Your SlideShare is downloading. ×
  • Like
Iniciación
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Now you can save presentations on your phone or tablet

Available for both IPhone and Android

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply
Published

 

Published in Education , Technology
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
No Downloads

Views

Total Views
3,350
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1

Actions

Shares
Downloads
127
Comments
0
Likes
2

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. INICIA ÇÃO  AO HANDEBOL INFORMAÇÃO PARA TREINADORES DE ACAMPAMENTO
  • 2. OBJETIVOS DE CADA FASE A BOLA É O CENTRO DA ATENÇÃO GANHAR TERRENO GANHAR TERRENO DE FORMA ORIENTADA JOGO COM ATENÇÃO TEC-TAC INDIV. ACOSO DISPOSIÇÃO CONTROLE PERSUADIR INTERCEPTAR BLOQUEIO DISSUADIR INTERCEPTAR DESMARQUE SEM BOLA PROGRESSÃO PROTEÇÃO DESMARQUE COM BOLA ARREMESSO PASSE TATICA COLETIVA PONTOS DE APOIO PASSE-DESMARQUE PENETRAÇÕES SUCESSIVAS REPETIÇÃO DE PASSE CRUZAMENTO FIXAÇÃO-CORTINA BLOQUEIO-PANTALIA DESLIZAMENTO AJUDA PREVENTIVA AJUDA DECISIVA CAMBIO OPONENTE BLOQUEIO
  • 3. ETAPA 1: A BOLA É O CENTRO DE ATENÇÃO
    • OBSERVAÇÃO
    • INTENÇÃO DA CRIANÇA DE APODERAR-SE DA BOLA
    • OBJETIVO
    • DE POSSE DA BOLA TEM QUE MANTÊ-LA
    • MEIOS
    • Exercícios de manter e roubar a bola: MARCAÇÃO – DESMARQUE
    • Propor e dirigir jogos e tarefas
  • 4. COMPORTAMENTO DOS PRINCIPIANTES
    • NÃO EXISTE O NIVEL “0”, nem todos possuem o mesmo na idade igual, existem comportamentos parecidos.
    • NÃO HÁ EQUIPES. Joga um ao lado dos outros. Não prestam atenção ao que faz o outro, somento no caso de poder ter elementos suscetíveis a procurar prazer ou satisfação.
    • SUA PERCEPÇÃO SE INSTALA NO PRESENTE
    • (EX. A bola que esta em movimento)
    • As aprendizagens motoras tendem a controlar, por meio de sensações oculares, os gestos necessários para a realização de suas intenções tácticas, e portanto esta centrado em seus problemas corporais e a bola.
    • Ex. O drible da bola.
  • 5. ETAPA 2 GANHAR TERRENO MULTIDIRECIONALMENTE
    • OBSERVAÇÕES
    • OS JOGADORES ROMPEM A INERCIA DE PERSEGUIR A BOLA
    • RECONHECEM AS EQUIPES
    • DEFESA INDIVIDUAL
    • BOLAS PERDIDAS
    • A BOLA CIRCULA COM POUCO FLUIDEZ
  • 6. OBJETIVOS
    • ATAQUE
    • -MANTER A POSSE DE BOLA DENTRO DA NOSSA EQUIPE
    • -PROCURAR QUE A BOLA TROQUE DE JOGADOR
    • DEFESA
    • -EVITAR QUE A BOLA CIRCULE ENTRE A OUTRA EQUIPE
  • 7. CONTEUDOS
