Your SlideShare is downloading. ×
Participação em matéria da AE Conteúdo
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Participação em matéria da AE Conteúdo

53
views

Published on


0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
53
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. [22/04/2013 - 09:45]Crédito com juro mais baixo pessiona margens doBradesco, avalia GBMSão Paulo, 22/04/2013 - Os números apresentados pelo Bradesco, que iniciou a temporadade divulgações do primeiro trimestre entre os grandes bancos do Brasil nesta manhã, foram"marginalmente" positivos", mas a renovação da carteira de crédito da instituição com jurosmais baixos continuou pressionando as margens para baixo. A análise é de Andre RivaGargiulo, do Grupo Bursátil Mexicano (GBM), em relatório enviado a clientes.A taxa anualizada da margem financeira de juros do Bradesco foi de 7,2% no primeirotrimestre de 2013, com leve queda de 0,1 ponto porcentual em relação ao trimestre anterior.A queda é justificada, conforme explica o Bradesco no relatório que acompanha as suasdemonstrações financeiras, pela redução da taxa média da margem de crédito, que foiimpactada pela queda das taxas de juros praticadas, conjugada com a mudança de mix dacarteira de crédito."Apesar da relativa estabilidade nas taxas em todo o sistema neste trimestre, a renovação dacarteira a preços mais baixos ainda pesa sobre a margem financeira da empresa, queapresentou o seu quarto declínio", atenta Gargiulo, do GBM.Apesar de positivos os números do Bradesco vieram um pouco abaixo das estimativas doGrupo Bursátil Mexicano. A carteira de crédito expandida do banco, que inclui avais e fianças,encerrou março em R$ 391,682 bilhões, aumento de 1,6% em relação ao quarto trimestredo ano passado. Na comparação com o mesmo período de 2012 foi vista alta de 11,6%.O lucro líquido contábil do Bradesco foi de R$ 2,919 bilhões, cifra 4,5% maior que de janeiroa março de 2012, de R$ 2,793 bilhões. Na comparação com o trimestre imediatamenteanterior, foi obtida leve expansão de 0,9%. "Os números foram marginalmente positivosuma vez que já apresentam ligeiras melhorias em algumas macro tendências importantes,mar reiteram que o ambiente competitivo permanece como um desafio", conclui o analistado GBM. (Aline Bronzati - aline.bronzati@estadao.com)Copyright © 2013 Agência Estado. Todos os direitos reservadosPágina 1 de 1AE Conteúdo26/04/2013http://www.aeconteudo.com.br/negocios/setoriais/financeiro/noticia.htm?d=2013-04-22&id=124

×