Tectônica global

4,626 views
4,441 views

Published on

Published in: Education
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
4,626
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
73
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Tectônica global

  1. 1. ERIC SANTOS ARAUJO TECTÔNICA GLOBAL 15 / 04 / 2009
  2. 2. Pangea Pan >todo Gea > Terra Divisão em 02 continentes
  3. 3. Origem da Tectônica de Placas Divisão em 02 continentes É a teoria geológica mais aceita atualmente para explicar a deriva continental.
  4. 4. Origem da Tectônica de Placas Divisão em 02 continentes Surgiu no século XX com as idéias visionárias e pouco convencionais do cientista alemão Alfred Wegener, que se dedicava a estudos metereológicos, astronômicos, geofísicos e paleontológicos.
  5. 5. A Terra é um planeta dinâmico... Se fosse fotografada a cada século desde a sua formação até hoje e fizéssemos um filme, mostraria um planeta azul se contorcendo com os continentes ora colidindo ora se afastando entre sí.
  6. 6. DISTRIBUIÇÃO PLANETÁRIA
  7. 7. Como parte do "Cinturão de Fogo" que se estende ao longo do Pacífico, o México possui vários dos mais ativos vulcões do mundo, sendo que o mais famoso é o Como parte do "Cinturão de Fogo" que se estende ao longo do Pacífico, o México possui vários dos mais ativos vulcões do mundo, sendo que o mais famoso é o Popocatepl Como parte do "Cinturão de Fogo" que se estende ao longo do Pacífico, o México possui vários dos mais ativos vulcões do mundo, sendo que o mais famoso é o
  8. 8. Como parte do "Cinturão de Fogo" que se estende ao longo do Pacífico, o México possui vários dos mais ativos vulcões do mundo, sendo que o mais famoso é o Teoria da Deriva Continental e Tectônica de Placas Como parte do "Cinturão de Fogo" que se estende ao longo do Pacífico, o México possui vários dos mais ativos vulcões do mundo, sendo que o mais famoso é o
  9. 9. Como parte do "Cinturão de Fogo" que se estende ao longo do Pacífico, o México possui vários dos mais ativos vulcões do mundo, sendo que o mais famoso é o Principais evidências da Deriva Continental 1 – Presença de fósseis de Glossopteris > tipo de giminosperma primitivo em regiões da África e Brasil correlacionáveis; 2 – evidências de glaciação, ( 300 Ma) na região sudeste do Brasil, sul da África, Índia, Oeste da Austrália e Antártica Como parte do "Cinturão de Fogo" que se estende ao longo do Pacífico, o México possui vários dos mais ativos vulcões do mundo, sendo que o mais famoso é o
  10. 10. Divisão em 02 continentes
  11. 11. Em 1915 Wegener reuniu as evidências que encontrou para Justificar a teoria da Deriva Continental , em um livro denominado “ A Origem dos Continentes e Oceanos” sem contudo saber como tais massas tinha se deslocado. Nos anos 30 a teoria de Wegener foi Esquecida e não mais comentada pelos Cientistas da época.                                                                                                                                                                           Crédito da imagem: NASA Tradução de Arnaldo Poesia
  12. 12. O RESSURGIMENTO DA TEORIA DA DERIVA CONTINENTAL Década de 1940 > 2ª Guerra Mundial: Submarinos e sonares.... Final dos anos 40 >Universidade de Columbia e Princeton (E.U.A. Mapeamento do fundo do Oceano Atlantico > cadeia de montanhas Submarinas denominadas Dorsal ou Cadeia Meso-Oceânica ( 84.000 km x 1.000 km.) > fluxo térmico mais elevado Correspondendo a uma grande atividade sismica e vulcânica.                                                                                                                                                                           Crédito da imagem: NASA Tradução de Arnaldo Poesia
  13. 13.                                                                                                                                                                           Crédito da imagem: NASA Tradução de Arnaldo Poesia