    • RECURSOS NECESSÁRIOS PARA RESOLVER O JOGO PRINCIPAL DOS 10 PASSES
    • DESENVOLVIMENTO PARA O ATACANTE : PASSE, RECEPÇÃO, DESMARQUE.
    • PARA A DEFESA : INCOMODAR (SEM TOCAR) AO JOGADOR QUE LEVA A BOLA (ACOSO), E MARCAR NA LINHA DE PASSE AO QUE NÃO POSSUE A BOLA ( DISSUAÇÃO ). CADA JOGADOR DEVE OCUPAR-SE DE UM ATACANTE
  • 8. RECOMENDAÇÕES METODOLÓGICAS
    • FORMA PRINCIPAL DE JOGO DOS 10 PASSES (COM TODAS AS PROGRESSÕES POSSÍVEIS)
    • EXPLICAR O CONCEITO DE LINHA DE PASSE (DISSUASÃO)
    • INCOMODAR A QUEM POSSUE A BOLA SEM TOCÁ-LO (PERSUASÃO)
  • 9. ETAPA 3: GANHAR TERRENO DE FORMA ORIENTADA OBSERVAÇÃO - A BOLA CIRCULA COM MAIS FACILIDADE - SE PRODUZ POUCOS ARREMESSOS - AS RECUPERAÇÕES DEFENSIVAS SÃO COM FREQUÊNCIA FRUTO DOS ERROS OFENSIVOS, E NÃO DE UMA RECUPERAÇÃO INTENCIONADA.
    • OBJETIVOS ATAQUE
    • - FAZER AVANÇAR A BOLA, ORIENTANDO OS DESMARQUES EM DIREÇÃO A BALIZA
    • OBJETIVOS DEFESA
    • - RECUPERAR ATIVAMENTE A BOLA (INTERCEPTAÇÃO)
    • -EVITAR QUE A BOLA AVANCE CONTRA A BALIZA
  • 10. CONTEUDOS
    • ATAQUE
    • PASSE E RECEPÇÃO
    • (Dissociação entre membros inferior e superior, para poder avançar para a baliza)
    • Incentivar os deslocamento COM A BOLA na Mão (1,2,3 PASSOS).
    • ENSINAR A DRIBLAR A BOLA PARA AVANÇAR
  • 11. DEFESA
    • DEPOIS DE ATRAPALHAR (MOLESTAR) O PASSE, ENSINAMOS A ROUBAR A BOLA MEDIANTE QUE O ATACANTE A DRIBLA.
    • E NA MARCAÇÃO DO JOGADOR SEM BOLA, DEPOIS DE EVITAR QUE RECEBA (DISSUASÃO) ACRESCENTAR (AÑADIREMOS) AS INTERCEPTAÇÕES.
    • TRIÂNGULOS DEFENSIVOS, PARA ABRIR A LINHA DE PASSE E INTERCEPTAÇÃO, DEPOIS DE EVITAR O DESMARQUE ORIENTADO DIANTE A BALIZA.
  • 12. RECOMENDAÇÕES METODOLÓGICAS
    • Para facer que a bola avance para a baliza
    • Trabalhar seletivamente a dissociassão braços/pernas
    • Trabalhar o drible sem olhar para a bola.
    • Orientar os desmarques diante a baliza
    • Privilegiar os passes para frente.
    • Para os objetivos de recuperar ativamente a bola
    • Introduzir o conceito de triângulo defensivo
    • Trabalhar seletivamente a Interceptação
    • Trabalhar de forma combinada o conceito de dissuadir e interceptar.
  • 13.
    • Para os objetivos de evitar os desmarques dos atacantes
    • Conceito de triângulo defensivo
    • Ensinar a roubar a bola quando o atacante dribla
    • Oposição corporal com o tronco quando o atacante escolhe una trajetória para frente
