ano, oferecer aos nossos clientes projectos chave-na-mão a preços altamente competitivos. Materiais/serviços adicionais que disponibilizamos:microfones, mesas de som, cabinas, receptores, auriculares, projectores, plasmas, vídeo, produção de mini-vídeos, gravações live 26
  26. 26. CENTRO DE APOIO AOS TRADUTORES, TRANSCRITORES E INTÉRPRETES AP|Portugal, Language Services tem um exclusivo e actual centro de apoio aos tradutores, transcritores e intérpretes. Desenvolvemos esforços diários para trabalhar em estreita cooperação com os colaboradores da rede nacional e internacional da AP|Portugal, de modo a poderem ultrapassar e resolver as dúvidas e dificuldades com que se deparam durante os projectos. Intervimos ao nível do recrutamento, gestão e criação de equipas unidas e eficazes. Proporcionamos o acompanhamento necessário no esclarecimento de dúvidas e no apoio ao nível técnico e de investigação. Assistimos na terminologia, recolha de dados e controlo de qualidade. O recurso à rede alargada de profissionais da AP|Portugal permite-nos apoiá-lo de uma forma célere e eficaz. RH . RECOLHA DE MATERIAL DE APOIO . TERMINOLOGIA E PESQUISA FORMAÇÃO . CONTROLO DE QUALIDADEA qualidade e o cumprimento de prazos são 2 elementos cruciais para a rede de profissionais da AP|Portugal poder, em parceria com a sua bolsa global de clientes, fortalecer e garantir um desenvolvimento profissional sustentável.
  27. 27. THE AMERICAN TRANSLATORS ASSOCIATION Founded in 1959 AP | PORTUGAL - Language Services subscribes to the ATA Code of Professional Conduct and Business Practices and is herewith granted this Certificate of Corporate Membership since 2009 Jiri Stejskal - President Virginia Perez-Santalla - SecretaryThis certificate is valid only in combination with a membership card in good standing in the American Translators Association. 28
  28. 28. A AP|Portugal, ligada institucionalmente ao ApoioXXI, tem também como missão contribuirpara o desenvolvimento social permitindo que crianças com necessidades especiais usufruam de apoio técnico especializado, nas áreas da psicologia, terapia da fala, psicomotricidade e ensino especial.Assim, a AP|Portugal contribui para o desenvolvimento estruturado das instalações, equipamentos e equipa multidisciplinar,sendo um pilar fundamental para o desenvolvimento sustentável do ApoioXXI possibilitando que este centro educativoe de desenvolvimento da criança garanta uma política de preços e serviços acessíveis à maior parte da nossa população. Pela confiança que deposita na AP|Portugal e em nome de todas as crianças e dos profissionais que se dedicam ao seu desenvolvimento, o nosso muito obrigado! www.ApoioXXI.com 29
  29. 29. A AP|PORTUGAL é Membro da LEXIS - INTERNATIONALA LEXIS é uma activa comunidade internacional que congrega uma vasta gama de profissionais de serviços linguísticos: tradutores, legendadores, copywriters e locutores. 30
  30. 30. Validade do orçamento: 30 dias Sujeito à disponibilidade da equipa e equipamento da AP|Portugal; aos valores apresentados acresce IVA à taxa legal em vigor FORMA DE PAGAMENTO Transferência bancária, cheque, outras a definir com o cliente. CONDIÇÕES DE PAGAMENTO 50% no momento da adjudicação e os restantes 50% na entrega do trabalho; o trabalho só terá início após boa recepção do pagamento. Envie sempre o justificativo.Outras condições de pagamento poderão ser definidas para clientes habituais da AP|Portugal. DADOS BANCÁRIOS IBAN Número Internacional Bancário PT: 50 0010 0000 3603 0890 00137 Nº de conta BPI: 9-3603089.000.001 NIB: 0010 0000 36030890001 37 SWIFT/BIC: BBPIPTPL DESCONTOS Temos descontos especiais para grandes volumes de trabalho.
  31. 31. LISBOA Av. João Crisóstomo, 30, 5ºA 1050-127 Lisboa Portugal U Fax +351 213 303 733 PORTO Avenida da República, 1105 4430-203 Vila Nova de Gaia Portugal UE Fax +351 223 744 871 info@apportugal.com orcamentos@apportugal.com rh@apportugal.comwww.apportugal.com 32
  32. 32. Antes de imprimir este documento, pense bem se tem mesmo de o fazer. O planeta agradece! Mário Adérito Costa Júnior 33

×