  14. 14. O SURGIMENTO DA TEORIA DA TECNÔNICA GLOBAL Final dos anos 50.... Estudo de magnetismo das rochas do fundo oceânico, realizados Na porção NE do Oceano Pacífico, mostraram anomalias magnéticas
  15. 15. PLACAS TECTÔNICAS O Planeta Terra está geologicamente dividido em domínios concentricos maiores, sendo o externo constituído pela Litosfera ( parte superior conhecida como crosta e a inferior E mais externa composta por rochas do manto superior). A crosta é formada predominantemente por rochas graníticas e possui uma espessura que varia de 5 a 10 km                                 
  16. 16. Litosfera Tem uma espessura variada, com uma média de Aproximadamente 100 km.É compartimentada por falhas E fraturas profundas em Placas Tectônicas. Sua natureza pode ser de origem oceânica ou composta de crosta continental.                                 
  17. 17. Placa Oceânica x Placa continental Oceânicas são aquelas que se encontram submersas pelos oceanos enquanto as placas continentais são designadas como aquelas que encontram-se no continente.                                 
  18. 18. PLACAS TECTÔNICAS Existem várias Placas Tectônicas de diferentes tamanhos, porém as mais importantes são : 1 – Placa Africana : abrange todo o continente africano e através de sua colisão com a Placa Euriasiática surgiu o Mar Mediterrâneo e o Vale do Rift; 2 – Placa da Antártida : Abrange toda a Antártida e a região austral dos oceanos; 3 – Placa Euroasiática : abrange o continente europeu e asiático, exceto a Índia, Arábia e parte da Sibéria; 4 – Placa Norte-Americana : abrange a América do Norte, parte ocidental do Oceano Atlântico norte e parte da Sibéria; 5 – Placa Sul-Americana : abrange a América do Sul e o leste da Crista Oceânica do Atlântico;                                 
  19. 19. PLACAS TECTÔNICAS 6 – Placa do Pacífico : abrange a maior parte do Oceano Pacífico e através da sua colisão com a Placa da Antartida surgiu a Placa Pacífico-Antartida; 6 – Placa Indo-Australiana : Abrange a Placa Australiana e a Placa Indiana, atingindo grande parte do Oceano Índico e parte do Himalaia;                                 
  20. 20. PLACAS TECTÔNICAS                                 
  21. 21. Tipos de limites entre placas litosféricas 1 – Limites Divergenetes : marcado pelas dorsais meso-oceânicas, Onde as placas tectôicas afastam-se uma da outrs, formando uma nova placa oceânica; 2 – Limites Convergentes : onde as placas tectônicas colidem, com a mais densa mergulhando sobre a outra, gerando um intenso magmatismo a partir de processos de fusão parcial da crosta que mergulhou; 3 – Limites Conservativos : onde as placas tectônicas deslizam lateralmente uma em relação à utra, sem destruição ou geração de outras crostas. É em trono destes limites de placas que concentra a mais intensa atividade geológica do planeta, como sísmos, vulcanismo, tsunamis etc...                                 
  22. 22. A velocidade do deslocamento das placas tectônicas A velocidade do deslocamento das placas tectônicas É considerada de 2 a 3 cm/ano. As placas Sul-|Americanas e Africana mostram baixa Velocidade enquanto que a Placa do Pacífico mostram Maiores velocidades de deslocament Hot Spot ou Pontos Quentes são pontos de referência na superfície da terra que registram atividadees magmáticas Ligadas a porções ascendentes de material quente do manto denominadas Plumas do Manto                                 
  23. 23. Margens continentais É uma consequência da tectônica de placas, onde os continentes fragmentam-se e juntam-se periodicamente no tempo Geológico As evidências geológicas são encontradas em áreas de margens dos Continentes atuais ou que foram no passado geológico. Existem dois tipos de margens continentais Margens Continentais Ativas : Situadas nos limites convergentes de placas tectÔnicas, onde ocorrem a zona de subducção e formam aqs cordilheiras no processo conhecido como Orogênese . O exemplo na America Do Sul é a costa do Pacífico, onde a cadeia Andina encontra-se atualmente em desenvolvimento                                 