  • 14. FASE 4: JOGO COM INTENCIONALIDADE OBSERVAÇÃO -DOMÍNIO DOS DESMARQUES ORIENTADOS A BALIZA -AUMENTO DOS ARREMESSOS -SE PRODUZEM ALGUMAS INTERCEPTAÇÕES INTENCIONADAS MUITOS JOGADORES NA ZONA 5/6 METROS
    • OBJETIVOS : ATAQUE
    • -AUMENTAR A EFICACIA DO LANÇAMENTO
    • -INICIAR OS JOGADORES A COLABORAR
    • OBJETIVOS : DEFESA
    • -REDUZIR A EFETIVIDADE DE ARREMESSOS
    • -CONSEGUIR QUE OS JOGADORES COLABOREM ENTRE ELES
    • (AJUDAS – TROCA DE OPONENTE)
  • 15.
    • CONTEUDOS INDIVIDUAIS
    • ATAQUE
    • Jogador com Bola
    • ARREMESSOS
    • PASSES
    • DESLOCAMENTOS
    • FINTAS
    • Jogador sem Bola
    • DESMARQUE EM PROFUNDIDADE
    • DESMARQUE EM APOIO
    • DEFENSA
    • A defesa do jogador com bola
    • Persuasão (Acoso) (ataque legal ao oponente com bola)
    • BLOQUEIO
    • A defesa do jogador sem bola
    • INTERCEPTAR / DISSUADIR
    • AJUDAS AOS COMPANHEIROS
    • APARECE A FIGURA DO GOLEIRO
  • 16. CONTEUDOS COLETIVOS
    • DEFESA INDIVIDUAL EM TODO O CAMPO
    • ATAQUE A DEFESA INVIDUAL EM TODO O CAMPO
  • 17. DEFESA INDIVIDUAL
    • DO JOGO SIMPLES AO MEIO DE TRABLHO NO TREINAMENTO
    • COLOCAÇÃO DOS JOGADORES
    • -DEPENDÊNCIA DO JOGADOR AO QUAL SE DEFENDE
    • FORMULAS DE EMPARELHAMENTO:
    • CRITERIO NOMINAL (Por nome ou por numero)
    • Permite igualar os emparelhamentos
    • situação da defesa quando terminado a ação de ataque.
    • CRITÉRIO DE PROXIMIDADE (Zona de finalização ofensiva)
    • Permite encontrar o oponente no mínimo tempo
    • Os emparelhamientos podem ser desiguais
  • 18. ATAQUE CONTRA A DEFESA INDIVIDUAL
    • CONCEITOS PREVIOS
    ESPAÇO DE FINALIZAÇÃO ESPAÇO DE CRIAÇÃO DO JOGO AO TRABALHAR DEFESA INDIVIDUAL OS ATACANTES DECIDEM A QUANTIDADE DE DEFESAS QUE TERÁ EM CADA ZONA
  • 19. DESMARQUES
    • 1.- DISTRIBUÇÃO DO ESPAÇO
    • 2:2 MINIHANDEBOL 3:3 BALONMANO
    • 2.- TIPOS DE DESMARQUE
    • DESMARQUE EM PROFUNDIDADE
    • DESMARQUE EM APOIO
    • 3.- MOVIMIENTOS DOS JOGADORES
    • OCUPAÇÃO E DESOCUPAÇÃO DE ESPAÇOS
  • 20. RECOMENDAÇÕES
    • UTILIZAR A PARTIDA DE HANDEBOL COMO MEIO PRINCIPAL DE TRENAMENTO
    • JOGOS
    • MODIFICAR REGRAS
    • ATAQUE
    • Conseguir eficácia nos arremessos
    • Trabalho seletivo de motricidade de arremesso
    • Dissociar mirada de arremesso
    • Trabalhar encadiamentos antes de arremessar e depois
    • Introduzir conceitos de colaboração (desmarques organizados)
    • Trabalho seletivo de diferentes tipos de desmarque
    • Trabalho seletivo do momento de desmarque
    • Tarefas com alternância de desmarques criando e ocupando espaços
