Your SlideShare is downloading. ×
  • Like
Stcd texto1 s5
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Now you can save presentations on your phone or tablet

Available for both IPhone and Android

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Stcd texto1 s5

  • 751 views
Published

 

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
751
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1

Actions

Shares
Downloads
9
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Capacitação de professores para uso da Aula 01 plataforma educacional Moodle TEXTO 1 – UMA INTRODUÇÃO AOS A M B I E N T E S V I RT U A I S D E A P R E N D I Z A G E M ( AVA ) 1. Introdução Sabemos da revolução que vem sendo provocada pela internet e as novas tecnologias dentro dos processos educacionais vigentes. Aliado a isso, um novo conceito tem surgido com relação à aprendizagem mediada pelo computador, definido com a criação de ambientes virtuais de aprendizado (AVA). Entretanto, esse termo não pode ser confundido com o que chamamos de sistemas de gerenciamento de conteúdos (SGC), nem mesmo com os sistemas de gerenciamento de aprendizagem (SGA), traduzido do inglês de learning management system (LMS), pois esses são apenas as ferramentas para criar os ambientes virtuais de aprendizado (AVA). Confuso com tantas siglas? Então vamos conhecer um pouco mais sobre o que estas nomenclaturas significam e como tudo isso pode influenciar a nossa prática docente? Esses sistemas e ambientes de aprendizado têm sido usados para fomentar qualidade da educação a distância e como potencializadores em cursos presenciais; nestes, as vantagens da internet e das novas mídias melhoram a qualidade dos cursos sem dispensar a necessidade presencial do professor. Sistemas de gerenciamento de conteúdo (SGCs) são aplicações internet/intranet que rodam em um servidor e são acessadas de qualquer lugar na web por um navegador. Normalmente o servidor está localizado num departamento ou centro de processamento de uma universidade, mas pode estar localizado em qualquer lugar do mundo. Quando esses sistemas são direcionados e têm ferramentas criadas ou adaptadas à educação, pode-se dizer que são SGA, com potencial de serem usados como AVA, caso criem situações específicas de aprendizado. PROF. DR. DANIEL FÁBIO SALVADOR 1
  • 2. Capacitação de professores para uso da Aula 01 plataforma educacional Moodle Nesses casos, o professor e os alunos podem acessar o sistema de qualquer lugar onde haja um computador em conexão com a internet. Em termos simples, um SGA fornece ao professor ferramentas para que ele crie um curso baseado em um sítio web, com controle de acesso de forma tal que somente os alunos do curso possam ter acesso a ele. Além do controle de acesso, a variedade de ferramentas educacionais pode criar um rico ambiente de aprendizado gerando AVAs. Pode-se facilmente compartilhar materiais de estudo, manter discussões ao vivo, aplicar testes de avaliação e pesquisas de opinião, coletar e revisar tarefas e registrar notas, dentre outras inúmeras ferramentas de simulação, interação, colaboração e interatividade. Segundo Haguenauer e colaboradores (2008), existem diversas características e qualidades que um AVA deve apresentar relativas à linguagem, arquitetura da informação, navegação, grau de interação com o conteúdo e com os participantes. Algumas dessas características e qualidades são: (a) navegação intuitiva; (b) clareza e consistência de signos utilizados no projeto gráfico; (c) projeto gráfico harmonioso e agradável; (d) conteúdo adequado ao público alvo; (e) linguagem direta e simples; (f) possibilidade de autoria; (g) dialogicidade; (g) interatividade (com o conteúdo, com a equipe de ensino e com outros participantes) etc. A seguir vamos falar das vantagens do uso de SGA para criação de AVAs, ressaltando as principais funcionalidades dos sistemas disponíveis hoje. a) Enviando e compartilhando materiais de estudo PROF. DR. DANIEL FÁBIO SALVADOR 2
