As Tecnologias da Informação e a integração sócio-cultural: o papel do profissional da informação frente a ciberculturalidade
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

As Tecnologias da Informação e a integração sócio-cultural: o papel do profissional da informação frente a ciberculturalidade

on

  • 4,350 views

Minicurso ministrado no XXI EREBD N/NE - Encontro de Estudantes de Biblioteconomia, Documentação, Ciência e Gestão da Informação. Em Recife - Pernambuco

Minicurso ministrado no XXI EREBD N/NE - Encontro de Estudantes de Biblioteconomia, Documentação, Ciência e Gestão da Informação. Em Recife - Pernambuco

Statistics

Views

Total Views
4,350
Views on SlideShare
4,338
Embed Views
12

Actions

Likes
4
Downloads
10
Comments
0

1 Embed 12

http://www.slideshare.net 12

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

As Tecnologias da Informação e a integração sócio-cultural: o papel do profissional da informação frente a ciberculturalidade As Tecnologias da Informação e a integração sócio-cultural: o papel do profissional da informação frente a ciberculturalidade Presentation Transcript

  • Grupo de Pesquisa PPGL/UFC XII EREBD N/NE AS TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E A INTEGRAÇÃO SÓCIO-CULTURAL: O PAPEL DO PROFISSIONAL DA INFORMAÇÃO FRENTE À CIBERCULTURALIDADE Airtiane Rufino airtiane@gmail.com Recife – PE 2009
  • APRESENTAÇÃO Integrante do Grupo de Pesquisa HIPERGED – Hipertexto e Gêneros Digitais Bolsista de Iniciação à Docência – área de concentração: Tecnologia da Informação Graduanda em Biblioteconomia pela Universidade Federal do Ceará Contato: airtiane@gmail.com
  • CONTEÚDO PROGRAMÁTICO Unidade 1: Tecnologias da Informação 1.1 Apresentação de conceitos 1.2 Exemplificação do uso das Tecnologias da Informação na Biblioteconomia
  • CONTEÚDO PROGRAMÁTICO Unidade 2: Ciberculturalidade 2.1 Inserção das Tecnologias da Informação no processo de integração sócio-cultural 2.2 Debate acerca do papel do profissional da informação frente à ciberculturalidade
  • 1 TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO
  • 1.1 APRESENTAÇÃO DE CONCEITOS ? Tecnologia ? Tecnologias da Informação Profissional da Informação ? ? Cultura Cibernética ? ? Cibercultura
  • “Tecnologia” A tecnologia é um meio para um fim, isto é, uma ferramenta que auxilia os especialistas – em especial, os da informação – a atingir seus propósitos e objetivos. (MARCHIORI, 2003, p. 77)
  • “Tecnologias da Informação” As Tecnologias da informação não são simplesmente ferramentas a serem aplicadas, mas processos a serem desenvolvidos. (CASTELLS, 1999, p. 51)
  • Tecnologias = manual Tecnologias da Informação = intelectual
  • Tecnologias da Informação mais usuais nos dias de hoje
  • “Profissional da Informação” O profissional que, além de desenvolver um conjunto de habilidades e técnicas profissionais para a execução de suas atividades convencionais, busca pensar e planejar de maneira estratégica suas atividades antes de realizá-las, visando uma atualização constante de seu conhecimento e de sua formação.
  • Para profissionais da informação, mais que domínio de tecnologias, importa sua capacidade de aprender de forma rápida e constante, sua flexibilidade para trabalhar em diferentes sistemas e exigências de informação e conhecimento, sua capacidade de assumir riscos, de atender ao público, suas habilidades interpessoais [...] (MARCHIORI, 2003, p. 77)
  • “Cultura” Conjunto de manifestações artísticas, sociais, lingüísticas e comportamentais de um povo ou civilização. Uma das capacidades que diferenciam o ser humano dos animais irracionais é a capacidade de produção de cultura.
  • “Cultura” Um processo em constante transformação, diferenciando-se da tradicional visão patrimonialista, adotando uma postura de mobilidade e ação. (CANCLINI, 1997)
  • “Cibernética” Ciência que se ocupa dos processos de direção nos sistemas dinâmicos complexos etem como fundamento teórico as matemáticas e a lógica, bem como o emprego da automatização, especialmente dos computadores eletrônicos e das máquinas de controle e lógico-informativas. (JRAMOI, 1970?)
  • “Cibernética” Ciência que tenta compreender a comunicação e o controle de máquinas, seres vivos e grupos sociais através de analogias com máquinas mecânicas. Agrupa conhecimentos da lógica, da filosofia e (A. Moles, 1973) da matemática.
  • “Cibercultura” Cultura surgida a partir da abertura de um novo espaço de comunicação: o ciberespaço.
