Your SlideShare is downloading. ×
0
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Um Lugar de Adoração a Deus no Deserto

1,264

Published on

a paz do Senhor amados irmãos, esse material está pronto desde 25/02/14, mas o slideshare estava com problemas e não consegui postar, só consegui agora.

a paz do Senhor amados irmãos, esse material está pronto desde 25/02/14, mas o slideshare estava com problemas e não consegui postar, só consegui agora.

Published in: Spiritual
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,264
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
44
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. “E me farão um santuário, e habitarei No meio deles” (Êx 25.8)
  • 2. Deus deseja habitar entre nós, para que Ele seja o nosso Deus e para que nós sejamos o seu povo,
  • 3. Após esta aula o aluno deverá estar apto a :  Conhecer as instruções para a construção do Tabernáculo.  Elencar os utensílios presentes no pátio do Tabernáculo.  Compreender que o Tabernáculo representava o lugar de habitação de Deus em pleno deserto.
  • 4. PALAVRA CHAVE Tabernáculo: Santuário portátil Onde os hebreus Guardavam e Transportavam a arca Da aliança e demais Utensílios sagrados.
  • 5. I - AS INSTRUÇÕES PARA A CONSTRUÇÃO DO TABERNÁCULO 1. O propósito divino. 2. As ofertas 2. Tudo segundo a ordenança divina (Êx 25.8,9,40). II – O PÁTIO DO TABERNÁCULO 1. O pátio. 2. O altar dos holocautos. 3. A pia de bronze (Êx 30.17-21). III - O LUGAR DA HABITAÇÃO DE DEUS 1. O castiçal de ouro (Êx 25.31-40). 2. Os pães da proposição e o altar do incensário (ÊX 25.30). 3. O santo dos Santos e a arca da aliança (Êx 25.10-22).
  • 6.   Deus queria habitar no meio do seu povo, por isso deu ordem a seu servo Moisés para que junto com o povo, construísse um um lugar separado para ser adorado. Esse lugar tratava-se do “Tabernáculo do Senhor”, um santuário móvel que esteve presente e acompanhou os israelitas todo o tempo de sua peregrinação pelo deserto. Na lição de hoje estudaremos como foi a construção desse lugar santo de adoração a Deus.
  • 7.   O povo de Deus estava acampado ao monte Sinai. Todos os dias eles olhavam com temor para a nuvem que cobria o monte (Êx 19.16-22), pois significava que Deus estava chegando para falar com eles. Foi durante a permanência naquele lugar que, instruídos por Moisés, eles providenciaram os materiais que seriam usados na construção de uma complexa tenda que viria a ser chamada de “Tabernáculo”. No dia em que essa estrutura finalmente ficou pronta e foi erguida, Êx 40.34. O Senhor de fato tinha vindo para habitar entre o seu povo.
  • 8. Uma pergunta e vos revistais do novo homem, que, segundo Como está o seu tabernáculo? Deus, é criado em verdadeira justiça e santidade. Ef 4.24 (ARC).
  • 9.   Depois que o Senhor entrega a lei para Israel, Ele queria um lugar para ser adorado e ordena ao povo que edificasse esse lugar. Deus tinha um objetivo divino com isso, que era aumentar e fortalecer Conheçamos e prossigamos seu os laços de comunhão com o em conhecer o SENHOR: como a alva, povo, Ele mesmo com mão forte os será tirado da servidão de Faraó haviaa sua saída; e ele a nós virá no como a assim como chuva serôdia Egito. É chuva,que Deus trabalha na que do homem, Os que o vida rega a terra.para6.3 (ARC). conheçamos de uma forma mais íntima e pessoal. Os 6.3
  • 10.   O povo de Deus seriam os construtores do Tabernáculo, com os E eu darei graça a esse povo aos recursos que receberam ao saírem olhos dos egípcios; e acontecerá que, quando sairdes, do Egito (Êx 3.21,22). não saireis vazios, porque cada mulher pedirá à Para que o Tabernáculo fosse sua cada um dê a hóspeda Quevizinha e à suasua ofertavasos construído, vasos de ouro, e vestes, os hebreus teriam que de prata, resolveu no seu coração, conforme e ofertar voluntariamente e com filhos e os quais tristeza nem por obrigação, não com poreis sobre vossos alegria, a Palavra de e dá com sobre vossas filhas; despojareis pois Deus ama quemDeus ensinaao que o favor motivante nosEgito. Êx 3.21,22 (ARC). alegria. 2 Co 9.7 (NTLH). para contribuir é a alegria (2 Co 9.7).
