Your SlideShare is downloading. ×
  • Like
Cultura Portuguesa no Brasil
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Now you can save presentations on your phone or tablet

Available for both IPhone and Android

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply
Published

Cultura Portuguesa no Brasil

Cultura Portuguesa no Brasil

Published in Education
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
27,358
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
104
Comments
0
Likes
3

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. ALUNOS: EDUARDO CARLETTO JUNIOR
    EDUARDO FALCHETTI SOVRANI
    GIAN CARLOS MENCATTO
    PAULO ROBERTO MASCARELLO
    VILMAR IBANOR BERTOTTI JUNIOR
  • 2. Introdução
    Movimento populacional de Portugal para o Brasil;
    Segundo grupo que mais povoou o Brasil;
    Deixaram profundas heranças para a cultura e etnicidade do povo brasileiro.
  • 3. Introdução
    Branco Negro Pardo Amarelo Ameríndio
    48,4% 6,8% 43,8 0,6% 0,3%
    Fonte: IBGE/2008
  • 4. Histórico
    No século XVII a emigração para o Brasil se tornou significativa;
    No século XVIII, com o desenvolvimento da mineração, o índice de colonos aumenta;
    Após a independência (século XIX), a emigração portuguesa diminui;
    Primeiros dois séculos de colonização - média anual de 500 imigrantes;
    Século XX – média anual de 25 mil imigrantes;
  • 5. Histórico
    No século XVIII, o Brasil era o maior produtor mundial de ouro e diamantes.
  • 6. Imigração Restrita (1500 – 1700)
    No início, a coroa Portuguesa pouco valorizava as suas colônias nas Américas;
    No século XVI, piratas começaram a rondar o território brasileiro;
    Dessa forma, a Coroa Portuguesa começou a colonização do Brasil;
    A Coroa Portuguesa passou a incentivar a ida de colonos para o Brasil;
    FASES DA IMIGRAÇÃO
  • 7. Nessa época, chegam ricos fazendeiros, mulheres órfãs, degredados, etc. Num período mais tarde, chegam os cristãos-novos e os ciganos;
    O foco da imigração foi a Região Nordeste do Brasil.
    FASES DA IMIGRAÇÃO
    Imigração Restrita (1500 – 1700)
  • 8. FASES DA IMIGRAÇÃO
    Imigração Restrita (1500 – 1700)
    A primeira missa realizada no Brasil
  • 9. Imigração de Transição (1700-1850)
    Aumento de fluxo de imigrações no Brasil;
    Os fatores do crescimento imigratório foram:
    • Adescoberta de ouro nas Minas Gerais e na Região Centro-Oeste;
    • 10. Aprimoramento dos meios de transporte aquáticos;
    A língua portuguesa tornou-se dominante no Brasil;
    FASES DA IMIGRAÇÃO
  • 11. Imigração açoriana direcionada para aRegião Sul do Brasil, da qual buscavam uma vida melhor.
    Fixaram-se ao longo do litoral, vivendo da produção de trigo e da pesca.
    No início do século XIX chega a Família Real Portuguesa e toda a corte.
    FASES DA IMIGRAÇÃO
    Imigração de Transição (1700-1850)
  • 12. FASES DA IMIGRAÇÃO
    Imigração de Transição (1700-1850)
    Embarque da família real portuguesa para o Brasil, 1808
  • 13. Imigração de Massa (1850 – 1960)
    Com o fim do tráfico de negro africanos em 1850, ocorreu:
    • Carência de mão de obra no Brasil;
    • 14. Expansão das plantações de café no país, necessitadas de trabalhadores.
    Dessa forma, o governo brasileiro implantou o trabalho assalariado de imigrantes europeus;
    No século XIX, a imigração portuguesa no Brasil tomou caráter praticamente urbano;
    FASES DA IMIGRAÇÃO
  • 15. FASES DA IMIGRAÇÃO
    Imigração de Massa (1850 – 1960)
    Imigrantes portugueses à espera do navio para o Brasil no Século XX.
  • 16. Imigração de Massa (1850 – 1960)
    A situação econômica também se modificou;