  24. 24. Margens continentais Margens Continentais Passiva : Situadas nos limites convergentes de placas tectÔnicas, onde ocorrem a zona de subducção e formam aqs cordilheiras no processo conhecido como Orogênese . O exemplo na America Do Sul é a costa do Pacífico, onde a cadeia Andina encontra-se atualmente em desenvolvimento                                 
  25. 25. Um processo geológico da importancia e magnitude da fragmentação do supercontinente Pangea não ocorreu somente nos últims 200 milhões de anos da história geológica da Terra.                                 
  26. 26. Estudos baseados principalmente na geocronologia, estudos paleomagnéticos e geotectônica, demonstram que a aglutinação e separação de massas continentais ocorreram em diversias áreas no passado e que o Pangea foi a ultima aglutinação importantes . Os primeiros blocos da crosta continental formaram-se há 3,96 bilhões de anos e foram crescendo através de orogêneses, até atingir as dimensões atuais.                                 
  27. 27. TSUNAMI O termo foi criado por pescadores que, vindo da pesca, encontraram o porto desvastado, ainda que não tenham visto nem observado a onda no alto mar
  28. 28. TSUNAMI Os tsunamis , que devastaram a Ásia, são ondas gigantescas provocadas por sismos submarinos. Eles afetam principalmente zonas com fortes movimentos tectônicos, como algumas regiões do Pacífico e da Ásia. Folhaonline 24/12/2004
  29. 29. TSUNAMI Em 17 de Julho de 1998, na sequência de dois sismos de 7 graus na escala Richter, um maremoto com três ondas de dez metros de altura devastou 30 quilômetros da costa da Papua-Nova Guiné, riscando do mapa sete aldeias e causando a morte de pelo menos 2.000 pessoas .
  30. 30. podem ser gerados sempre que o fundo do mar sofre uma deformação súbita, deslocando verticalmente a massa de água Os movimentos verticais da crosta são muito importantes nas fronteiras entre as placas litosféricas.
  31. 31. Os tsunamis têm um comportamento muito diferente das típicas ondas de surf; propagam-se a altas velocidades e podem percorrer distâncias transoceânicas sem grande perda de energia. Um tsunami pode causar estragos a milhares de quilómetros de distância da sua origem
  32. 32. Data Magnitude Alt. máx. Mortes Local 02-09-1992 7.2 10 m 170 Nicarágua 12-12-1992 7.5 26 m 1000 Ilha de Flores , Indonésia 12-07-1993 7.6 30 m 200 Hokaido 02-06-1994 7.2 14 m 220 Java 04-10-1994 8.1 11 m 11 Ilhas Curilas 14-11-1994 7.1 7 m 70 Mindoro 21-02-1996 7.5 5 m 12 Peru 17-07-1998 7.0 15 m 2000 Nova Guiné 23-06-2001 8.3 5 m 50 Peru 26-12-2004 9.0 +-220000 Oceano Índico
  33. 33. TSUNAMIS 2005 LOUISIANIA(EUA) - Furacão -1000 pessoas morreram PAQUISTÃO E INDIA – Terremoto - 80 mil pessoas desabrigadas AMÉRICA CENTRAL – Enchentes – 1400 pessoas morreram
  34. 34. Madra na Índia 8,9 gráus na escala Richter
  35. 35. Praia de Phuket na Tailândia
  36. 36. Carros arrastados pelas ondas Phuket - Tailândia
  37. 37. Casas invadidas pelas águas - Índia
  38. 38. Casas invadidas pelas águas - Índia
  39. 39. Barcos arrastados- Tailândia Folhaonline
  40. 40. Tremor na Itália mata ao menos 92; desabrigados são 100 mil 06 de abril de 2009( 6.3 graus na escala Richter )
  41. 41. Um forte terremoto sacudiu a região central da Itália enquanto moradores dormiam na madrugada desta segunda-feira(06_04_2009), matando mais de 250 pessoas e deixando mais de 100 mil desabrigados e cerca de 1,5 mil feridos, informam as autoridades italianas.
  42. 42. Tremor em Aquilla – Itália 07 de abril de 2009 5.3 gráus na escala Richter

×