Your SlideShare is downloading. ×
Celula
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Saving this for later?

Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime - even offline.

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Celula

1,455
views

Published on


0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,455
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
77
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. CÉLULA E SUAS ORGANELASMEMBRANA PLASMÁTICAProfessora: Ana Cláudia P. N. Guedes
  • 2. FunçõesProteçãoPermeabilidadeSeletivaComposiçãoQuímicaLipídeosProteínasPropriedadesElasticidadeRegeneraçãoMEMBRANA PLASMÁTICA
  • 3. ProteínasLipídeosO MODELO DA MEMBRANA PLASMÁTICA É DENOMINADO MOSAICO FLUÍDO PORQUE ASMOLÉCULAS DE PROTEÍNAS NÃO ESTÃO FIXAS E SIM MERGU-LHADAS ENTRE AS MOLÉCULASDE FOSFOLIPIDIOS. ESSE MODELO FOI PROPOSTO POR SINGER E NICHOLSONMEMBRANA PLASMÁTICAglicocálixA MEMBRANA POSSUI UMA PORÇÃO HIDROFÍLICA QUE CORRESPONDE ÀS CAMADAS EXTERNAS DELIPÍDEOS E UMA PORÇÃO HIDROFÓBICA, CORRESPONDENTE À CAMADA INTERNA DA MEMBRANA.HIDROFOBIAHIDROFILIA
  • 4. AUMENTAM A SUPERFÍCIE DEABSORÇAO DE ÁGUA NOSTÚBULOS RENAISINVAGINAÇÕES DE BASEENCONTRADAS NO EPITÉLIO DEREVESTIMENTO DO INTESTINOONDE AUMENTAM A SUPERFÍCIEDE ABSORÇAO DE NUTRIENTES.MICROVILOSIDADESESPECIALIZAÇÕES PARA AUMENTAR A SUPERFÍCIE DE ABSORÇÃOMEMBRANA PLASMÁTICA
  • 5. Meio extracelularDesmossomoInterdigitaçãoDesmossomoMEMBRANA PLASMÁTICADESMOSSOMOS E INTERDIGITAÇÕES SÃO ENCONTRADOSNO TECIDO EPITELIAL DE REVESTIMENTO.ESPECIALIZAÇÕES PARA AUMENTAR A ADERÊNCIA.
  • 6. A MEMBRANA PLASMÁTICAESTRUTURAO modelo do mosaico fluido afirma que moléculasprotéicas estão em dupla camada lipídica, mas com livremovimentação.FUNÇÃO Permeabilidade seletiva e reconhecimento celular.ESPECIALIZAÇÕESMicrovilosidadesOcorrem no epitélio intestinal eservem para aumentar a superfíciede absorção.Invaginações debasePromovem o transporte de águanos canalículos renais.Desmossomos einterdigitaçõesServem para promover a adesãoentre as células epiteliais.R E S U M OMEMBRANA PLASMÁTICA
  • 7. NÃO GASTAENERGIAGRANDESMOLÉCULASGASTAENERGIAPassivo Ativo QuantidadeTRANSPORTESMEMBRANA PLASMÁTICA