    As cidades do RJ e SP receberam a maioria dos imigrantes de Portugal.
    FASES DA IMIGRAÇÃO
  • 17. FASES DA IMIGRAÇÃO
    Imigração de Massa (1850 – 1960)
    Embarque de café no porto de Santos em 1885.
  • 18. Imigração de Declínio (1960 – 2000)
    A partir da década de 1930, as imigrações caíram;
    Os principais fatores que levaram a redução desse fluxo são que:
    • O estado geral da nação portuguesa ficou marcado pelo desenvolvimento industrial;
    • 19. Houve queda na taxa de natalidade;
    • 20. Houve a expansão do mercado de trabalho europeu e a crise econômica de 1929;
    FASES DA IMIGRAÇÃO
  • 21. Imigração de Declínio (1960 – 2000)
    • Surgiu a política brasileira de proteção do mercado de trabalho nacional;
    • 22. Ocorreu a 2ª Guerra Mundial e a suspensão de viagens atlânticas.
    FASES DA IMIGRAÇÃO
  • 23. Ascendência Portuguesa
    Em 1872, havia no Brasil 3,7 milhões de pessoas brancas. Por fatores históricos, quase a totalidade dessa população era de origem portuguesa;
    A imigração maciça de outros cidadãos europeus para o Brasil só começou após o ano de 1875;
    A população parda era de 4,1 milhões de pessoas e os negros totalizavam 1,9 milhões.
  • 24. Principais Costumes
    Os portugueses que se instalaram no Brasil carregavam consigo seus próprios costumes e crenças, o que resultou em contribuições para nossa cultura:
    • A língua portuguesa é a mais evidente delas;
    • 25. A religião católica e tradições do calendário religioso;
    • 26. “Carnaval” e “festa junina”, além de folguedos, farra do boi, fandango, etc;
  • Principais Costumes
    Representação do Carnaval, Religião, Farra do Boi e Festa Junina
  • 27. Principais Costumes
    Feijoada, bacalhoada, cachaça;
    Espécies de plantas, como Manga e Jaca;
    Grandes movimentos artísticos foram influenciados pelo povo português presente no Brasil.
  • 28. Região que mais Predominam
    Os portugueses foram o único grupo étnico a se distribuir por todo o Brasil;
    No início da colonização, conquistaram o nordeste e sudeste, e posteriormente no interior do país;
    Estima-se que moram no Brasil cerca de 700 mil portugueses que migraram entre 1930 e 1960;
  • 29. A maior parte deles encontra-se nos grandes centros urbanos, com destaque especial para o Rio de Janeiro e São Paulo.
    Região que mais Predominam
  • 30. Preconceitos
    Os portugueses não sofreram discriminação quando vieram se instalar aqui, mas e quanto à fama de burro e de que todo português se chama Manuel e tem uma padaria? A fama de burro pode ter várias explicações:
    • Os imigrantes que vieram entre os séculos XIX e XX não possuíam uma boa escolaridade;
    • 31. Colombo acabou chegando as Américas, e como achou que estava nas índias, retornou. Américo Vespúcio seguiu a mesma rota, porém antes de chegar às novas terras, Portugal e Espanha haviam assinado o tratado de Tordesilhas, delimitando tais terras como lusitanas.
  • Preconceitos
    A maioria dos portugueses abriu realmente padarias, mas também teve muitos açougueiros e diversos outros tipos de comércio.
  • 32. Preconceitos
  • 33. Presença na Cultura de nossa Cidade
    Nosso município também apresenta muitos aspectos da cultura portuguesa, trazidos e repassados através da colonização;
    Apesar de nossa cidade ter história de colonização italiana e alemã, tais culturas se misturam com as difundidas portuguesas, criando tradições próprias de nossa região;
  • 34. Quanto à descendência portuguesa em nossa cidade, é certo que boa parte da população tenha laços genéticos. Para tal não existe pesquisas que comprovem em números essas taxas.
    Presença na Cultura de nossa Cidade