• Save
Apresentação
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Like this? Share it with your network

Share
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
1,536
On Slideshare
1,423
From Embeds
113
Number of Embeds
3

Actions

Shares
Downloads
0
Comments
0
Likes
1

Embeds 113

http://12anogolega.blogspot.pt 77
http://12anogolega.blogspot.com 32
http://www.12anogolega.blogspot.pt 4

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. O Cão dos Baskerville
    Arthur Conan Doyle
    Cláudia Nunes
    12ºA
    Nº5
  • 2. Ficha Técnica
    Autor: Arthur Conan Doyle
    Editora: Bertrand Editora
    Ano de edição: 2010
    Local de Edição: Lisboa
    Ano de publicação: 1902
    Capa da 1ª Edição
  • 3. Arthur Conan Doyle
    Nasceu em Edimburgo, a 22 de Maio de 1859.
    Foi escritor e médico britânico e é mundialmente conhecido por ter criado o detective Sherlock Holmes, sendo considerado uma inovação na literatura policial, ao introduzir a lógica na investigação. Os seus trabalhos incluem histórias de ficção científica, novelas históricas, poesias, romances peças e obras de não-ficção e muitos deles fazem referência ao espiritismo e ao sobrenatural.
    Morreu aos 71 anos a 7 de Julho de 1930 em Crowborough.
  • 4. Em Baker Street, em sua casa, Sherlock Holmes e Dr. Watson discutem sobre uma bengala esquecida pelo visitante na noite anterior. Depois de Holmes fazer uma descrição pormenorizada do dono, eis que ele próprio aparece para a reaver, o Dr. James Mortimer. É então que pede a ajuda de Holmes para resolver o caso de Sir Charles Baskerville, que morrera devido a uma paragem cardíaca enquanto passeava no jardim da sua mansão. Mostrando falta de credibilidade na versão da morte apresentada, Dr. Mortimer contou uma velha lenda que Holmes ouviu contrariado. Referia-se a Sir Hugo Baskerville, que era terrível ao ponto de raptar raparigas e assim aproveitar-se delas. Numa dessas vezes, a rapariga conseguiu fugir e ele prometeu a sua alma ao diabo se este fizesse com que ele a encontrasse. Ele saiu à sua procura e mais tarde, foi encontrado morto por um sabujo negro demoníaco.
  • 5. Dr. Mortimer achava que Sir Charles teria sido assustado até á morte por essa criatura, embora Holmes achasse que isso era um disparate e que era bem mais provável que tivesse sido assassinado. Assim o Dr. Mortimer afirma que Sir Charles esperava alguém uma vez que encontrou cinza de cigarro junto ao portão da charneca da mansão e pegadas não humanas junto ao corpo. Por fim, referiu que se dirigiu a Londres para se encontrar com Sir Henry, sobrinho de Sir Charles, que viria reclamar a herança da família e que para tal precisaria de protecção, no que Holmes anuiu.
    Assim, na manhã seguinte, encontraram-se todos para almoçar, e Sir Henry recebe um bilhete ameaçador, no qual é avisado para não se aproximar da charneca. No entanto, não foi o único contratempo, uma vez que estranhamente um sapato de Sir Henry desaparece.
  • 6. Henry insiste em ir para mansão dos Baskervilles em Devonshire e Holmes incumbe Watson de o acompanhar, prevenindo-o para não andar sozinho. Chegados à mansão, conhecem o mordomo John Barrymore e a sua mulher. Estes dão a conhecer a Sir Henry de uma carta que fora enviada a Sir Charles, assinada por L.L.
    Na vila, conhecem Jack Stapleton e a sua irmã Beryl. Sir Henry rapidamente se apaixonou por Beryl sendo frequentes, assim, as suas visitas à vila.
    Entretanto Holmes também viaja até Devonshire.
    Enquanto jantavam, Holmes repara num retrato na parede e surpreende-se com tais parecenças entre Sir Hugo Baskerville e Jack Stapleton.
  • 7. No dia seguinte, Stapleton convida Sir Henry a jantar em sua casa e Holmes planeia com ele todos os passos que deveria seguir nessa noite, para que Holmes o pudesse proteger.
    No final do jantar, Sir Henry regressa à mansão. Pelo percurso, Sir Henry apercebe-se que um cão misterioso e demoníaco, que flamejava da boca e olhos, o persegue, mas rapidamente Holmes e Watson abandonam o esconderijo onde permaneceram durante o jantar de Sir Henry, e disparam contra o grande cão.
    Voltaram para casa, onde Sir Henry se sentiria mais seguro e no dia seguinte, Holmes foi resolver, finalmente, o estranho caso daquele cão demoníaco.
  • 8. [500 anos]
    Este também conhecido por:
    Jack Stapleton
  • 9. O Crime
    Stapleton que tanto queria a sua herança, pediu a sua mulher, Beryl para que se aproximasse de Sir Charles. Mas como esta negou, Stapleton decidiu seguir outro método: Laura Lyons, uma rapariga que vivia na vila e que tinha problemas financeiros. Chegou a pedir ajuda aos habitantes e apenas Stapleton e Sir Charles a ajudaram.
    Stapleton sabendo da proximidade de Laura Lyons com Sir Charles, aproximou-se também ele dela e obrigou-a a escrever uma carta ao baronete onde combinava um encontro com ele à noite perto do portão da charneca da mansão.
    Na noite do encontro, Stapleton consegue dissuadir Laura Lyons de ir ao encontro e pegando no cão, leva-o até à charneca onde Sir Charles morre de susto ao vê-lo.
  • 10. Factos
    Beryl, a mulher por quem Sir Henry se apaixonou, é na verdade, mulher de Stapleton e que tudo foi manobra deste para ficar com a herança na sua totalidade, pois era também sobrinho de Sir Charles.
    O cão, era apenas um cão selvagem que Stapleton comprara longe da aldeia.
    O mistério do fogo saindo da boca e dos olhos do cão, era devido ao fosforescente que Stapleton untava no cão nas noites dos crimes.
    O sapato que desaparecera no hotel em Londres era usado para o cão perseguir Sir Henry.
  • 11. Citações
    “- Interessante, embora elementar – disse ele, voltando ao seu canto predilecto no sofá.”
    “- (…) O passado e o presente dizem-me respeito, mas adivinhar o que faria um homem no futuro é muito difícil.”
    “Chego agora à rápida conclusão desta narrativa, na qual tentei fazer com que os leitores participassem (…)”
  • 12. Curiosidades
    Conta com 23 adaptações ao cinema e uma para a série de televisão de Sherlock Holmes, sendo uma das adaptações ao cinema da Alemanha Nazi e as primeiras adaptações não apresentavam o Dr. Watson.
    Sir Arthur Conan Doyle apenas publicou quatro romances: Um Estudo em Escarlate, O Sinal dos Quatro, O Cão dos Baskervilles e O Vale do Medo.
    Em 2009 foi adaptado ao cinema, baseado nos livros, Sherlock Holmes com Robert Downey Jr. e Jude Law.
  • 13. FIM