  • 11.  O Tabernáculo não foi invenção de homem. À partir do cap. 25 de Êxodo, o próprio Deus orienta Moisés com relação à planta e os utensílios do templo móvel.  Moisés em tudo foi obediente, pois o Tabernáculo não representava apenas Deus habitando com seu povo, mas apontava para o sacrifício de Jesus na cruz do calvário, simbolizava o plano perfeito de Deus para redenção da humanidade. (Hb 9.8-11)
  • 12. Uma pergunta Assim como a chuva vem de cima, eu enviarei do céu a minha vitória. A terra se abrirá para Você fará brotar a salvação a liberdade. recebê-la e tem sido gratoepor tão Eu, o SENHOR, farei isso. grande salvação ? Is 45.8 (NTLH).
  • 13.   O pátio ao redor do Tabernáculo media cerca de 45 metros de comprimento por 22 metros de largura e indicava os limites externos do recinto sagrado. Era um lugar próprio para os sacrifícios, amplo e ao ar livre. Os hebreus precisavam aprender a forma correta de como se chegar à presença do Senhor e adorá-lo.
  • 14.   O Senhor ordenara que o Tabernáculo deveria ter um pátio, e este deveria ser cercado por cortinas simbolizava a separação que deve haver para a adoração a Deus. Como explica Matthew Henry, o pátio era umpelasde que se fechada e Entrai tipo portas dele com de E foi-lhe dado igreja, vestisse Este eram puro e átrios, com louvor e do resto do mundo, separadaem seus resplandecente; linho fino, os átrios pelos quais ansiavao pore fino são as o seu hinos; louvai-o e bendizei justiças encerradalinhocolunas, indicando a porque Davi onde ele anelava residir (Sl100.4 19.8e(ARC) nome. Sl 84.2,10), fechada com dos santos. da (ARC). estabilidade Ap igreja,onde o povo de Deus entrava está escrito o linho limpo, quecom louvor eque é agradecimento (Sl 100.4) a justiça dos santos (Ap 19.8).
  • 15.  A porta de entrada para o pátio representava Cristo, que é Eu sou a porta; se alguém a Disse-lhe Jesus: Eu sou o entrar porta a verdade, a Deus, única por mim, salvar-se-á, e caminho, e de acesso e a vida. entrará, Caminho Pai senão por o único e sairá, e achará Ninguém vem ao para o céu pastagens. (ARC). 10.9 mim. Jo 14.6 (Jo 10.9;14.6.). Jo (ARC).  Quantos tem procurado entrar pela porta larga. Quantos Lâmpada parasemmeus pés é andam cego os saber o tua palavraestão na escuridão, caminho, e luz, para o meu caminho. Sl 11 9. 105 (ARC). sem rumo (Sl 119.105).
  • 16.   Assim que entrava no pátio, o Farás também o altar de o altar israelita tinha a sua frentemadeira de cetim; cinco côvados será o do holocausto. Era uma caixa de comprimento, e cinco côvados, a madeira (será quadrado o altar), e largura de cetim (acácia) coberta de bronze (Êx 27.1). altura. três côvados, a sua Êx 27.1 altar o Junto ao (ARC). transgressor da lei encontrava-se com o sacerdote para oferecer sacrifícios a Deus a fim de expiar seus pecados e obter o perdão.