  • Internet
  • 1.2 Exemplificação do uso das Tecnologias da Informação na Biblioteconomia Blogs E-mail Mensagens Instantâneas Wikis Comunidades Virtuais Grupos e Listas de Discussão
  • Blog
  • E-mail
  • Wikis
  • Grupo de Discussão
  • Profissional da Informação e Tecnologias da Informação Saber que as Tecnologias de Informação existem Conhecer estas Tecnologias Pensar sobre seu uso para a melhoria da área Buscar aperfeiçoamento para utilizá-las Incentivar a sociedade para um melhor uso destas Tecnologias
  • 2 CIBERCULTURALIDADE
  • 2.1 Inserção das Tecnologias da Informação no processo de integração sócio-cultural Internet Comunidades Virtuais Viver sem fronteiras Cultura do virtual Grupos e Listas de Discussão Compartilhamento de informações
  • Comunidade Virtual
  • Mensagens instantâneas
  • Página do Blog BSF
  • Página do Blog da Airtiane
  • Página Inicial do YouTube
  • Página Inicial do Flickr
  • Página Inicial do MySpace
  • Página Inicial do Del.ici.ous
  • “A Nova Cultura” Algumas características dessa “nova cultura”: Hipertextualidade (texto do leitor) Hipermodalidade (texto, imagens e sons) Possibilidades de “ser”, “fazer”, “editar”, “publicar” e “tirar de circulação”.
  • A Comunicação é a essência da atividade humana. Se você muda as formas de comunicação da sociedade, muda também a sociedade. (CASTELLS, 2003)
  • “Os Desafios da Sociedade em Rede” Sociedade Natureza Protesto Deterioração de ambiente natural Insegurança no emprego Crescimento da pobreza Desigualdade Aceleração da vida
  • Liberdade Insegurança Descontrole
  • Comunicação livre e global “Na Internet, ninguém sabe que você é um cachorro.”
  • A Exclusão das Redes Ser excluído é ser condenado à marginalidade Essa exclusão pode ser produzida por diferentes mecanismos Efeitos da exclusão
  • Estabelecimento da capacidade de processamento de informação e geração de conhecimento em cada um de nós e, particularmente, em cada criança.
  • A emergência da empresa de rede e a individualização dos padrões de emprego
  • Degradação ambiental
  • Nosso maior desafio Existem responsáveis pelas informações em rede??? Quem são os responsáveis pelo controle destas informações??? Existem pessoas ou instituições dispostas a enfrentar tais desafios???
  • A Sociedade em Rede Portais Weblogs Sites de EaD Relacionamento Comunidades Fotologs E-fórum Chats E-mail Wikis
  • “Talvez haja outra opção. Imagino que alguém poderia dizer: “Por que você não me deixa em paz? Não quero ter nada a ver com sua Internet, sua civilização tecnológica ou sua sociedade em rede! Só quero viver a minha vida!” Bem, se esta é a sua posição, tenho más notícias para você. Se você não se importa com as redes, as redes se importarão com você, de todo modo. Pois, enquanto quiser viver em sociedade, neste tempo e neste lugar, você terá de estar às voltas com a sociedade de rede. Por que vivemos na Galáxia da Internet.” Manuel Castells (2003, p. 230)
  • 2.2 O papel do profissional da informação frente à ciberculturalidade Como o profissional da informação pode se inserir na sociedade em rede??? Como o profissional da informação ver a ciberculturalidade??? Como essa “nova” cultura deveria ser vista???
  • Referências de Sites http://www.youtube.com/ http://airtiane.wordpress.com/ http://flickr.com/ http://bsf.org.br/ http://cin5329.wikidot.com/ http://www.myspace.com/ http://br.groups.yahoo.com/ http://delicious.com/ http://orkut.com
  • Referências ARAÚJO, Júlio César; BIASI-RODRIGUES, Bernardete (Orgs.). Interação na Internet: novas formas de usar a linguagem. Rio de Janeiro: Lucerna, 2005. CANCLINI, Néstor García. Cultura y Comunicación: entre lo global y lo local. La Plata: Ediciones de Periodismo y Comunicación, 1997. CASTELLS, Manuel. A Galáxia da Internet. Rio de Janeiro: Zahar, 2003. CASTELLS, Manuel. A Sociedade em Rede. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1999.
  • Referências JRAMOI, A. V. Introdução e história da cibernética. [México]: s. l. , 1970? LÉVY, Pierre. Cibercultura. São Paulo: 34, 1999. MARCHIORI, Patrícia Zeni. A Ciência e a gestão da informação: compatibilidades no espaço profissional. Ciência da Informação, Brasília, v. 31, n. 2, p. 72-79, maio / ago, 2002. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ci/v31n2/12910.pdf Acesso em: 01 set. 2008. MOLES, A. Cibernética e ação. In.: EPSTEIN, Isaac (Org.). Cibernética e comunicação. São Paulo: Cultrix, 1973.