  • 3. Capacitação de professores para uso da Aula 01 plataforma educacional Moodle A maioria dos AVAs fornece ferramentas para publicar com facilidade textos e outros materiais de estudo. Em lugar de usar um editor HTML e, então, enviar o texto para um servidor, usa-se um formulário para publicar conteúdos. Os professores até mesmo de cursos presenciais podem publicar em um sítio na Internet com acesso restrito e controlado todo o material que produzem e que pode ser útil para os seus alunos. b) Fóruns e salas de bate-papo Fóruns e salas de bate-papo fornecem meios de comunicação entre o professor e os alunos fora da sala de aula presencial. Os fóruns permitem mais tempo para reflexão antes que a participação aconteça e permitem uma discussão reflexiva por um período longo de tempo. As salas de bate-papo, por outro lado, fornecem uma forma de comunicação rápida e instantânea entre professores, tutores e alunos. Podem ser usadas para uma discussão aberta, com tema livre, ou até mesmo para uma aula virtual. Qualquer professor que esteja impedido de ter um momento presencial com seus alunos pode conduzir seu curso usando salas de bate-papo para se comunicar com os alunos. Outro uso comum é aquele feito por grupos de alunos que devem produzir um trabalho e usam o bate-papo on-line para se organizar e discutir detalhes do trabalho. c) Testes e pesquisas de opinião Testes on-line e pesquisas de opinião fazem parte de vários AVAs disponíveis e são uma ferramenta muito útil ao professor, pois podem ser corrigidos instantaneamente. Atividades realizadas com essas ferramentas permitem que os alunos tenham uma rápida autoavaliação e informação sobre seu desempenho no curso. Por exemplo, um professor conduzindo um curso presencial de fisiologia pode usar minitestes no ambiente on-line para manter os alunos ligados ao conteúdo do curso e verificando a eficácia de seus estudos e o aprendizado efetivo da turma para cada módulo da sua disciplina. Os testes aplicados podem ser armazenados e reutilizados através de um banco de questões produzido pelo PROF. DR. DANIEL FÁBIO SALVADOR 3
  • 4. Capacitação de professores para uso da Aula 01 plataforma educacional Moodle professor. A prova final pode ser um teste com questões retiradas de todo o banco, de maneira aleatória. d) Coletando e revisando tarefas Coletar, corrigir e revisar tarefas (divulgando os resultados da correção com comentários) é um trabalho cansativo e maçante para qualquer professor. Tarefas on-line são uma forma fácil de coletar e corrigir os trabalhos dos alunos, além de atribuir e divulgar as notas entre eles de forma individual. Além disso, pesquisas indicam que o uso de ambientes on-line com participação anônima, para que os alunos atribuam notas a trabalhos feitos por seus colegas, aumenta a motivação e o desempenho. Além disso, o arquivamento on-line definitivo pelo professor das tarefas enviadas é uma ótima ferramenta, dá segurança e evita desperdícios de espaço físico e secretariado. e) Registrando notas Um quadro de notas on-line permite que os alunos tenham informações sempre atualizadas sobre seu desempenho em um curso. Notas on-line também facilitam cumprir a determinação de algumas instituições de ensino de que não tornem públicas as avaliações dos alunos. Os quadros de notas de AVAs permitem, em geral, que os alunos consultem apenas as próprias notas. É possível ainda baixar o quadro de notas para o computador do professor para processamentos mais elaborados ou até mesmo a exportação dos dados para o sistema de registro acadêmico. Embora seja possível encontrar (ou desenvolver) programas que façam esse trabalho, um bom SGA tem essas ferramentas integradas em um mesmo ambiente. e) Multimídia e Ferramentas web 2,0 Outra grande vantagem do uso de SGA para criação de AVA é que os sistemas criados com metodologia pedagógica construtivista contem entre suas ferramentas os recursos de colaboração on-line que fazem parte da web 2.0. Dentro desses sistemas é possível a criação de wikis, blogs como atividades didáticas e até mesmo o uso de ferramentas de realidade virtual, como no caso do projeto SLOOLE, que reúne ao Moodle as ferramentas da web 3.0. PROF. DR. DANIEL FÁBIO SALVADOR 4
  • 5. Capacitação de professores para uso da Aula 01 plataforma educacional Moodle A incorporação aos SGA das diversas mídias, também é outra importante evolução, pois recursos de vídeo, áudio, interação, visualizações em 3D, etc, possibilitam uma evolução enorme em termos de possibilidades de aprendizado em relação ao ambientes de aprendizado presenciais. Nos últimos anos, os AVAs experimentaram rápido crescimento e amadurecimento, e são hoje considerados essenciais em muitas universidades e faculdades. 