  • 17.   O altar dos holocaustos tipificava Assim já não sou eu Cristo, o nosso vocês quem Que a vida de sacrifício perfeito seja vive, mas Cristo é quem vive que morreupelo nosso assim em amor, lugar dominada em5.2; GlE esta vida que vivo (Ef mim. 2.20). amou e deu a como eu a nos agora,Cristovivo pela fé no sua vida por nós, como uma Filho de Deus, que me amou e oferta asacrifício agradável SemCristoperfumeexpiador do um sepor isso nãopode,por mim. Gl mesmo pecado. Emdeude siele havia hoje e e E sacerdote oferecerá a Deus, O como um há que agrada 2.20 Deussacrifício sobre Cristo pecado nãocolocoupessoas que mas este, havendo oferecido Mas (NTLH). perdão de Deus sempre, Ef 5.2 sacrifício para o Deus! dos nossosO escritor SENHOR, 5.21). pelos o as pecados a culpa 2salvar (NTLH). (Lv 6.7; sacrifício dele, um único Copor meio a a Deus vão conseguir o mostra que para para que nós, viveunião o em para pecados, está assentadocom aos Hebreus perdão de sempre porque Jesus homem será pecados, destra defoi e Cristo Deus. sempre àde ode acordo com ele, vivamos sacrifício pedir a Deus único, a a fim de de qualquerem favor perdoado pecado Hb 10.12 (ARC). vontade completo perfeito ede Deus. para a nossa delas. que 5.21cometido. Lv 2 Cotiver(NTLH). 10.12). 6.7 (NTLH). salvação (Hb 7.25; Hb 7.25 (NTLH).
  • 18.   Na pia os sacerdotes lavavam suas mãos e pés antes de executarem seus deveres sacerdotais. A pureza não só estava associada com a piedade, mas também era um símbolo poderoso da retidão exigida por Deus . Por isso os sacerdotes lavavam cuidadosamente as mãos e os pés nessa bacia antes de entrar no Lugar Santo.
  • 19.   Mãos limpas: trabalho honesto; pés limpos: um viver perto de Portanto, cheguemose um agir íntegros (Ef 5.26,27; Hb 10.22). Deus com um coração sincero e uma fé firme, com a consciência É preciso que nos cheguemos a limpa das nossas culpas e com Deus com um coração Hoje somos lavados e puro e Mas, se lavado com água pura. o corpo andarmos na luz, como purificados pelo precioso limpo. luz está, temos requer de ele 10.22 (NTLH). e comunhão na Deus é santo Hb santidade. Ele não aprova sangue de nosso Senhor e nós uns com os outros, e o sangue Salvador Jesus Cristo que se quem vive e o serve Filho, nos de Jesus Cristo, seu de qualquer ofereceu como sacrifício deve e forma. de todo pecado. vivo ser purificaO servo de Deus agradável mãos e puro de “limpo de a Deus em nosso 1 Jo 1.7 (ARC). favor (1 Jo 1.7) coração” (Sl 24.4).
  • 20.   Não havia janelas no Lugar Santo e a iluminação vinha de um castiçal de Falou-lhes,e batido. Esta peça ouro puro pois, Jesus outra vez, dizendo: Eu sou a luz do mundo; também segue não andará em quem me apontava para Jesus Cristo, luz do mas terá seguindo Ele trevas, mundo, ea luz da vida. jamais andaremos na Jo 8.12 (ARC). escuridão, mas teremos a luz da vida (Jo 8.12). O castiçal em Apocalipse, simboliza a Igreja (Ap 1.12,13,20).
  • 21.  O próprio Jesus, antes da visão de João na ilha de Patmos, já havia comparado Igreja a uma lâmpada acesa e também chamado de “luz do mundo” (Mt 5.14-16).  O apóstolo Paulo reforça essa para que sejais irrepreensíveis e ideia em Filipenses 2.15 sinceros, filhos de Deus inculpáveis no  As lâmpadas do castiçal ardiam meio duma geração corrompida e continuamente qual resplandeceis perversa, entre a e eram abastecidas diariamente de azeite puro de como astros no mundo. Fl 2.15 (ARC). oliveira (Êx 27.20,21).
  • 22.   O azeite por sua vez é símbolo do Espírito Santo. Para que o castiçal permanecesse acesso, era preciso que o azeite fosse renovado todos os dias. Da mesma maneira, só podemos projetar a luz de Deus sobre o mundo se formos realmente cheios do Espírito Santo; e, por consequência , só podemos projetá-la continuamente se procurarmos estar sempre cheios do Espírito.