    • Tarefas de continuidade de jogo atá acabar com um arremesso
  • 21.
    • DEFESA
    • Para aprender a minimizar a eficácia dos arremessos
    • Trabalho seletivo da persuasão legal com o tronco
    • Trabalho seletivo de bloqueio
    • Alguns exercícios de goleiro, procurando que todos passem por todos os postos
    • Para conseguir os conceitos de colaboração defensiva
    • Trabalhando sobretudo nas partidas
    • Aprender a antecipar as situações que provocam as trocas de oponentes ou de deslizamento
    • Aprender a reconhecer que um companheiro tem sido superado para ajudá-lo
  • 22. ETAPA 5 DEFESA / ATAQUE INDIVIDUAL A MEIO CAMPO Observação: Quando os atacantes rompem com muita facilidade a defesa HxH, é o momento de reduzir o espaço para os defensores, desta maneira os defensores iniciam sua atividade HXH à partir da zona do centro do campo. Isto permite que os defensores reduzem o espaço defensivo, e assim pode aumentar sua efetividade. Da mesma maneira permite aos atacantes terem um espaço de reorganização prévia antes do ataque sobre defesas de proximidade Objetivos Atacantes Ocupar e liberar espaços para facilitar a finalização no espaço de maior efetividade Defesa Recuperar a bola e dificultar a progressão do adversário sobretudo à zonas centrais
  • 23. ETAPA 6 DEFESA POR ZONA 3:3 ATAQUE A DEFENSA EM ZONA 3:3
    • DEFESA POR ZONA 3:3
    • LIMITAR O ESPAÇO A DEFENDER
    • PROTEGER COM MAIOR EFETIVIDADE AS ZONAS DE CRIAÇÃO E FINALIZAÇÃO.
    • AUMENTAR AS AJUDAS, DADAS AS MELHORAS OFERECIDAS PELOS JOGADORES ATACANTES.
  • 24.
    • COLOCAÇÃO DOS JOGADORES
    3 3
  • 25. ANTES AGORA COLABORAÇÃO
  • 26. TROCA DE OPONENTE
  • 27. DESLIZAMENTO
  • 28. DESLIZAMENTO TROCA DE OPONENTE
  • 29. ATAQUE A DEFESA ZONA 3:3
    • AMPLITUDE E PROFUNDIDADE
    • JOGO COM E SEM BOLA
    • ATAQUES SOBRE OS INTERVALOS
    • TRABALHO DE ENCADEAMENTOS
    • PASSE E VAI
    • PENETRAÇÕES SUCESSIVAS – PONTOS DE APOIO
  • 30. RECOMENDAÇÕES PARA A SEXTA ETAPA
    • 1.- OS JOGADORES DEVEM JOGAR EM TODAS AS POSIÇÕES
    • 2.- EXERCÍCIOS SELETIVOS DE ARREMESSOS, INCIDÊNCIA A POSSIBILIDADE DO ARREMESSO A DISTÂNCIA
    • 3.- INTRODUÇÃO AS SITUAÇÕES DE BLOQUEIO
    • 4.- A PERSUASÃO DEVERÁ SER EQUILIBRADO, JA QUE A DEFESA POR ZONA QUER PROVOCAR QUE A DISTANCIA ENTRE DEFESA E ATAQUE SEJA MAIOR
    • 5.- ACENTUAR E POSITIVAR AS AÇÕES DE ENCADEAMENTO TANTO NA DEFENSA COMO NO ATAQUE
    • 6.- AO ACENTUAR OS PASSES LATERAIS, TENTAR QUE NÃO SE PERDA A VERTICALIDADE COM A BALIZA
