Your SlideShare is downloading. ×
Curs captaçao, apostila p&b
Curs captaçao, apostila p&b
Curs captaçao, apostila p&b
Curs captaçao, apostila p&b
Curs captaçao, apostila p&b
Curs captaçao, apostila p&b
Curs captaçao, apostila p&b
Curs captaçao, apostila p&b
Curs captaçao, apostila p&b
Curs captaçao, apostila p&b
Curs captaçao, apostila p&b
Curs captaçao, apostila p&b
Curs captaçao, apostila p&b
Curs captaçao, apostila p&b
Curs captaçao, apostila p&b
Curs captaçao, apostila p&b
Curs captaçao, apostila p&b
Curs captaçao, apostila p&b
Curs captaçao, apostila p&b
Curs captaçao, apostila p&b
Curs captaçao, apostila p&b
Curs captaçao, apostila p&b
Curs captaçao, apostila p&b
Curs captaçao, apostila p&b
Curs captaçao, apostila p&b
Curs captaçao, apostila p&b
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Curs captaçao, apostila p&b

1,428

Published on

Published in: Business, Technology
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,428
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
110
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. CAPTAÇÃO DE RECURSOS Curso Prático Antonio Carlos Rocha
  • 2. CAPTAÇÃO DE RECURSOS
    • ASSISTENCIALISMO
    • Centralizado
    • RECURSOS PARA A PREFEITURA
    • EMPREENDEDORISMO
    • Dinâmico
    • PROJETOS PARA O MUNICÍPIO - LOCAL
    X A nova dinâmica social passa pela discussão dos planos, ações críticas, tipo de parcerias e escolha dos projetos relevantes para o local
  • 3. CICLO DA POBREZA
    • Assistencialismo social e dependência política
    • Sem planejamento, sem diagnósticos e indicadores
    • Vivem no limiar da crise, sem projetos ligados a um programa maior
    • Decisões centralizadas
    • Baixo nível de participação na comunidade
    • Não retêm bons profissionais
    • Orçamentos para custeio
    • Projetos em função de oportunidades imediatas
    • Não demonstram resultados crescentes
    • Pedido-Doação
    • Ação termina na doação do recurso
  • 4. CICLO DA RIQUEZA
    • Perfil Empreendedor
    • As ações são articuladas e trabalham com parceiros
    • Captam em diversas fontes de recursos
    • Desenvolvem projetos em diversas áreas sinérgicas
    • Ampliam capacidade e oferecem novos serviços
    • Atraem voluntários
    • Orçamentos para investimentos
    • Planejam a captação de recursos
    • Demonstram resultados
    • Forte aceitação na comunidade
    • Transparência na utilização de recursos
  • 5. Definição de Recursos
    • Recurso é tudo aquilo que sua instituição ou parceiro emprega na realização de um projeto ou condução de uma causa.
    • Recursos podem ser funcionários, profissionais, materiais, equipamentos, infra-estrutura, treinamento, terra, insumos, veículos, itens de despesa, representados por dinheiro, doações, financiamentos, apoio, voluntariado.
    • Definir a necessidades de recursos para investimento e recursos para custeio.
    • Ter bem claro os recursos próprios e de terceiros.
  • 6. Recursos Públicos
    • Recursos de instituições governamentais, para utilização em projetos de interesse do governo e da sociedade
    • Podem ser reembolsáveis e não reembolsáveis, na sua maioria.
    • Acessados através de demandas induzidas(convênios em editais, chamadas públicas) ou iniciativas espontâneas
    • Concessão de incentivos fiscais para financiadores privados (cultura, social)
  • 7. Recursos Privados
    • Recursos de organizações não governamentais privadas, de empresas ou pessoas físicas
    • Podem ser em forma de doação, parceria, apoio e financiamento de projetos
    • Podem ser reembolsáveis ou não reembolsáveis, na sua maioria
    • Requer muito planejamento, organização, credibilidade, relacionamento, capacidade de gestão, formar parcerias e gerar resultados
  • 8. Tipo de Campanha de Captação
    • Campanha Anual
      • Manutenção: Custo Operacional da instituição
      • Campanha Pontual ou Patrimonial
    • Expansão ou projetos novos
      • Investimentos: obras, reformas, informatização, equipamentos
      • Desenvolver projetos especiais: nova atividade de pesquisa
      • Começo e fim pré determinados
  • 9. Modalidades de Captação
    • Convênio
    • Se dá entre instituições públicas ou entre estas e os privados(ongs, associações, institutos) sem fins lucrativos.
