Your SlideShare is downloading. ×
  • Like
  • Save
Apresentação1
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Now you can save presentations on your phone or tablet

Available for both IPhone and Android

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply
Published

 

Published in Entertainment & Humor , Travel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
482
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1

Actions

Shares
Downloads
0
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Realizado por:Ana Margarida Cardoso 12º A, nº 4
  • 2. FICHA TÉCNICA  EDITORA: Presença A História  ANO DE PUBLICAÇÃO: 1979Interminável, versão inglesa  ANO DE 1ª EDIÇÃO: 1984  ANO DE 5ª EDIÇÃO: 2008  LOCAL DE EDIÇÃO: Lisboa A História Interminável, versão original
  • 3. O AUTOR Michael Ende nasceu a 12 de Novembro de 1929, em Garmisch, Alemanha e morreu a 29 de Agosto de 1995, Em Filderstadt-Bonlanden, Alemanha. Foi um escritor alemão de romances sobre fantasia e livros infantis e fez parte do movimento antroposófico (estudo do homem sob o ponto de vista moral eMichael Ende intelectual). Tornou-se conhecido pelo seu trabalho A História Interminável (Die unendliche Geschichte, no original), publicado em 1979, que recebeu inúmeros prémios literários alemães e internacionais. Este livro foi traduzido para cerca de 40 países tendo vendido até hoje 8 milhões de exemplares.
  • 4. ANTES DE LER É importante começar por explicarque este livro está impresso em duas cores:as partes a laranja correspondem ao mundo real, ao mundo dos humanos, onde vive Bastian e as partes a preto correspondem ao livro que Bastian está a ler, A História Interminável. A História Interminável
  • 5. RESUMO Bastian, um rapazinho baixo e francamente gordo, de uns dez ou onze anos, entra numa livraria e rouba um livro chamado A HistóriaInterminável, fugindo, de seguida para o sótão da sua escola, onde o começa a ler. Nessa altura,ainda não tem noção do que o livro representa. O livro tem uma capa que brilha quando se mexe e tem duas cobras, uma branca e uma preta, que mordem a cauda uma da outra, formando uma oval. Estava impresso em duas cores diferentes. Bastian a ler A História Interminável
  • 6. A História Interminável começa com a introdução dequatro mensageiros que procuram a Imperatriz Criança, para a informar que algo tinha feito desaparecer partesdas suas cidades. Lá encontram outros mensageiros que se queixam do mesmo problema. Mas a ImperatrizCriança está doente e pede assim a Cairon, um médico, que procure Atreiú, para que este parta na GrandeBusca ou seja, encontrar uma cura para a sua doença. O mesmo mal que está a fazer partes de certas cidades desaparecerem é também a doença da Imperatriz, o Nada. Para auxiliar Atreiú na Busca, é-lhe confiado AURIN, também conhecido como o «Brilho» - o símbolo da Imperatriz Criança, que é respeitada por todos, já que não distingue o bem do mal, o bonito do feio, e que tem uma forma oval, formada por duas cobras, que mordem a cauda uma da outra – para que possa sobreviver aos vários perigos. Imperatriz Criança AURIN
  • 7. Atreiú procura a Morla, que lhe explicará acura para a doença da Imperatriz. Com Artax,o seu cavalo, viajam em busca da Morla mas,para a encontrar têm que passar o Pântano daTristeza, onde Artax morre “afogado” emtristeza. Atreiú sobrevive, uma vez que tem o«Brilho». Quando fala com a Morla, esta diz-lheque a Imperatriz precisa de um nome novo emanda-o procurar o Oráculo do Sul.Entretanto, no sótão, Bastian acha estranho queninguém em Fantasia possa dar um novo nomeà imperatriz. No Pântano da Tristeza
  • 8. Atreiú viaja agora sozinho e a pé, quando encontra uma criatura de uma espécie desconhecida, chamado Ygramul. Esta criatura está a tentar alimentar-se de um Dragão da Sorte, um animal raro em Fantasia. Procurando ajuda para encontrar o Oráculo do Sul, Atreiú pergunta a Ygramul como o pode encontrar ao que este responde que o seu veneno, embora seja letal,lhe dará o poder de viajar para onde quiser. Atreiú aceita assim ser mordido pela criatura, na esperança que consiga encontrar a cura e voltar para junto da Imperatriz Criança antes que o veneno o mate. Devido ao poder conferido pelo veneno, Atreiú acorda num lugar desconhecido com uma voz a chamar o seu nome: é Fuchur, o Dragão da Sorte, que ouviu o que a criatura contara a Atreiú e decidiu juntar-se ao nosso herói. Fuchur, o Dragão da Sorte