  • 8. DIFUSÃO SIMPLES: OCORRE QUANDO UMA SUBSTÂNCIA PASSA DO MEIOONDE ELA ESTÁ EM MAIOR CONCENTRAÇÃO PARA UM MEIO ONDE ELA SEENCONTRA EM MENOR CONCENTRAÇÃO, PORTANTO A FAVOR DE UMGRADIENTE DE CONCENTRAÇÃO, SEM GASTO DE ENERGIA.MEMBRANA PLASMÁTICAÁGUASACAROSESolução A Solução B
  • 9. Difusão simplesPASSAGEM DE SUBSTÂNCIAS DE ONDE TEM MAIS PARA ONDE TEM MENOS
  • 10. OSMOSE: É A PASSAGEM DO SOLVENTE (LÍQUIDO) DO MEIO DE MENOR CONCENTRAÇÃO (HIPOTÔNICO)PARA O MEIO DE MAIOR CONCENTRA-ÇÃO (HIPERTÔNICO) ATRAVÉS DE UMA MEMBRANASEMIPERMEÁVEL ATÉ O ESTABELECIMENTO DE UMA IGUALDADE DE CONCENTRAÇÕES (ISOTONIA)Perde GanhaHipo HiperISOTONIAS O L V E N T EM.S.PMEMBRANA PLASMÁTICA
  • 11. MEMBRANA PLASMÁTICAHEMÁCIAS SÃOCÉLULAS SANGUÍNEASRESPONSÁVEIS PELOTRANSPORTE DE GASES(PRINCIPALMENTE OOXIGÊNIO). SÃO CÉLULASANUCLEADAS COMFORMA DE DISCOBICÔNCAVO.EXPERIÊNCIAS COM HEMÁCIAS
  • 12. EXPERIÊNCIAS COM HEMÁCIAS COLOCADAS EM MEIO ISOTÔNICONÃO ACONTECE NADA COM AS HEMÁCIAS, POIS SUA CONCENTRAÇÃO É IGUAL À DO MEIOH2OH2OMEMBRANA PLASMÁTICA
  • 13. EXPERIÊNCIAS COM HEMÁCIAS COLOCADAS EM MEIO HIPERTÔNICOH2OH2OH2OSE O MEIO É HIPERTÔNICO EM RELAÇÃO ÀS HEMÁCIAS, ENTÃO AS HEMÁCIAS SÃO HIPOTÔNICASEM RELAÇÃO AO MEIO, PORTANTO PERDEM ÁGUA PARA O MEIO E FICAM CRENADAS (MURCHAS)MEMBRANA PLASMÁTICA
  • 14. EXPERIÊNCIAS COM HEMÁCIAS COLOCADAS EM MEIO HIPOTÔNICOSE O MEIO É HIPOTÔNICO EM RELAÇÃO ÀS HEMÁCIAS, ENTÃO AS HEMÁCIAS SÃO HIPER-TÔNICAS EM RELAÇÃO AO MEIO, PORTANTO GANHAM ÁGUA DO MEIO E SOFREM HEMÓLISEH2OH2OH2OMEMBRANA PLASMÁTICA
  • 15. PLASMÓLISE: É O FENÔMENO QUE OCORRE QUANDO UMACÉLULA VEGETAL É COLOCADA EM SOLUÇÃO HIPERTÔNICA.MEMBRANA PLASMÁTICAMEIO HIPERTÔNICOvacúolonúcleovacúolonúcleoCélula plasmolisadaH2OH2OSE O MEIO É HIPERTÔNICO EM RELAÇÃO À CÉLULA, ENTÃO A CÉLULA É HIPOTÔNICA EMRELAÇÃO AO MEIO, PORTANTO PERDE ÁGUA PARA O MEIO E FICA PLASMOLISADA (MURCHA)
  • 16. VACÚOLONÚCLEOMEIO HIPOTÔNICOCélula túrgidaMEMBRANA PLASMÁTICATURGESCÊNCIA: É O FENÔMENO QUE OCORRE QUANDO UMACÉLULA VEGETAL É COLOCADA EM SOLUÇÃO HIPOTÔNICA.SE O MEIO É HIPOTÔNICO EM RELAÇÃO À CÉLULA, ENTÃO A CÉLULA É HIPERTÔNICAEM RELAÇÃO AO MEIO, PORTANTO GANHA ÁGUA DO MEIO E FICA TÚRGIDA (CHEIA)
  • 17. ISOTONIAP.CM.Pnúcleovacúolode sucocelularMEIO HIPOCÉL. TÚRGIDAPLASMÓLISEMEIO HIPERCÉL. PLASMOLISADADEPLASMÓLISEH2OH2OH2OH2OH2OH2OFLUXO DE ÁGUA NAS CÉLULAS VEGETAISMEMBRANA PLASMÁTICA
  • 18. RESUMOplasmólisemeio hipertônicodeplasmólisemeio hipotônicoprotoplasmaretraídoPLASMÓLISE E DEPLASMÓLISE.MEMBRANA PLASMÁTICA