    • São repassados recursos decorrente de uma chamada pública, através de um plano de trabalho aprovado
    • Normalmente existe um edital público chamando para desenvolver um determinado setor ou poderá ser através da apresentação de projetos espontâneos.
    • Cada ministério lança seus editais, observando a documentação e exigências para participar dos convênios
    • A legislação básica é a I.N. STN nr.1, de jan.1997.
    • Deverá, antes de executar o objeto do convenio, licitar com base nas leis 8.666 e 8.883 para entes públicos
  • 10. Modalidades de Captação
    • Financiamentos
    • Apoia e financia iniciativas públicas e privadas, mas com recursos reembolsáveis e incidência de juros.
    • Exige apresentação de um plano de negócios ou projeto demonstrando sua viabilidade
    • Financiamentos para modernização da administração pública municipal, para aquisição de máquinas, informatização, melhoria atendimento, capacitação.
    • Financiamento para empreendimento produtivos associativistas e solidários
    • Podem ser acessados junto aos bancos e agencias bilaterais, agencias de desenvolvimento e fomento
  • 11. Modalidades de Captação
    • Patrocínio
    • Apoio de instituição, normalmente financeiro, e em contrapartida deve gerar benefício de imagem e marca qualificado. Requer um projeto ou plano de marketing.
    • Chancela
    • Apoio institucional para uma causa, funciona como um aval face a credibilidade da instituição, dirigente, causa, requer um projeto ou simples pedido.
    • Doações
    • Doações de pessoas físicas e jurídicas, representadas por materiais, alimentos, vestimentas, remédios, parcerias, equipamentos, tecnologia, intercâmbio cientifico, modelos de gestão, recursos financeiros. Um simples pedido.
    • Para algumas fundações e agencias de cooperação, deve apresentar um projeto mais formal.
  • 12. Metas de Captacao – Sociedade Civil
    • DE ILEGAL A DONATIVO (pena de perdimento)
    • (Alimentos, vestuario, brinquedos, brindes, computadores, eletronicos, sapatos, outros)
    • Em 2003 apreendidos 415 milhoes e 9%(37 milhoes) foram para as instituicoes s/fins lucrativos, para custeio, venda em feiras e bazar
    • Carta a SRF, documentacao em dia
    • Relacionamento com a Receita, prestacao de contas, credibilidade - www.receita.fazenda.gov.br
  • 13. Estratégias de Captação
    • Participar de Editais , gera convênios para realização de interesses em comum entre as partes
    • Inicialmente estudar e ler detalhadamente o edital, posteriormente, o termo de convenio firmado, observando o objeto principal, quem se habilita, parcerias, resultados esperados, valores envolvidos, contra-partida, documentação, inscrições, habilitações, prazos de entrega do projeto, prazos para execução dos serviços, formas de contratações, prestação de contas, sanções.
    • Sugestão: cuidar da documentação e habilitações
    • Para recursos públicos estar cadastrado no SICONV
  • 14. Estratégias de Captação
    • Encaminhar projetos na Demanda Espontânea
    • Estudar os programas e formas de apoio das Secretarias em cada Ministério
    • Buscar informações como apresentar projetos e formas para se habilitar para receber os recursos
    • Desenvolver projetos em parceria com instituições públicas ou privadas, co-executoras ou intervenientes
    • Ficar atentos as Resoluções de cada ministério
    • Acompanhar no sites pela internet
    • Sugestão: desenvolva alguns pré-projetos no ano.
  • 15. Estratégias de Captação
    • Alocação de recursos humanos, tecnicos, materiais e financeiros por parte das empresas para beneficio público de forma planejada e transparente
    • O investimento social das empresas se compõe em:
    • Bens e equipamentos
    • Tecnologia, Gestão, conhecimento e pessoas
    • Recursos financeiros
    • Imagem
    • Rede de relacionamento
    • Areas de educação, profissionalização, tecnologia, inclusão digital, inclusão social, cidadania, cultura
  • 16. Como Chegar as Empresas
    • Q.I. funciona
    • Não fecha negócios
    • Mapeamento de contatos: todo mundo conhece alguém
    • Como funciona com as empresas
    • Pesquise, leia
    • Defina prioridades
    • Invista na proposta
    • Incorpore: razão e emoção
    • Construa o relacionamento
    • Arte ao pedir
    • Estratégias de sucesso:
    • Primeira impressão
    • Seja confiante parecendo um deles;
    • Ache pontos em comum;
    • Vista a camisa, entusiasmo;
    • Foco em benefícios, retorno;
    • Solução para os problemas;
  • 17. Estratégias - Eventos
    • Concertos musicais
    • Eventos esportivos
    • Bingos, leilões, bazar
    • Eventos culturais
    • Seminários
    • Gera imagem, credibilidade, novos recursos.