  • 9. Nessa terra desconhecida são tratados por dois colonos, avelha Urgl e o velho Enguivuck, este último nutre uma paixãopor Uiulala, o Oráculo do Sul e pretende lançar um livrosobre este. Para entrar no templo de Uiulala é preciso passarpor três portas: a Porta do Grande Enigma, a Porta doEspelho Mágico e a Porta Sem Chave. A primeira porta évigiada por duas esfinges que apenas deixam passar alguns, asegunda é necessário entrar em si próprio e na terceira épreciso desejar verdadeiramente que ela se abra. Estainformação é dada a Atreiú por Enguivuck. O rapaz conseguepassar pela primeira porta porque têm AURIN consigo, nasegunda, reflectido no espelho, vê Bastian e na terceira ouveBastian pedir-lhe para não desistir, quando estava prestes avoltar as costas à porta e a ir embora. Enguivuck e Url, os dois colonos
  • 10. Encontrando-se, então, com Uiulala, Atreiúapercebe-se que este é apenas uma voz, a voz dosilêncio. Uiulala diz a Atreiú que ninguém emFantasia pode dar um nome à Imperatriz, mas quehá quem possa, no Mundo Real. Quando Atreiúacorda, depois deste encontro, todas as portas e oTemplo tinham desaparecido e o velho colono quersaber como é a sua musa, mas Atreiú não lhe querdizer. Os dois colonos partem para longe de suacasa porque o Nada se aproxima e Atreiú e Fuchurdecidem sobrevoar Fantasia, há procura das suasfronteiras. Enquanto o fazem, são apanhados nomeio de um confronto entre os quatro Gigantes doVento, onde se separam. Na queda, Atreiú perdeAURIN. Fantasia
  • 11. Vagueando sozinho, Atreiú chega à Cidade- Fantasma, que está deserta, pois o Nada atraiu todos os seus habitantes. Lá encontra Gmork, um lobisomem, que lhe diz que o Mundo Real é um mundo à parte e que são as mentiras dos homens que fazem o Nada crescer. Bastian fica então perturbado ao pensar quem, com as suas mentiras,Gmork, o Lobisomem contribuiu para a destruição de Fantasia. Entretanto, Fuchur procura Atreiú e encontra o «Brilho», no fundo do mar. Conseguindo alcançá-lo, continua a busca pelo seu amigo. Encontra-o, finalmente, quase a ser “devorado” pelo Nada, mas consegue salvá-lo e voam de volta para a Torre de Marfim. Quando chega perto da Imperatriz Criança, Atreiú repara na sua beleza e também Bastian a vê e pensa num nome ideal: Filha da Lua. Atreiú teme ter falhado por não ter conseguido encontrar um humano, mas a Imperatriz diz que ele fez um bom trabalho. Esta já sabia que precisava de um novo nome – o que deixa Atreiú frustrado – mas o nosso herói tinha que passar por tudo aquilo para que o Salvador viesse.
  • 12. Uma vez que o Salvador não aparece, a Imperatriz decide ir procurar o Velho da Montanha Errante, o escritor do livro de tudo o que acontece em Fantasia. Este recomeça a contar A HistóriaInterminável, mas não no momento em que Bastian começou a ler, quando os mensageiros aparecem,mas quando este entra na livraria e rouba o livro. Eassim, apercebendo-se que a Imperatriz se referia a ele, que era ele o Salvador e dar um nome novo à Imperatriz, Bastian diz pela primeira vez o novo nome da Imperatriz e viaja até Fantasia. No seu encontro com a Imperatriz esta dá a Bastian AURIN e diz a Bastian para fazer o que quiser, o que desejar. A Filha da Lua oferece AURIN a Bastian
  • 13. Este cria assim uma floresta, Perelim, a Floresta Nocturna, mas rapidamente se aborrece e decide que quer companhia, criando Goab, o Deserto das Cores. Neste deserto vive Graograman, um leão conhecido como Morte Multicor, rei do deserto. Este convida Bastian a ir para o seu palácio. Lá, Bastian apercebe-seque, à noite, o leão é transformado em pedra, para que Perelim volte a crescer, mostrando assim que os seus actos têm consequências. O leão oferece a Bastian Sikanda, uma espada mágica, que defende o lutador sozinha, mas apenas quando este está em perigo. Graograman, a Morte Multicor, transformado em pedra
  • 14. Para sair de Goab, Bastian entra no Templodas Mil Portas, onde tem que escolher sempreentre duas portas, mas como ainda não sabe oque deseja, não consegue sair. Decidido então aencontrar Atreiú, escolhe as portas quetenham alguma característica em comum como nosso herói e acaba por sair do Templo ondeencontra Hynreck, o Herói e três amigos, quevão participar num torneio para decidir quemvai proteger o Salvador. Como Bastianescondera AURIN, estes não sabem quem eleé. Durante o torneio, Bastian confronta-se comHynreck, derrotando-o com a ajuda da espada mágica. Atreiú e Fuchur