2. Mas afinal de contas, por que usar um SGA para criação de um ambiente de aprendizado? Boa pergunta. Afinal, aulas têm sido ministradas por milhares de anos sem o uso de computadores ou da internet. Giz e conversa são ainda as ferramentas dominantes nos processos educacionais vigentes. Embora o formato tradicional, presencial, possa ser ainda eficaz, o uso das ferramentas listadas aqui abre novas possibilidades de aprendizagem inimagináveis até poucos anos atrás. No momento, grande quantidade de pesquisas ainda é feita sobre como combinar aprendizagem presencial e a distância mediada pela internet, como os chamados cursos híbridos. Esses cursos combinam o melhor dos dois mundos. Imagine transferir a maior parte do material didático de seu curso para um ambiente on-line e aproveitar seu tempo em aula para discussões, questões, resolução de problemas e aulas práticas. Muitos professores já descobriram que podem economizar tempo e melhorar a aprendizagem de seus alunos comportando-se dessa maneira. Isso permite que os alunos usem os encontros presenciais para a solução de problemas. As discussões on-line permitem que muitos alunos se expressem como não conseguiriam em aulas presenciais com grande número de colegas. Muitos deles relutam em falar em aula por motivos variados: timidez, insegurança ou mesmo limitações de linguagem. A possibilidade de elaborar questões on-line é, muitas vezes, de grande importância para alguns alunos. PROF. DR. DANIEL FÁBIO SALVADOR 5
  • 6. Capacitação de professores para uso da Aula 01 plataforma educacional Moodle Diversos professores relatam aumento significativo na participação colaborativa da turma quando introduzem o uso de ambientes on-line. Há outro número de razões para pensar na utilização de AVAs em seus cursos, tais como: - Demanda dos alunos: os estudantes (especialmente os de curso superior) têm hoje grau de inclusão digital muito maior. A maioria deles cresceu já usando a internet e eles se sentem à vontade em um AVA. - Flexibilidade de horários: aumenta cada vez mais o número de alunos que trabalham. Em alguns países, a média semanal de trabalho dos alunos de cursos superiores chega a 20 horas. Com ambientes on-line, os alunos podem adequar seus horários de trabalho às atividades de um curso. - Cursos melhores: se bem usado, um AVA pode tornar suas aulas mais eficazes e melhores, pela possibilidade de uso de diferentes mídias. Movendo parte de seu curso para o ambiente on-line é possível aproveitar os encontros presenciais para envolver os alunos em questões básicas do curso e convidá-los a refletir sobre os temas mais importantes. O professor pode também aproveitar o tempo discorrendo sobre temas que sempre desejou abordar e sempre foi impedido pelo fato de ter que cumprir o programa. Você provavelmente já ouviu os argumentos apresentados até aqui, porém havia sempre alguns problemas quanto ao uso da tecnologia por professores sem formação tecnológica, não é mesmo? A situação hoje, entretanto, é diferente. Então, o que mudou? A concepção dos AVAs mais modernos é de que eles são ferramentas de autoria do professor, com edição de textos, atividades e formatos mais intuitivos, sem a necessidade de que um professor tenha conhecimentos de programação para sua construção e administração. Hoje, os AVAs estão mais bem estruturados, mais maduros e fáceis de usar do que eram poucos anos atrás. A tecnologia subjacente tornou-se melhor e mais estável. Há pouco tempo, muitos sistemas eram projetados para uso pessoal ou para uso de um grupo específico de pessoas e eram comercializados na forma original, mostrando-se pouco flexíveis. Dois dos sistemas mais conhecidos (Blackboard e PROF. DR. DANIEL FÁBIO SALVADOR 6
  • 7. Capacitação de professores para uso da Aula 01 plataforma educacional Moodle WebCT) começaram como projetos para pequenas faculdades e se tornaram líderes do mercado. Dentre as iniciativas de programas de fonte aberta e gratuitos, um projeto ganhou grande destaque nos últimos anos, sendo hoje um dos AVAs mais utilizados, tanto pela iniciativa privada como pública. Esse projeto chama-se Moodle. Muitos administradores de ambientes de aprendizagem têm declarado sua adesão ao sistema Moodle principalmente em virtude dele ser um sistema aberto, baseado em uma forte filosofia educacional, com uma comunidade de usuários crescente dia a dia em todo o mundo, o que contribui para o desenvolvimento e apoio as novas versões. Analisam-se, a seguir, algumas das vantagens do AVA Moodle como plataforma educacional. 