  • 23. Uma pergunta Vocês são a luz para o mundo. Não se pode A sua luz está brilhando esconder uma cidade construída sobre um ? monte. Mt 5.14 (NTLH).
  • 24.   Havia uma mesa com doze pães e, todos os sábados esse pães eram trocados, quando então eram comidos pelos sacerdotes. alimentar-seapontavam para em Estes pães sem-pre de Cristo íntima comunhãovida (Jo 6.35). Jesus, o Pão da com Ele. Eu sou o Declarou-lhes, pois, Jesus: Alimentar-se dEle é estar ocupado O pão vida; o que Ouro pão Ele por Sua Palavra, mim com da da Mesa de vem aera jamais terá fome; sacerdotes. Foi alimento para os e o que isso absorvê-lo e desfrutá-lo; écrê em mim jamais terá sede. Deus mesmo Quem ordenou que dá crescimento ao crente! Jo 6.35Assim deve ser a vida do assim, (ARC). cristão:
  • 25.  Eram sempre doze pães, um para cada tribo de Israel, e eles eram trocados aos sábados e protegidos ao redor da mesa por uma beira de ouro, para que não escorregassem até o chão pela borda da mesa.  Em frente do Candelabro, para a banda do norte, à direita de quem entrava no Santo Lugar, estava a Mesa de Ouro com os doze pães da proposição.
  • 26.  Além dos pães, próximo ao Santo dos Santos ficava o altar do incenso, um lugar destinado à oração e ao louvor a Deus.  Precisamos nos chegar Suba a minha oração perante a tua face como a nossa diariamente com incenso, e seja o levantar das minhas adoração e nossas orações. mãos como (Sl 141.2). o sacrifício da tarde. Sl 141.2 (ARC).
  • 27.    O Santo dos Santos era um local restrito, onde somente o sumo sacerdote poderia entrar uma única vez no ano. Também chamado de Lugar Santo, estava a arca da aliança (Êx 25.10-22), a peça mais importante de todo o Tabernáculo. Era uma caixa de madeira de cetim forrada de ouro.
  • 28.    Durante a peregrinação pelo deserto os sacerdotes carregavam-na sobre os ombros. A arca simbolizava a presença de Deus no meio do seu povo Com uma ideia totalmente errada os hebreus a utilizavam como uma espécie de amuleto. Por isso, irmãos, por causa da morte de Jesus na Em hebreus 10.19,20, vemos a gloriosa cruz nós temos completa liberdade de entrar no revelação proféticaPor meio da cortina, isto é, o Lugar Santíssimo. entre o Santo dos Santos, por Senhor Jesus e o povo salvo da atualidade. meio do seu próprio corpo, ele nos abriu um caminho novo e vivo. Hb 10.19,20 (NTLH). O termo “santuário” no versículo 19, é literalmente, no original, “Santo dos Santos”.
  • 29. CONCLUSÃO  Os israelitas, mediante o Tabernáculo, podiam aprender corretamente como achegar-se a Deus, adorá-lo, servi-lo e viver para Ele em santidade.  Assim deve fazer a igreja, conforme Hebreus 10.21-23. O Senhor é Santo e sem santidade nosso louvor e adoração não poderão agradá-lo.  Deus em Cristo Jesus continue vos abençoando.
  • 30. FONTE DE CONSULTA  Biblia Sagrada (ARC), (NTLH)  Bíblia Glow  Uma Jornada de Fé (Livro do Trimestre)
  • 31. Antonio Fernandes de Oliveira é casado com a irmã Guiomar Silva L. de Oliveira, é Diácono da IEADERN, Assembléia de Deus no Estado do Rio Grande do Norte, é 2º Co pastor na Congregação Novo Horizonte – Setor XI email: antonioeguiomaroliveira@hotmail.com Tel: (84) 8862-2579 Facebook: Antonio Fernandes Oliveira Blog: www.israeledosenhor.blogspot.com.br

×