  • 15. Hynreck estava apaixonado pela Princesa Ogamar, mas esta apenas está interessada no mais dos heróis e Hynreck tinha sido derrotado. Para o ajudar, Bastian – o único com o poder de inventar histórias em Fantasia – inventa que a princesa é raptada por um Dragão e é Hynreck que a irá salvar. Como todos os seus outros desejos, também este se realiza. Uma vez que o povo de Amargante vive de contar histórias e o seu reportório é reduzido, Bastian cria uma biblioteca com o seu nome e dá uma história à cidade: os aiaiai, seres muito feios, criam a prata que constrói a cidade e choram Murhu, o Lago das Lágrimas.Bastian
  • 16. Bastian, Atreiú, Fuchur e e os três cavaleiros partem àprocura da porta de regresso ao mundo de Bastian, maseste não quer regressar, logo não têm rumo. Quandopernoitam numa caverna, encontram os aiaiai, queBastian, por ter pena destes e por se sentir culpado porserem seres tão tristes, transforma em lindas borboletas,mas estas começam a destruir a prata. Atreiú pede aBastian que lhe conte coisas sobre o seu mundo, maseste não se lembra, pois casa vez que ele deseja algo, umpedaço da sua memória da vida real desaparece.Encontrando então um objectivo de viagem, a Torre deMarfim, Bastian e os companheiros recebem a visita dealguns príncipes, que querem a ajuda de Bastian. Este diz-lhes que só os pode ajudar se o ajudarem a ele aencontrar a Imperatriz Criança. Bastian e Atreiú
  • 17. Durante a viagem, encontram um palácio, onde resideXayíde, que tenta intimidar Bastian a submeter-se ao seu poder, mas este nega, dizendo que não tem medo desta.Para convencer Bastian, Xayíde rapta os três cavaleiros e Bastian, com a ajuda de Atreiú e Fuchur consegue resgatá-los. Tendo sido derrotada, Xayíde pede misericórdia e promete cumprir todos os desejos de Bastian, que este aceita. Quem não gosta da ideia é Atreiú, que pensa que os objectivos de Xayíde não são tão inofensivos como Bastian pensa. Quando confrontaBastian com os seus pensamentos, este repreende-o, nãoquerendo ser aconselhado. Xayíde dá a Bastian um cinto que o torna invisível, o cinto Guemal e diz-lhe que Atreiú está a pensar em roubar-lhe AURIN. Embora Bastian se recuse a acreditar em tal coisa, usa o cinto para espiar os dois amigos e confirma as suspeitas de Xayíde. Quando Atreiú e Fuchur tentam roubar AURIN, Bastian impede-os e expulsa-os da sua comitiva. Xayíde
  • 18. Acreditando que Bastian precisa de entregar AURIN, Atreiú reúneum exército que fará frente ao exército de Bastian e Xayíde, e noconfronto, a Torre de Marfim é destruída e Bastian fere Atreiú nopeito.Vagueando sozinho, depois da luta, Bastian sente-se mal ao terferido o amigo e, enquanto caminha, entra na Cidade dos AntigosImperadores, onde estão alguns dos humanos que viveram emFantasia, mas que acabaram por enlouquecer. Aí, Bastian decide queprecisa de voltar para casa. Encontra-se com a Dama Aiuola, que lheoferece casa enquanto este decide quando é a sua Verdadeira Vontade,ou seja, o seu último desejo e este descobre que é ser conseguiramar. Bastian segue assim o seu caminho e encontra Yor, um mineiro,que cria imagens, imagens essas que vão lembrar Bastian do seu pai.Assim, Bastian procura a fonte das Águas da Vida, mas é atacado pelasborboletas que antes eram os aiaiai e é salvo por Atreiú e Fuchur. Aochegarem à fonte, Bastian consegue voltar para casa e regressa paracasa, onde a sua relação com o pai muda radicalmente. Ao ir contarao Sr. Koreander que tinha perdido o seu livro, este diz que o livronão lhe pertencia, assim como não pertence a ninguém, e Bastiandescobre que também este já esteve em Fantasia. Sr. Koreander Pai de Bastian
  • 19. CURIOSIDADES Foi realizado um filme deste livro,que conta apenas metade do livro,tendo sido feito um segundo. O livro é constituído por 26 Filmecapítulos e cada um começa poruma letra do abecedário (ex:capítulo I, “A correr (…)”; capítulo 2,“Bastantes (…)”. Inicío do capítulo 1 e 2
  • 20. CITAÇÕES“ As paixões humanas são misteriosas e as das crianças não o são menos que as dos adultos. As pessoas que as experimentam não as sabem explicar e as que nunca as viveram não as podem compreender.”“(…) podemos estar convencidos durante muito tempo – anos talvez – de querermos algo se soubermos que o nosso desejo é irrealizável. Porém, se de súbito nos encontrarmos perante a possibilidade de que esse desejo ideal se transforme em realidade, apenas desejamos uma coisa – nunca o ter desejado.”
  • 21. “Aquilo que desejara era a sua perdição e aquilo que odiara era a sua salvação.” “Doía-lhe o coração, que não erasuficientemente grande para uma saudade tamanha.” Atreiú com AURIN Bastian a ler A História Interminável
  • 22. PARA TERMINAR… “Se a História Interminável Em si mesma se encerrar Este mundo admirável Vai neste livro acabar! Porém, se o herói vier, E a todos nós se entregar, Nova vida irá nascer. Só dele depende chegar!”