  • 19. FLUXO DE ÁGUA NAS CÉLULAS VEGETAISD P D = P O - P T S C = S i - MMEMBRANA PLASMÁTICAouDPD = DÉFICIT DE PRESSÃO DE DIFUSÃOPO = PRESSÃO OSMÓTICAPT = PRESSÃO DE TURGESCÊNCIASC = SUCÇÃO CELULARSI = SUCÇÃO INTERNAM = PRESSÃO DA MEMBRANA
  • 20. GLICOSERECONHECIMENTOM.PLIBERAÇÃOMEMBRANA PLASMÁTICACAPTURAM.P M.PTRANSLOCAÇÃOGlicoseM.PPermeaseDIFUSÃO FACILITADA: É A PASSAGEM DE SUBSTÂNCIAS ATRAVÉS DAMEMBRANA PLASMÁTICA COM A AJUDA DE FACILITADORES, TAMBÉMCHAMADOS DE CARREADORES DE MEMBRANA OU PERMEASES (ENZIMAS)RECONHECIMENTOM.P M.PM.P M.PTRANSLOCAÇÃOCAPTURA LIBERAÇÃOGLICOSE
  • 21. PASSAGEM DE SUBSTÂNCIAS COM A AJUDA DE FACILITADORES (PROTEÍNAS)MEMBRANA PLASMÁTICA
  • 22. MEMBRANA PLASMÁTICAEx: BOMBA DE Na+ e K+ : O K+ é ENCONTRADO EM MAIOR QUANTIDADE DENTRODA CÉLULA ENQUANTO O Na+ é ENCONTRADO EM MAIOR QUANTIDADE FORA DACÉLULA, PORTANTO COM TENDÊNCIA A ACORRER A DIFUSÃO SIMPLES. PORÉMA CÉLULA BOMBEIA K+ PARA DENTRO E Na+ PARA FORA, MESMO CONTRA UMGRADIENTE DE CONCENTRAÇÃO (JÁ ESTÁ CHEIO E A CÉLULA JOGA MAIS).K+Na+K+Na+K+Na+DIFUSÃO SIMPLES TRANSPORTEATIVOTRANSPORTE ATIVO: É A PASSAGEM DE SUBSTÂNCIAS ATRAVÉS DAMEMBRANA PLASMÁTICA CONTRA UM GRADIENTE DE CONCENTRAÇÃOCOM CONSEQUENTE GASTO DE ENERGIA (ATP).
  • 23. MEMBRANA PLASMÁTICATRASPORTEEMQUANTIDADEENDOCITOSEEXOCITOSEFAGOCITOSEPINOCITOSECLASMOCITOSEGRANDESMOLÉCULASENGLOBAMENTOELIMINAÇÃO RESÍDUOSLÍQUIDOSSÓLIDOS
  • 24. MEMBRANA PLASMÁTICACanal depinocitosePartícula líquidapinossomoPINOCITOSE: É O ENGLOBAMENTO DE PARTÍCULAS LÍQUIDAS PELA CÉLULAA PARTÍCULA ENGLOBADA SERÁ, POSTERIORMENTE, DIGERIDA PELOS LISOSSOMOS
  • 25. MEMBRANA PLASMÁTICAPartícula sólidaFAGOCITOSE: É O ENGLOBAMENTO DE PARTÍCULAS SÓLIDAS PELA CÉLULAA PARTÍCULA ENGLOBADA SERÁ, POSTERIORMENTE, DIGERIDA PELOS LISOSSOMOSFagossomoLisossomosPseudópodes
  • 26. MEMBRANA PLASMÁTICARESÍDUOSVacúolo resídualCLASMOCITOSE: É A ELIMINAÇÃO DE RESÍDUOS DA DIGESTÃO CELULAR
  • 27. RESUMODIFUSÃO SIMPLESMEMBRANA PLASMÁTICAM.PS U B S T Â N C I A SMEIO MEIO][ ][
  • 28. RESUMOTRANSPORTE ATIVOMEMBRANA PLASMÁTICAM.PS U B S T Â N C I A SMEIO][MEIO][
  • 29. RESUMODIFUSÃO FACILITADAMEMBRANA PLASMÁTICAM.PM O L É C U L A SPERMEASEMEIO INTERNOMEIO EXTERNO
  • 30. SÓLIDOSFAGOCITOSELÍQUIDOSPINOCITOSERESÍDUOSCLASMOCITOSETRANSPORTE EM QUANTIDADERESUMOMEMBRANA PLASMÁTICA