3. Vantagens do uso do Moodle como AVA Fonte aberta A expressão fonte aberta tornou-se um termo restrito a certo círculo de pessoas. Para aqueles que não estão acostumados com a linguagem técnica, é difícil entender como essa idéia estranha e poderosa mudou para sempre o mundo de desenvolvimento de softwares. A idéia em si é bastante simples: fonte aberta significa que os usuários têm acesso ao código fonte do software. Pode-se examinar (alterar, ampliar, modificar) o programa ou mesmo usar partes dele para aplicações de interesse pessoal. E por que isso é importante? Primeiro, softwares de fonte aberta adotam valores acadêmicos de liberdade, avaliação pelos pares e compartilhamento do conhecimento. Eles podem ser baixados, modificados ou ter acrescentados módulos, e erros corrigidos, melhorar seu desempenho ou simplesmente aprender observando como outras pessoas usam o ambiente e resolvem problemas. Pedagogia inovadora O criador do Moodle, Martin Dougiamas, tem formação em educação. Isso sem dúvida foi o diferencial no planejamento desse ambiente e o conduziu a adotar o construtivismo social como a estrutura pedagógica do ambiente. Esse fator foi PROF. DR. DANIEL FÁBIO SALVADOR 7
  • 8. Capacitação de professores para uso da Aula 01 plataforma educacional Moodle inovador, uma vez que os atuais AVAs são em geral construídos em torno de ferramentas computacionais. Pode-se afirmar que os AVAs comerciais são voltados para ferramentas e conteúdo, enquanto a plataforma Moodle é voltada para a aprendizagem do aluno. O construtivismo social baseia-se na idéia de que pessoas aprendem melhor quando engajadas em um processo social de construção do conhecimento pelo ato de construir alguma coisa com ou para outros. O termo processo social sugere que a aprendizagem é alguma coisa que se faz em grupos. Desse ponto de vista, aprendizagem é um processo de negociação de significados em uma cultura de símbolos e artefatos compartilhados. O processo de negociação de significados e utilização de recursos compartilhados é o processo de construção do conhecimento. Nós não somos um quadro branco quando entramos no processo de aprendizagem. Nós precisamos testar nossos novos conhecimentos, comparando-os com velhas crenças e incorporando-os em nossas estruturas de conhecimento já existentes. Parte do processo de teste e negociação envolve a criação de artefatos e símbolos para que outros interajam com eles. Essa concepção fez com que o AVA Moodle fosse desenvolvido e baseado na construção de ferramentas de comunicação e colaboração constante entre os alunos e desses com seus tutores e professores. A formação de grupos de trabalho dentro das turmas para qualquer atividade criada no ambiente é um exemplo disso. Layout e ambiente da sala de aula virtual Enquanto AVAs centrados em ferramentas fornecem uma lista de ferramentas como sendo a interface, o ambiente Moodle coloca as ferramentas em uma interface que faz da aprendizagem a tarefa central. Pode-se estruturar um curso no ambiente Moodle nos formatos semanal, tópicos ou social. Além disso, enquanto outros AVAs se estruturam em um modelo de conteúdo que encoraja os professores a carregar uma infinidade de conteúdos estáticos, o ambiente Moodle enfoca o trabalho em ferramentas para discussão e compartilhamento de experiências (atividades). Assim, a ênfase não está em PROF. DR. DANIEL FÁBIO SALVADOR 8
  • 9. Capacitação de professores para uso da Aula 01 plataforma educacional Moodle distribuir informação (web 1.0 ou distributiva), mas em compartilhar idéias e engajar os alunos na construção do conhecimento (web 2.0 ou colaborativa). 4. Em resumo... A criação de ambientes virtuais de aprendizagem é cada vez mais indispensável nos modelos educacionais vigentes, tanto presenciais como a distância. Nesse contexto a filosofia de desenvolvimento da plataforma Moodle tornou-o um pacote amigável para colaboração de professores e alunos, o que representou a primeira geração de ferramentas educacionais realmente úteis a esse propósito. A incorporação de ferramentas da web 2.0 – como criação de wikis e blogs entre os alunos – possibilitou a criação do que tem sido chamado de EAD 2.0, que incorpora as ferramentas e a filosofia da web 2.0 no seu ambiente de aprendizado. Usado hoje em 206 países e com mais de 46.000 sites registrados esta é sem dúvida uma das plataformas educacionais mais úteis e práticas para ser utilizada em sistema de ensino presencial, híbrido ou totalmente on-line atualmente. Além disto, a todo o momento é possível buscar soluções em módulos adicionais, que podem ser anexados ao sistema. 4. Referências Jason Cole & Helen Foster, Using Moodle, 2nd Edition, O’Reilly Media, Inc., 2008. Traduzido e adaptado por: D.Sc. Daniel Fábio Salvador, 2008. PROF. DR. DANIEL FÁBIO SALVADOR 9