• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Elevadores 1
 

Elevadores 1

on

  • 479 views

Baita aplicação das leis de Newton, Gente!!

Baita aplicação das leis de Newton, Gente!!

Statistics

Views

Total Views
479
Views on SlideShare
479
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
3
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Elevadores 1 Elevadores 1 Presentation Transcript

    • ELEVADORES1) CASO : ELEVADOR EM REPOUSO FORÇA RESULTANTE NULA. FR = 0N N = P NESTE CASO,P NÃO EXISTE PESO APARENTE.
    • 2) CASO : ELEVADOR EM MRU FORÇA RESULTANTE NULA. FR=0N N = P NESTE CASO,P NÃO EXISTE PESO APARENTE.
    • OBSERVAÇÕES :QUANDO O ELEVADOR ESTIVERACELERANDO OU RETARDANDO ,A NORMAL PASSA A SER CHAMA-DA DE PESO APARENTE , ISTO É ,TEMOS UMA NOVA NORMAL . N’= NOVA NORMAL OU PESO APARENTE P = PESO REAL
    • 3) ELEVADOR EM MRUA COM VELOCIDADE AUMENTANDO PARA CIMA.FR a V
    • 3) CASO : ELEVADOR SUBINDO EM MRUA FORÇA RESULTANTE NÃO NULA N’ N ’ >P FR=m.a N’–P=m .a P N ’ = P+m.a N’ = mg + m.a N ’ = m . (g+a) Neste caso, a pessoa aparenta pesar mais .
    • 4 ) ELEVADOR EM MRUR COM VELOCIDADE DIMINUINDO PARA BAIXO.FR a c V
    • 4) CASO : ELEVADOR DESCENDO EM MRUR FORÇA RESULTANTE NÃO NULA. N’ N ’ >P FR=m.a N ’ - P = m .a N’=P+m.a P N’ = m .g + m . aNESTE CASO, N’=m.(g+a) A PESSOA APARENTA PESAR MAIS .
    • 5) ELEVADOR EM MRUA COM VELOCIDADE AUMENTANDO PARA BAIXO.FR a V
    • 5) CASO : ELEVADOR DESCENDO EM MRUA FORÇA RESULTANTE NÃO NULA N’ N’<P FR=m.a P– N ’ = m . a P N ’ = P - m.a N’ = mg - m.a N ’ = m . (g - a) Neste caso, a pessoa aparenta pesar menos.
    • 6) ELEVADOR EM MRUR COM VELOCIDADE DIMINUINDO PARA CIMA.FR a V
    • 6) CASO : ELEVADOR SUBINDO EM MRUR FORÇA RESULTANTE NÃO NULA N’ N ’< P FR=m.a P– N’ = m . a N ’= P - m.a N ’ = mg - m.a P N ’ = m . (g - a) Neste caso, a pessoa aparenta pesar menos.
    • 7) CASO : ELEVADOR EM QUEDA LIVRE ( ARREBENTA O CABO DO ELEVADOR ) A PESSOA, NÃO N=0 TOCA NO CHÃO E NEM NA BALANÇA . O PESO É DIFERENTE DE ZERO. P A PESSOA TEM A SENSA- ÇÃO DE ESTAR FLUTUANDO.