    • Compatibilizar com sua atuação, objetivos, seus funcionários, público-alvo, ocasião, tempo e recursos disponíveis .
    • Lembrete: avalie se poderá absorver alguma perda no evento.
  • 18. Estratégia Captação - Campanhas
    • Porta em porta
    • Coletores silenciosos
    • Coletores ativos
    • Recrute voluntários
    • Peça autorizações
    • Liste os eventos da sua cidade
    • Oportunidades
    • Estandes
    • Rifas, sorteios
    • Venda de produtos
  • 19. Estratégia Captação - Campanhas
    • Mala Direta – selecione o público alvo, parceria com bancos, correios
    • Telemarketing
    • Equipe de solicitação, frente a frente
    • Doações planejadas
    • - Legal (testamentos)
    • - in memoriam (falecimentos, casamentos)
  • 20. Parcerias com Não Governamentais
    • Identificar área geográfica de atuação
    • Segmentos específicos de atuação
    • Formas de acesso e contato
    • Apoios realizados no seu país ou estado
    • Suas premissas e valores
    • Formas de solicitação de apoio
    • Avalie se poderá cumprir todas as exigências e se poderá gerar resultados efetivos
    • Sugestão: verifique se a instituição trabalha com alguma similar no país, em vez de fazer o contato direto na matriz
  • 21. Desenvolver potenciais Parcerias
    • Identificar
    • Rede de contatos
    • Participe de eventos
    • Busque indicação de conhecidos
    • Procure por pessoas chaves nas empresas
    • Ouça as idéias, valores, interesses e busque pontos em comum
    • Dê preferência as empresas locais
    • Proponha parceria para o desenvolvimento não para uma ajuda isolada
    • Demonstre a cultura filantrópica entre as empresas no país
    • Venda a idéia de maneira simples, transparente, confiante, objetiva e respeitosa pelos outros.
  • 22. Planejamento Captação - acoes anuais - MES Familia Empr Peq/Gr Gov Est/Fed Fund Indiv Bancos JAN Relat / visitas relatorio Pesquisa consulta FEV seminar Central socios / cotas Projeto basico Consulta Pre proj eventos Projeto MAR arrecada Arrecada Convenio projeto Central Socios ABR arrecad MAI JUN
  • 23. AREAS DE INTERVENÇÃO
    • Desenvolvimento de Redes Sociais
    • Geração de Renda
    • Producao associativista
    • Reducao da pobreza
    • Educacao formal e informal
    • Capacitação Profissional
    • Saude comunitaria
    • Saude da mulher
    • Melhoria alimentar e nutricao
    • Protecao do meio ambiente
    • Direitos humanos
    • Cidadania
    • Praticas democraticas e participativas
    • Cultura da nao violencia
    • Eliminar o trabalho infantil
    • Eliminar exploracao sexual de crianca
    • Apoio a minorias e grupos excluidos
    • Questoes indigenas
  • 24. ALGUMAS INSTITUIÇÕES ONDE CAPTAR RECURSOS
    • Fundacao inter-americana (IAF)-agricultura sustentavel
    • Fundo Canada-geracao renda, saude, alimentacao, educacao
    • Fundacao Ford- genero, d.h, saude publica, educacao, minorias
    • Vitae – cultura, educacao, capacitacao profiss, deficientes
    • WWF-meio ambiente
    • Boticario - meio ambiente, recuperacao, conservacao
    • Microsoft, HP, Oracle, Cisco, IBM – educação e cidadania digital
    • Abrinq – defesa dir. Criancas, educacao, saude
    • Visao mundial – pequenos empreendimentos, microcredito
    • Winrock international – microempreendimentos
    • Habitat para Humanidade-moradias, sistema mutirao
    • Tear Fund-comunidades pobres e remotas, solucoes proprias
    • Bnde s – desenvolv. Comunidade, geracao de renda
    • Bancos Hsbc, Santander, Unibanco, Itau Cultural
    • Embaixadas – pequenas comunidades, geracao de renda
    • Empresas telefonia, bancos, industrias, supermercados, cartao credito, faculdades, laboratorios, prod. quimicos
    • UE - Uniao europeia, cooperacao tecnica, peq empresas
  • 25.  
  • 26. Sucesso para todos Muito Obrigado! ANTONIO CARLOS ROCHA [email_address] (71) 3258-9304

×