    • 7.- EVITAR O DRIBLE DE BOLA DEPOIS DA RECEPÇÃO. TENTAR RECEBER A BOLA EM MOVIMENTO
    • 8.- MANTER OS JOGOS; AUMENTO DOS EXERCÍCIOS SELETIVOS; UTILIZAR ENFRENTAMENTOS 3X3, 4X4, COM OBJETIVOS ESPECIFICOS.
  • 31. OBJETIVOS TERMINAIS DA ETAPA DE INICIAÇÃO GLOBAL
    • ATAQUE
    • 1.- RECONHECER ATACANTE
    • 2.- DISPERSAR-SE
    • 3.- MANTER A POSSE DE BOLA.
    • 4.- QUE A BOLA TROQUE DE POSSE DE JOGADOR
    • 5.- FAZER QUE A BOLA AVANCE ATÉ A BALIZA
    • 6.- CONSEGUIR EFICÁCIA NOS ARREMESSOS
    • 7.- CONSEGUIR CONCEITOS SIMPLES DE COLABORAÇÃO
    • DEFESA
    • 1.- RECONHECER COMO DEFENSOR
    • 2.- RESPONSABILIZAR-SE DE UM ATACANTE.
    • 3.- EVITAR QUE A BOLA CIRCULE ENTRE OS ATACANTES
    • 4.- RECUPERAR ATIVAMENTE A BOLA
    • 5.- EVITAR O AVANÇO DOS ATACANTES
    • 6.- MINIMIZAR A EFETIVIDADE DO ARREMESSO
    • 7.- CONSEGUIR CONCEITOS SIMPLES DE COLABORAÇÃO
  • 32. PRINCIPIOS TÉCNICO-TÁTICOS DE JOGO ATAQUE OCUPAR AMPLIAR DEFESA EVITAR OC. EVITAR AM . ELEMENTOS INDIVIDUAIS DE JOGO 1.- JOGO SEM BOLA DESM. SEM BOLA PROGRESSÃO PROTEÇÃO DESM. COM BOLA ARREMESSO PASSE DISSUADIR RECEPÇÃO INTERCEPTAR PERSUADIR (ACOSO) DISPOSIÇÃO CONTROLE BLOCAQUEIO DISUA/INTERC. PASSE 2.- JOGO COM BOLA 3.- FASE FINAL POSSE
  • 33. PROGRESSÃO METODOLOGICA: PROC. BÁSICOS TÁCTICA COLECTIVA ETAPAS PROCEDIMENTOS BASICOS ATAQUE PROCEDIMENTOS BASICOS DEFESA PROCEDIMENTOS BASICOS ATAQUE ENCADEAR AÇÕES INDIV. E CONTINUIDADE (Organizar colet. AÇÕES Individ.) MANTER EST. Pontos de apoio MODIFICAR EST. Passe/Desmarq. DESLIZAMIENTO AJUDA PREVENT AJUDA DECISIVA ATAQUE/DEFESA INDIVID. NOMINAL ATAQUE/DEFENSA IND. NÃO NOMINAL
  • 34.
    • ETAPAS
    PROCEDIMENTOS BÁSICOS ATAQUE PROCEDIMENTOS BASICOS DEFESA ORGANIZAÇÃO DO JOGO ENCADEAR AÇÕES INDIV. E CONTINUIDADE (Organizar colect. AÇÕES Individ.) MANTER EST. (Puntos apoio) MODIFICAR EST. (Passe/Desmarque) DESLIZAMENTO AJUDA PREVENT. AJUDA DECISIVA ATAQUE/DEFESA INDIVID. NOMINAL ATAQUE/DEFESA IND. NÃO NOMINAL OCUPAR O ESPAÇO/EVITAR (Trabalho coletivo benefício proprio) PENETR. SUCES. REPETIÇÃO PASSE CRUZAMENTOS TROCA OPONENTE MESMA LINHA ATAQUE/DEFESA TRANSIÇÃO (2 Linhas Defensivas) AMPLIAR O ESPAÇO/EVITAR (Trabalho Colectivo beneficio proprio) DESLOCAMENTO (Fixação/Cortina) CORPO (Bloqueio/Pantalia) TROCA OPONENTE DIF. LINHAS BLOCAQUEIO ATAQUE/DEFESA TRANSIÇÃO (1 linha defensiva) PROGRESSÃO METODOLÓGICA: PROC. BÁSICOS TÁTICA COLECTIVA
  • 35. 1.80 1.60 MINI MIRIM
  • 36. 5 M 7 M 20-28 M 13-15 M 6M